09/05/2017

Festival gospel 'Promessas Canta Salvador' acontece dia 20

 

A edição 2017 do "Festival Promessas Canta Salvador" será realizada no próximo sábado, 20, no Wet'n Wild, na avenida Paralela. O evento está previsto para iniciar às 18h.

Com o tema "movidos pela fé", o festival traz para a capital baiana os grandes nomes da música gospel nacional, como Fernandinho, Thalles Roberto, Sandro Nazireu, Daniela Araújo, o rapper pregador Luo juntamente com a banda APC 16 e a banda de rock Oficina G3.

A festa deste ano reúne as marcas "Canta Salvador" e "Festival Promessas", resultando na nova nomenclatura "Festival Promessas Canta Salvador".

Os ingressos são vendidos a R$ 40 (pista), R$ 60 (área vip) e R$ 100 (camarote open bar) e podem ser adquiridos nos balcões da Ticketmix, nas Livrarias Betânias, Livraria Boas Novas (Shopping Itaigara), Livraria Assembleia de Deus (Liberdade), Livraria CPAD (Iguatemi) e no site do Evetim.

“Papo de Mãe” com pocket show de Ana Vilela, Salvador Shooping, 9

A cantora Ana Vilela,a qual ganhou projeção nacional depois que a música Trem-bala viralizou na internet, fica frente a frente com o público baiano nesta terça, 9 de maio. A apresentação, marcada para 19h na Praça Central do Salvador Shopping, marca a abertura do Papo de Mãe, evento com conteúdos exclusivos planejado pelo empreendimento para agradar mães e filhos de todas as gerações.

A programação segue até domingo, dia 14, com bate-papos com Gabriela Kapim, Karen Brustollin, ‘Tia Má’ e Julyana Mendes, além de apresentações musicais de Luiza Possi e Erasmo Carlos. A grade inclui, ainda, ações voltadas para o universo feminino, promovidas por marcas do mix de lojas do empreendimento. Ainda nesta terça, antes de Ana Vilela, o público acompanha palestra sobre aleitamento materno e primeiros cuidados com o bebê oferecida pela Granado, às 16h30.

Todas as atividades têm entrada gratuita. O acesso aos pocket shows será por ordem de chegada. Para as demais ações do Papo de Mãe, os interessados podem se inscrever no local ou através do aplicativo do Salvador Shopping, disponível para smartphones Android e IOS.

  • SERVIÇO

PAPO DE MÃE

Período: 9 a 14 de maio de 2017

Local: Salvador Shopping (Praça Central – Piso L1)

Informações: www.salavadorshopping.com.br

Entrada franca

Péri faz homenagem a Roberto e Erasmo Carlos no Domingo no TCA

Mais uma atração musical inédita do projeto Domingo no TCA, o cantor e compositor baiano Péri vai homenagear Roberto Carlos & Erasmo Carlos no show intitulado “O Meu Amor Maior do Mundo”, em cartaz no próximo dia 21 de maio, às 11h, na Sala Principal do Teatro Castro Alves. O tributo aos dois ícones da Música Popular Brasileira – cantores e compositores com uma vasta obra de sucesso iniciada na Jovem Guarda dos anos 1960 – será também um show romântico destinado a embalar os corações sensíveis do público, no mês que é especialmente dedicado às mães e às noivas.

No repertório, uma seleção de canções marcantes da dupla Roberto e Erasmo, que vêm conquistando várias gerações, a exemplo de “Como É Grande o Meu Amor Por Você”, “Olha”, “Proposta”, “Esqueça” e “Detalhes”. “O Meu Amor Maior do Mundo” é um show de celebração ao amor e amizade, a paz e a tolerância”, diz o artista, que subirá ao palco acompanhado pelos músicos Rodrigo Fonseca no baixo, Cuca Ferreira no sax barítono e Marcelo Éfori na bateria.

Os ingressos para o show de Péri têm o valor simbólico de R$ 1 (inteira) e R$ 0,50 (meia), e serão vendidos no mesmo dia, a partir das 9h, com acesso imediato do público. O projeto Domingo no TCA é uma iniciativa do Teatro Castro Alves, através da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb) e da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA).

PÉRI (CANTOR, COMPOSITOR E PRODUTOR)

Periandro Cordeiro Nogueira, 52 anos, nasceu em Salvador, onde ouvia, ainda menino, o som dos blocos mais tradicionais do bairro, Apaches do Tororó e Secos e Molhados, que se concentravam nos dias de carnaval na porta da casa de seus avós. Despertado o interesse pela música, montou a banda Deita e Rola com amigos do bairro do Acupe, passo inicial para os festivais de escola, apresentações como crooner de boate, bares, bailes e em carnavais, quando cantou na Banda Pike, nos anos 1980. Já na carreira solo, Péri se apresentou no TCA, Concha Acústica, teatros do ICBA e da ACBEU, em Salvador. Péri foi considerado destaque nas edições de 86 e 90 do Troféu Caymmi – o mais respeitado e concorrido da música baiana –, levando os prêmios de melhor compositor, intérprete, produção, show, iluminação e banda. Mudou-se para São Paulo em 1991.

Grammy Latino

O cantor baiano já fez apresentações no John Anson Ford Amphitheatre Hollywood em Los Angeles, Estados Unidos, e no Festival de Vicky, Barcelona na Espanha. No Brasil, fez shows no Memorial da América Latina, Sesc Pompeia, Biblioteca Mário de Andrade e Museu de Arte Moderna da Bahia, dentre outros espaços. Gravou os álbuns “A Cama e a TV” (1997), “Morda Minha Língua” (2001), “Ladainha” (2003), “Samba Passarinho” (2005), “Segundo Tempo” (2007), “Vibe (2009)”, “2012” (2012) e “O Eterno Retorno” (2016). O CD Samba Passarinho foi finalista do Grammy Latino 2006, Prêmio Tim 2006 e do Projeto Rumos Itaú 2005. Péri já teve composições gravadas por nomes como Gal Costa, Vânia Abreu, Jussara Silveira, e Margareth Menezes.

  • Serviço:

“DOMINGO NO TCA” APRESENTA: PÉRI - “O meu amor maior do mundo” –tributo a roberto carlos & erasmo carlos

Quando: 21 de maio, domingo.

Horário: 11h

Ingressos*: R$ 1/R$ 0,50

*Vendas somente no dia, a partir de 9h, com acesso imediato do público.

Palacete das Artes sedia debate sobre perdas e ausências

“O luto, as perdas, os desperdícios e as ausências que choramos” é tema de palestra da psicanalista Maria Eunice Santos que acontece no Palacete das Artes, nesta quinta-feira (11), às 19h, com entrada gratuita. Conforme explica a especialista, a nossa sociedade ocidental foi “devidamente diagnosticada como narcisista, maníaca e hedonista”. E nesta busca incessante pelo prazer, pela beleza, pelo reconhecimento público, pelo estar presente nas redes sociais há um lado do espelho. “Esse lado é do medo da solidão, do esquecimento, de ser prescrito, de estar fora da validade, do desprezo. Isso não é novo. Freud já denunciava a fragilidade do homem moderno, a sua impotência diante das grandes injunções políticas, sociais e culturais”.

Durante a palestra, a coordenadora do Espaço Psicanalítico Interdisciplinar de Salvador, além de explicar porque a depressão não é uma virose e sim um efeito social, vai mostrar que a exigência do tempo moderno, com sua pressa e afã de realizações, faz com que o ser humano seja obrigado a reprimir, a ocultar de si, tudo que não resulta numa boa performance social.

Sobre as “ausências que não choramos”, diz a psicanalista. “As ausências se referem aquelas identidades que na sociedade não são reconhecidas como valiosas. Se morrem, viram números, não nomes. Quantas pessoas atravessaram nossa vida e não permitimos que elas tomassem corpo? E, portanto memória, e, logo ausência? Quantas vezes fomos mortos pela indiferença do outro, sua negação, crítica e desconhecimento?”.

Sobre a palestrante:

Maria Eunice Santos é ex-professora de psicologia da Ufba, membro do EBEP do Rio de Janeiro, do Espace Analytique de Paris, correspondente internacional da Psychanalyse Actuelle de Paris, coordenadora do Espaço Psicanalítico Interdisciplinar de Salvador, onde orienta, supervisiona e dá cursos sobre a Psicanálise, clínica e Cultura.

  • SERVIÇO

PALESTRA DA PSICANALISTA MARIA EUNICE SANTOS

“O luto, as perdas, os desperdícios e as ausências que choramos”

Data: quinta-feira (11)

Horário: às 19h

Local: Palacete das Artes - Rua da Graça, 284

Valor: gratuito

 

Fonte: A Tarde/Bahia Já/SecultBa/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!