Destaque

Depois de cem dias, Trump permanece imprevisível

A avaliação mais positiva em relação à política externa dos primeiros cem dias de Donald Trump na presidência dos Estados Unidos veio do especialista Eric Gomez, do think tank liberal-conservador Instituto Cato. Para ele, a atuação de Trump pouco difere da de seu antecessor. Assim como o ex-presidente Barack Obama, Trump trabalha com uma mistura de pressão política, diplomática e militar, avalia Gomez. O problema é que a sua política é imprevisível, já que o republicano muda toda hora de opinião. E, segundo Gomez, isso acontece porque Trump simplesmente não entende as correlações na área de política externa. O especialista Michael Werz, do think tank liberal Centro para o Progresso Americano (CAP), é da mesma opinião...

Entrevista especial com Rodrigo Nunes

Conjecturar o que seria a esquerda pós-PT “não expressa um desejo ou projeto”, mas “descreve um fato futuro que tende a se realizar”, afirma Rodrigo Nunes na entrevista...

Artigo: “Corja patocrática, não tem vergonha”

O Brasil vive o pior momento da sua história. Já passamos por períodos muito ruins, como o da ditadura militar, mas nada se compara ao assalto que o consórcio golpista...

Levantando o véu da reforma trabalhista

Fruto de uma concepção neoliberal de desenvolvimento, o Projeto de Lei da Reforma Trabalhista aprovado na Câmara dos Deputados propõe drástica alteração...

Leia Também:

[30/04/2017] - Feira: PMDB terá de devolver R$ 100 mil pagos à defesa de Colbert
[30/04/2017] - Simões Filho: Ambientalistas se posicionam contra aterro sanitário
[30/04/2017] - 10 fatos que provam que a vida dos pobres virou um inferno

A greve, a revolta e os roubos que destruíram o país

Depois de Sérgio Cabral, de mais de R$ 1 bilhão em roubo, depois de alguns bancos terem operado no imposto de renda, depois da velocidade dos depoimentos na Operação...

Leia Também:

[30/04/2017] - Iaçu: Secretária de saúde denuncia desvio de verbas
[30/04/2017] - Dono da Andrade falará de suspeita de propina a Aécio
[30/04/2017] - Porque a Greve Geral não fará governo Temer recuar

Greve é motivada pela corrupção e impunidade

A presidenta eleita do Brasil, Dilma Rousseff, sofreu impeachment – supostamente por descumprimento da lei orçamentária – e foi substituída pelo seu...

Leia Também:

[30/04/2017] - Ilhéus: Hospital Regional Costa do Cacau tem obras concluídas
[30/04/2017] - IBGE sob suspeita de favorecer PIB de Temer
[30/04/2017] - Michel Temer subestima a Greve Geral no Brasil

28 de abril tornou-se um marco, o dia da verdade

Mais do que um dia nacional de paralisação contra a reforma da Previdência e trabalhista do governo de Michel Temer, esta greve geral de hoje (28) tornou-se um marco na...

Leia Também:

[30/04/2017] - S. Desidério: PF investiga cartório por falsificação de documentos
[30/04/2017] - Jogo da Baleia Azul: Até que ponto devemos nos preocupar?
[30/04/2017] - Greve Geral vence a conspiração da Mídia e do Judiciário

Temer: Reformas só serão debatidas com Congresso

A manhã despontou no coração de São Paulo e os transeuntes que se via eram basicamente os moradores de rua que ali passam seus dias. Lojas fechadas, pouquíssimo...

Leia Também:

[30/04/2017] - Alagoinhas: Prefeito e vice podem ter mandatos cassados
[30/04/2017] - A greve geral mostrou a força de milhões de trabalhadores
[30/04/2017] - Deputado ruralista sinaliza próximo alvo: “reforma dos indígenas”

Desde anos 90 Haddad previa onda conservadora

A ascensão de movimentos de extrema direita é um dos fenômenos recentes da história política que vem chamando a atenção de cientistas políticos no mundo inteiro, por...

Leia Também:

[30/04/2017] - Itaguaçu: Sistema de água leva qualidade de vida para zona rural
[30/04/2017] - O indigesto e ruidoso recado das ruas para Temer e o Congresso
[30/04/2017] - PEC do foro privilegiado pode encalhar na Câmara