06/09/2016

Governo apoia quatro dos sete atletas paralímpicos baianos

 

Quatro dos sete atletas da Bahia que vão disputar, a partir desta quarta-feira (7), os Jogos Paralímpicos Rio 2016, recebem apoio do Governo do Estado - Jeferson Gonçalves (Jefinho) e Cássio Lopes (Futebol de 5), por meio do Programa Estadual para Apoio à Prática do Esporte (Bolsa Esporte), e Verônica Almeida (nadadora) e Renê Pereira (remo adaptado) via o Programa de Incentivo ao Esporte Amador, Olímpico e Paralímpico (FazAtleta).

A Bahia será representada também pelos atletas Raissa Machado e Tascitha Cruz (atletismo) e Gleidson Barros (Futebol de 5). Jeferson foi bicampeão em Pequim (2008) e Londres (2012), Cássio, campeão em Londres (2012) e Verônica,  bronze em Pequim (2008).

Jeferson Conceição Gonçalves (Jefinho) nasceu em 5 de outubro de 1989, em Candeias, e aos 7 anos perdeu a visão em decorrência de glaucoma. Antes de ser o talento do Futebol de 5, passou pela natação e atletismo. Em 2010 foi eleito melhor jogador do mundo. Com a Seleção Brasileira, o ala direito foi bicampeão Paraolímpico, em Pequim (2008) e Londres (2012). O jogador tem 1,65m de altura e 66 quilos.

Cássio Lopes dos Reis é natural de Ituberá e nasceu em 15 de maio de 1989. O zagueiro perdeu a visão aos 14 anos por causa de um deslocamento de retina seguido de catarata. Praticante de esportes quando criança, passou a jogar o Futebol de 5 com 20 anos. Foi Campeão Mundial em 2010, e ouro no Parapan de Gudalajara (2011) e nas Paraolimpíadas Londres (2012). Tem 1,81m de altura e 75 quilos.

Verônica Mauadie de Almeida é soteropolitana enasceu em 15 de maio de 1975. Teve perda de força nos membros inferiores e limitação na rotação do braço direito em 2007, provocado pela Síndrome de Ehlens Danlos. Aos 5 anos de idade, iniciou na natação. Nadou por 15 anos, mas parou devido à doença. Aos 30, retornou ao esporte por recomendação médica. Passou a competir em 2007, na classe S10. Tem 1.53 m de altura e 53 quilos. Suas principais conquistas são bronze no Mundial de Natação de Eindhoven (2010), bronze nos 50 metros borboleta, nos Jogos Paralímpicos de Pequim (2008).

Renê Campos Pereira é natural de Itapetinga nasceu no dia 27 de junho de 1980mem Itapetinga. Vencedor da final B da categoria ASM 1x no Mundial de Remo, realizado na cidade francesa de Chambery, garantiu vaga nos Jogos ParalímpicosRio 2016. Formado em Medicina (psiquiatria), sempre praticou esporte. Jogou futebol, karatê e tênis. Quando fazia residência no Hospital São Rafael, em Salvador, descobriu uma infecção na medula provocada pela bactéria staphylococos, quelhe deixou paraplégico.

Raissa Rocha Machado nasceu em 17 de maio de 1996, em Ibipeba. Teve má formação congênita nas pernas e possui movimentos limitados.Como não conseguia esticar totalmente as pernas, começou praticandoginástica rítmica e ballet. Aos 14 anos, iniciou no atletismo e, desde então, vem se destacando na modalidade. Na Classe F56, conquistou ouro no lançamento de dardo; prata nos 100 metros e bronze no arremesso de peso, nos Jogos Parapan-Americanos de Jovens da Argentina, em 2013. Tem 1,56 metros de altura e 42 quilos.

Tascitha Oliveira Cruz nasceu em Salvador, no dia 30 de janeiro de 1993. Foi prematura e, com isso, adquiriu a encefalopatia bilirrubínica, ficando com paralisia cerebral. Em 2005, iniciou na ginástica olímpica, passando depois a praticar capoeira e dança. Se firmou no atletismo aos 19 anos, na classe T36, e fez sua estreia nos Jogos Parapan-Americanos. Tem 1,55 metros de altura e 52 quilos.

Alunos de projeto BCS de Itinga participam de Torneio de Taekwondo

Sessenta alunos integrantes do Projeto Luta Cidadã, acompanhados do soldado Leonardo, instrutor da Base Comunitária de Segurança (BCS) Itinga, participaram do 2º Torneio Metropolitano Aberto de Taekwondo, realizado no Ginásio de Esportes do Colégio Dois de Julho, em Salvador. Atletas de atletas de outras academias também disputaram no evento.

As disputas aconteceram nas modalidades salto em altura, poomsae e competição. Foram entregues medalhas, troféus e certificados aos participantes e campeões. Estiveram presentes ao evento, no domingo (4), o comandante da 81a CIPM, major Sérgio Dias, a comandante da BCS Itinga, tenente Naila Menezes, o grão-mestre Carlos Sidrônio, além de policiais militares da base, árbitros e membros da Federação de Taekwondo Moo Duk Kwan da Bahia.

 

Fonte: Ascom Setre/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!