13/05/2017

Feira: Micareta tem outras 49 atrações confirmadas

 

Além das atrações já confirmadas para a Micareta de Feira de Santana, como Harmonia do Samba, Léo Santana e Psirico, outros 49 artistas selecionados para a festa foram divulgados nesta sexta-feira (12). A micareta, que é um carnaval fora de época, ocorre oficialmente entre os dias 18 e 21 de maio. No entanto, no dia 17, acontece a pré-micareta, com desfile de alguns blocos.

De acordo com a Prefeitura de Feira de Santana, localizada a cerca de 100 km de Salvador, as novas atrações foram escolhidas entre 173 bandas inscritas. Na lista, contém nomes já conhecidos do público da cidade, a exemplo de Pagode do Segredo, Sem Mais Nem Menos, Paulo Bindá, Os Clones, Thalita Costa, Sarah Reis, Quixabeira da Matinha, Audácia Pura, Conect, Chicana, Dilma Ferreira, Djalma Ferreira, Galeguinho, Jean Santana, Gilsan, Márcia Porto, Luciana Alves, Marizélia, Monte Zion e muitos outros. [Confira a lista com todas as atrações já confirmadas para a festa na internet]

As 49 bandas e artistas se juntam as atrações anunciadas anteriormente pela prefeitura: Léo Santana, É o Tchan, Timbalada, Tayrone, Pablo, Psirico, Aline Rosa, Cheiro de Amor, Igor Kannário, Banda Eva e Saulo. Segundo a prefeitura, a grade oficial com os horários e dias das apresentações de cada atração será divulgada nos próximos dias.

Rainha, princesas e rei momo

A cabeleireira Jaize dos Santos, de 22 anos, foi eleita Rainha da Micareta 2017 em Feira de Santana, e vai comandar a festa ao lado do Rei Momo Newton Carvalho e das princesas Alana Santos de Almeida e Suzana Ferreira dos Santos. Eles foram escolhidos após votação, realizada no dia 7 de maio, no Teatro Municipal Margarida Ribeiro.

A Rainha da Micareta e o Rei Momo foram premiados com cheques de R$ 2 mil. Já as princesas reberam cheques de R$ 1.500 cada.

Festa

Neste ano, a Micareta de Feira de Santana completa 80 anos de criada e vai acontecer pela 78ª vez – não foram realizadas durante a 2ª Guerra Mundial e logo depois do Golpe Militar. O investimento no evento, nesta edição, segundo a prefeitura, é de R$ 5 milhões, sendo 25% bancados por patrocinadores.

Entre as novidades, está a data da festa, que já estava anunciada desde o final de 2016. A micareta, que tradicionalmente acontecia em abril, será realizada em maio devido aos feriados prolongados do mês de abril, que, segundo a prefeitura, poderiam prejudicar as vendas de abadás e ingressos.

A principal mudança, no entanto, será a ausência de alguns blocos tradicionais, que, conforme a prefeitura alegaram dificuldades financeiras para não participar esse ano do evento. Dos blocos tradicionais, somente o "Lá Vem Elas" vai participar esse ano da festa.

Sem os blocos, a prefeitura precisou gastar mais para realizar a Micareta. "A audência desses blocos com certeza vai ser sentida, inclusive pela prefeitura, porque contribuiam com o pagamento de muitas atrações. Com a ausência deles, a prefeitura vai ter de bancar essas atrações para o folião de Feira de Santana", disse o prefeito da cidade, José Ronaldo de Carvalho.

Mais 79 bandas completam a grade oficial da Micareta

As bandas que irão complementar a grade de atrações da Micareta de Feira de Santana 2017 foram anunciadas pela Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer. Mais 79 bandas e artistas da região irão também fazer a festa para o folião pipoca. Foram 173 bandas inscritas.

Na lista, anexada abaixo, contém nomes já conhecidos do público feirense, a exemplo de: Pagode do Segredo, Sem Mais Nem Menos, Paulo Bindá, Os Clones, Thalita Costa, Sarah Reis, Quixabeira da Matinha, Audácia Pura, Conect, Chicana, Dilma Ferreira, Djalma Ferreira, Galeguinho, Jean Santana, Gilsan, Márcia Porto, Luciana Alves, Marizélia, Monte Zion e muitos outros.

As 49 bandas e artistas se juntam as atrações anunciadas anteriormente pela Prefeitura de Feira de Santana e prometem fazer mais um ano de sucesso o maior carnaval fora de época do país. Léo Santana, É o Tchan, Timbalada, Tayrone, Pablo, Psirico, Aline Rosa, Cheiro de Amor, Igor Kannário, Banda Eva e Saulo também estão na grade.

A Micareta de Feira de Santana será realizada entre os dias 18 e 21 de maio. A grade oficial com os horários e dias das apresentações será divulgada nos próximos dias.

Feira: Greve de terceirizados faz estudantes assistirem às aulas em salas sujas

Funcionários de limpeza da Uefs [Universidade Estadual de Feira de Santana] paralisados cobram pagamento de salários.

Desde o dia 28 de abril, terceirizados do setor esperam ainda pelos salários de março, além de vale- transporte e ticket-alimentação de maio.

Por conta da situação, estudantes assistem às aulas em salas sujas. Segundo o Acorda Cidade, a empresa prestadora do serviço tinha prometido, antes, o pagamento dos salários no dia 28 de abril. No entanto, o prazo não foi cumprido, sendo estendido para a semana passada, mas somente parte dos trabalhadores recebeu os vencimentos.

Ainda segundo o site, para agravar a situação dos funcionários, o pagamento do último mês, que deveria ser feito na segunda-feira (8), também está atrasado.

Uma nota da administração da universidade declarou que a empresa alega dificuldades financeiras para honrar os compromissos. Por sua vez, a Aduf [Associação dos Docentes da Uefs] publicou nota em que pede à direção da universidade que suspenda as aulas.

ONGs devem se atentar para atualizações do Marco Regulatório

As instituições e organizações da sociedade civil (ONGs) que desenvolvem serviços de assistência social, terão que se adequar ao Marco Regulatório (lei federal 13.019/14), que institui normas gerais para parcerias voluntárias celebradas entre a Administração Pública e as entidades civis sem fins lucrativos. Com isso, as Organizações Não Governamentais conveniadas com a Prefeitura de Feira de Santana precisam se adequar para garantir o acesso às verbas de convênios públicos.

Para facilitar o processo, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social está disponibilizando um advogado especialista na área para orientar, gratuitamente, os dirigentes das entidades sobre as novas exigências, em vigor desde o dia 1º de janeiro deste ano. A equipa atua na parte da tarde, de segunda a sexta. Quem desejar agendar a consultoria gratuita poderá entrar em contato através dos números 3602-5555 ou 99262-0203 com Jaqueline Jatobá ou 3614-5848 e 98177-7205 com Lourdes Santana.

O Marco Regulatório foi criado através da Lei Federal 13.019, de 2014, e regulamentada através do Decreto Normativo Municipal 10.166, deste ano. Tem como principal foco a prestação de contas. Para tirar as dúvidas e orientar as diretorias das ONGS sobre a adequação ao Marco Regulatório, a ONG Odungê, dirigida por Lourdes Santana, firmou parceria com a Sedeso visando a disponibilidade do especialista para tirar as dúvidas das entidades de assistência social na cidade.

O advogado Paulo Soares, que irá auxiliar as entidades durante este novo momento, afirma que as associações precisam, a partir de agora, fazer alterações nos termos que regem o seu estatuto. “Principalmente no artigo 2º. Todas as instituições trazem o chavão ‘sem fins lucrativos”, mas isso não é suficiente. É preciso algo mais abrangente”. Afirma Paulo.

Ele completa informando que, caso haja sobras no dinheiro disponibilizado para as associações, esta determinada quantia não pode ser repassada para membros do grupo. A instituição deve construir um fundo patrimonial destinado aos objetivos da associação. Os objetivos destes grupos também precisam ser mais claros. “Alguns são repetitivos e também exagerados, em termos de quantidade. Aquilo precisa ser mais resumido”, completa.

Outra mudança destacada por Paulo é que, se a Prefeitura estiver interessa em desenvolver algum tipo de atividade através da sociedade civil, ela terá que fazer um edital chamando as entidades para se inscreverem e oferecerem seus projetos. Além de que as associações devem provar sua existência e conhecimento anterior. A Lei exige que, para os municípios, as associações tenham pelo menos 1 ano de funcionamento e que apresente um portfólio como garantia. Ele afirma que a “associações casuística” acabou”, finaliza.

 

Fonte: G1/Secom PMFS/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!