01/04/2017

Alagoinhas: Mutirão de Cirurgias tem início na região em abril

 

O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Saúde (Sesab), inicia no mês de abril o Mutirão de Cirurgias para a população da região de Alagoinhas (nordeste), que inclui 18 municípios. As consultas (160 diariamente) serão realizadas no período de 5 a 7, a partir das 7h, em unidade móvel que estará estacionada no município de Catu, no Centro Administrativo, localizado na Avenida Geonisio Barroso, s/n, no Bairro Boa Vista.

As cirurgias começam a ser feitas a partir do dia 8, no Hospital Municipal de Catu, localizado na Avenida Geonisio Barroso, s/n. Durante a ação, serão realizados os seguintes procedimentos cirúrgico - hérnias (umbilical, inguinal, epigástrica), histerectomia e colecistectomia. Todos os pacientes devem levar para a consulta os resultados dos exames laboratoriais e outros que tenham sido feitos. Para aqueles que vão passar pela cirurgia de histerectomia é preciso também apresentar o resultado dos exames preventivos. Quem vai passar por cirurgia de vesícula, deve comparecer à consulta em jejum, pois realizará exame de USG (ultrassonografia).

O atendimento do paciente ocorre a partir da indicação médica para a cirurgia e da realização de cadastro na Secretaria de Saúde do município de residência. Caso ele não tenha feito o cadastro prévio, mas tenha exames laboratoriais que comprovem a necessidade de realizar uma das cirurgias oferecidas, pode comparecer ao local das consultas pré-operatórias munido dos documentos exigidos.

O superintendente de Atenção Integral à Saúde da Sesab, Jassicon Queiroz, explica que o paciente deve ir até o local de atendimento com RG, cartão do SUS e exames laboratoriais atuais. “Todos passam pelo cadastramento, pela consulta médica e fazem exames pré-operatórios e já saem com a cirurgia agendada”. Ele ainda destaca que no momento da alta hospitalar, além das orientações, os pacientes saem com todos os medicamentos para garantir a segurança da cirurgia.

Na lista única disponível no site do mutirão é possível o paciente saber se está cadastrado para a cirurgia. Também ele ou responsável poderá se informar na Secretaria Municipal de Saúde de seu município.

  • Municípios participantes do Mutirão de Cirurgias

Alagoinhas

Acajutiba

Aporá

Aramari

Araças

Cardeal da Silva

Catu

Entre Rios

Esplanada

Inhambupe

Itanagra

Itapicuru

Pedrão

Crisópolis

Jandaira

Ouriçangas

Rio Real

Sátiro Dias

Ronda Maria da Penha apresenta resultados positivos em um ano de atuação em Rio Real

Com um ano de atuação na região, a Operação Ronda Maria da Penha (ORMP) em Rio Real já apresenta resultados positivos nas ações protetivas para as vítimas de violência contra a mulher. Os policiais que fazem parte da ORMP Rio Real, antes de atuar, participaram de instrução específica para o trabalho, ministrada pela major Denice Santiago, comandante da ORMP e idealizadora do projeto na Bahia.

As ações da operação na região são desenvolvidas após as medidas protetivas serem decretadas pelo Poder Judiciário, com o objetivo de resguardar a segurança da vítima. Também são promovidas palestras, participação em eventos, campanhas e promoção afirmativa da mulher inserida na sociedade. Desde a criação, já foram atendidas cerca de 40 mulheres.

 Segundo a subtenente Lucileide, responsável pela Ronda Maria da Penha na área da 6ª CIPM, os resultados positivos se devem ao empenho no trabalho de prevenção e também às ações de combate à violência. "O principal motivo do projeto ser implantado foi devido aos altos índices de ocorrência registrados, envolvendo violência de diversas direções, tendo a mulher como vítima, além dos registros de mulheres que foram assassinadas por seus companheiros no município e região".

O comandante da CIPM, capitão Aragão, comenta que torce também "para o fortalecimento da rede, com a integração e parceria de alguns órgãos, como Polícia Militar e Civil, Poder Judiciário e Ministério Público, Secretaria de Saúde, Educação e Assistência Social  do município, buscando o melhor funcionamento do projeto".

Centro de Referência atende gratuitamente pacientes com autismo

Inaugurado em novembro do ano passado, o Centro de Referência Estadual para Pessoas com Transtorno do Espectro Autista (CRE-TEA) - Novo Mundo já realizou mais de 2 mil atendimentos. A unidade, gerida pela Liga Álvaro Bahia Contra a Mortalidade Infantil, atende gratuitamente 200 pacientes por mês em especialidades como fisioterapia, fonoaudiologia, nutrição, musicoterapia, psicologia, psicopedagogia e terapia ocupacional.

A instituição é referência no Sistema Único de Saúde (SUS) para a assistência especializada e interdisciplinar aos pacientes autistas de todo o estado e conta com uma equipe multiprofissional. "Não existe limite de idade para o paciente ser atendido no centro. Aqui temos uma equipe especializada e todos os equipamentos necessários para garantir atendimento pleno ao paciente", explica a diretora técnica da unidade, Adriana Cardoso.

Aos 7 anos, Henrique foi o primeiro paciente da unidade. Sempre acompanhado pela avó, Sueli Luz, o garoto já apresenta evolução no tratamento. De acordo com Sueli, a oferta dos serviços gratuitos é importante para a garantia do acompanhamento médico. "A equipe é maravilhosa. O acolhimento e a atenção são fundamentais para o desenvolvimento do Henrique. Além disto, o fato de ser gratuito ajuda muita gente, pois esses serviços são muito caros na iniciativa privada", ressalta.

O autismo é uma disfunção que afeta a capacidade de comunicação e altera o comportamento do indivíduo, como a forma que estabelece relacionamentos. A condição atinge cerca de 70 milhões de pessoas em todo o mundo. Os agendamentos no Centro podem ser feitos através do telefone 71 3336-6147, de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. No momento da consulta, é necessário apresentar os seguintes documentos: certidão de nascimento ou registro de identidade, comprovante de endereço, cartão SUS, documento de identidade dos pais e/ou responsáveis.

Planserv amplia serviços de saúde no interior do Estado

Os beneficiários do Planserv, sobretudo do interior do Estado, terão mais acesso aos serviços de saúde oferecidos por clínicas e laboratórios credenciados ao plano. No total, 139 especialidades foram habilitadas ao credenciamento junto à Assistência à Saúde dos Servidores Públicos Estaduais. Além do ingresso de 24 novos prestadores à rede, outros serviços serão oferecidos por instituições já credenciadas. O resultado do primeiro julgamento para credenciamento ao Planserv de 2017 pode ser conferido no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (31).

O atendimento dos novos serviços será iniciado no mês de abril. Segundo a Coordenadora Geral do Planserv, Cristina Cardoso, “os novos serviços reduzem as lacunas assistenciais, sobretudo nos municípios mais distantes da capital, e nos ajudam a cumprir nossa meta de expansão da Assistência”, declara.

Entre as empresas que foram julgadas habilitadas pelo Planserv destacam-se, em Jacobina, a SERMUS - Serviço de Ultra-sonografia e Mamografia, o LA Laboratório de Análises Matos e o HMNL Serviços Médicos, que oferece o serviço de remoção de pacientes entre unidades de saúde. Já em Paulo Afonso, tanto a Clínica Radiológica de Paulo Afonso quanto a Clínica Médica Maria Gleide Batista oferecerão serviços de saúde aos beneficiários do Planserv.

Alem disso, há ampliação em Serrinha, pelo Centro Médico JC e em Senhor do Bonfim, pela RMS Serviços Médicos. A habilitada em Irecê foi a Diagnomed Lucena e em Seabra a Clinfisio Clínica de Fisioterapia.

Em breve, consultas médicas e cirurgias em diversas especialidades médicas também poderão ser agendadas nos prestadores credenciados em Cruz das Almas (Clínica Médica Instituto Cardioimagem); e Ilhéus (Amo Ilhéus – Assistência Multidisciplinar em Oncologia de Ilhéus e Gusthavo Pereira Boniares). Em Vitória da Conquista, a Vittasaude – Assistência Multiprofissional a Saúde, Consultoria e Capacitação também foi declarada habilitada pelo Planserv a oferecer os seus serviços.

Na capital baiana, foram contemplados os distritos sanitários da Boca do Rio (Ismed - Instituto de Saúde Médica); Cajazeiras (Fisiovida Clínica de Fisioterapia e Serviços Médicos); Centro Histórico (TRANS MEDI Serviços Médicos); Itapuã (Clínica Médica Abaeté, Núcleo de Otorrinolaringologia de Alphavylle e Proneuro Assistência Neurológica) e Liberdade (Cliviva Centro Médico da Liberdade e Centro Médico Salvador IAPI).

Segundo o Coordenador de Gestão de Rede do Planserv, Paulo Barbosa, foram priorizados os locais que atendem as premissas do projeto Padrão Assistencial Planserv, o PAP. Segundo elas, os critérios de credenciamento de prestadores do Planserv observam o número de beneficiários residentes em cada localidade. “A ideia é evitar a concentração de serviços de saúde credenciados ao Planserv em determinados polos e ampliar a rede, proporcionando maior comodidade ao beneficiário. Queremos dar acesso aos beneficiários do Planserv ao atendimento em estabelecimentos próximos aos seus domicílios”, explicou.

 

Fonte: Ascom Sesab/Secom Bahia/Ascom SAEB/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!