08/06/2017

Paulo Afonso sedia debates com povos e comunidades tradicionais

 

O município de Paulo Afonso, no Território de Identidade Itaparica, sedia a 19ª Reunião da Comissão Estadual para a Sustentabilidade dos Povos e Comunidades Tradicionais (CESPCT), instância vinculada à Secretaria de Promoção da Igualdade Racial da Bahia (Sepromi), nesta quinta (8) e sexta-feira (9)  O evento, que acontece no Hotel Belvedere, no centro da cidade, é uma estratégia de interiorização dos debates e políticas públicas que envolvem os segmentos tradicionais da Bahia, diálogo com as populações locais e construção de ações conjuntas entre Governo do Estado e a sociedade civil. 

O evento será aberto na quinta (8), às 9h, pela secretária da Sepromi, Fabya Reis, que preside CESPCT. Estão previstos relatos de experiências, além de visitas a comunidades indígenas, de terreiros, de fundo e fecho de pasto, de municípios como Paulo Afonso, Abaré e Glória. Haverá ainda exposição das ações governamentais, rodas de diálogo e explanações sobre o Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil (MROSC) e o contexto dos segmentos tradicionais no semiárido baiano.

Parceiros na região

Na articulação do encontro, no conjunto dos parceiros regionais, estão a Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR) e a Superintendência Baiana de Assistência Técnica e Extensão Rural (Bahiater), estruturas vinculadas à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR); Núcleo de Estudos em Povos e Comunidades Tradicionais e Ações Socioambientais (Nectas) da Universidade do Estado da Bahia (Uneb); Instituto Acção; e ONG Agendha (Assessoria e Gestão em Estudos da Natureza, Desenvolvimento Humano e Agroecologia).

Sobre a CESPCT

A Comissão Estadual para a Sustentabilidade dos Povos e Comunidades Tradicionais (CESPCT) é uma instância colegiada, de caráter deliberativo, com a finalidade de coordenar a elaboração e implementação da Política e do Plano Estadual de Sustentabilidade dos Povos e Comunidades Tradicionais da Bahia. O grupo é formado por 18 representantes da sociedade civil, de diversos segmentos (indígenas, ciganos, terreiros, marisqueiras e pescadores, fundos e fechos de pasto, geraizeiros, quilombolas e extrativistas), sendo composto também pelo poder público, em igual número.

Cemafauna comemora Dia Mundial do Meio Ambiente com vernissage.  Por Jaquelyne Costa

Na tarde desta segunda-feira, 05, data em que todo o mundo celebra o Dia Mundial do Meio Ambiente, o Centro de Conservação e Manejo de Fauna da Caatinga da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) e um dos Programas Básicos Ambientais do Projeto de Integração do Rio São Francisco com as Bacias Hidrográficas do Nordeste Setentrional (PISF) – Ministério da Integração Nacional, comemorou com o vernissage da exposição ‘Meu Ambiente que você respeita’ e palestra sobre o combate ao tráfico de animais silvestres. A mostra segue até o dia 23 desse mês e tem entrada gratuita.

São 50 desenhos que representam o cuidado e o alerta de crianças de cinco escolas municipais, estaduais e particulares que visitaram o museu no mês de maio e suas experiências vivenciadas durante as palestras e apresentação de alguns animais silvestres que estão em reabilitação no Centro. Na ocasião, 60 crianças de turmas do 3º, 4º e 5º anos do Colégio Manancial de Petrolina-PE, puderam conferir uma palestra especial sobre o combate ao tráfico de animais silvestres e ações realizadas pelo Centro em prol da conservação da fauna da caatinga.

Segundo a estudante do curso de Ciências Biológicas da Univasf e estagiária do Cemafauna, Anette Viana, as palestras realizadas no Centro exercem um papel marcante na vida das crianças que passam pelo Museu de Fauna. “O contato direto com essas informações faz com que esses pequenos aprendam a respeitar um pouco mais a natureza. Sinto-me honrada em proporcionar esses momentos, pois acredito que uma semente fica gravada no peito de cada um e espero continuar contribuindo cada vez mais para a construção dessa nova visão”, afirmou.

A aluna do 3º ano do Colégio Manancial, Ruana Maria, observou o grande amor que tem pelos animais e a experiência de visitar o Museu no Dia Mundial do Meio Ambiente. “Esse museu foi uma experiência muito boa para mim; adoro conhecer novos animais e foi legal vir porque aprendi que todos temos que preservar o Meio Ambiente porque os animais são muito importantes para a natureza”, disse. Jaciara de Macedo Santos, professora do 4º ano do Manancial, também expressou satisfação ao trazer os estudantes para o vernissage. “Foi prazeroso perceber a alegria deles em ter esse contato no Dia do Meio Ambiente e na palestra foi bem explanado sobre o contexto do nosso cotidiano e acredito que todos saíram daqui hoje muitos mais ricos de conhecimento e vão colocar em prática tudo o que aprenderam para proteger ainda mais os animais”, celebrou.

A exposição segue até o dia 23 desse mês de junho no hall do Museu de Fauna da Caatinga, Campus de Ciências Agrárias da Univasf em Petrolina. A entrada é gratuita e o público é livre.

Criada CPI para apurar denuncias de escândalos em Uauá

A manhã desta quarta-feira (07) foi bastante tensa e agitada no município de Uauá, Bahia, durante sessão ordinária na Câmara de Vereadores. O principal assunto de pauta a apresentação e discussão de um requerimento de autoria dos seis vereadores de oposição, incluindo o presidente da Casa Legislativa,  Rodrigo Gonçalves de Souza  (PTB), criando uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), cujo objetivo é apurar as suspeitas de desvio de finalidade de recursos do FUNDEB – 40%, de desvio de recursos do Contrato Emergencial 01/2017, dispensa de licitação para Coleta de Lixo no interior e sede e a suspeita de desvio de combustível em uso de máquinas pesadas da Prefeitura Municipal de Uauá.

Dos onze vereadores, cinco votaram a favor, sendo eles: Rosevaldo Loiola (PDT),  Luiz Carlos Lima Santos (PMDB), José Antonio Dias Nogueira (PMDB), Genilson Gonçalves Barbosa (PP) e João da Silva Carneiro (PP).

Votaram contra os seguintes vereadores: José Carlos Gonçalves (PCdoB), Jerônimo de Oséas (PP), Emerson Moraes (PCdoB) e Alef Barbosa da Silva Alves(PSL) filho do vice-prefeito e secretário municipal de Obras, João Alves (PSL).

Por sua vez, o vereador  Nilson Andrade (PP) se absteve de votar. O presidente da Casa,  Rodrigo Gonçalves de Souza  (PTB), só poderia votar em caso de empate.

O clima político na cidade não é nada bom, sendo que a cada momento surge uma nova denuncia de escândalo envolvendo a administração municipal. Diante da gravidade da situação, advogados e vereadores estão levando o caso ao conhecimento do Ministério Público Estadual e Federal, Controladoria Geral da União (CGU), Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) e Polícia Federal para que possam desarticular, sendo os próprios vereadores, um esquema pesado que se formou dentro da administração municipal, e que tem causado graves problemas à economia local, e ainda, prejudicando a vida de funcionários concursados como além de toda a população.

“Diante da gravidade das denuncias não poderíamos fechar os olhos para o que está acontecendo em nosso município. Nós vereadores temos um compromisso com a sociedade, e ela tem nos cobrado uma posição e a nossa resposta é esta em criar uma CPI para apurar os fatos”, revelou o vereador Rosevaldo.

Já como a justiça está passando o país a limpo, a exemplo da Operação Lava jato, o prefeito da cidade, e todos os envolvidos, podem sair de dentro da prefeitura algemados, caso todas as denuncias sejam comprovadas.

Empresas internacionais pretendem investir R$ 5,5 milhões e gerar 60 empregos diretos em Petrolina

O secretário de Desenvolvimento Econômico e Agrário, José Batista da Gama, recebeu na manhã desta terça-feira (06), em seu gabinete, o empresário Carlos Alberto Campos.

Com o objetivo de investir R$ 5,5 milhões e gerar 60 empregos diretos no ramo de Alimentos e Brinquedos, o empresário procurou a Secretaria para obter mais informações de como instalar a empresa Burger King e Rihappy na cidade.

O interesse do empresário em investir no nosso município se deve, em grande parte, ao crescimento que o Vale do São Francisco teve nos últimos anos. “Como eu tenho Petrolina e Juazeiro como duas cidades irmãs, que pra mim é uma cidade só, nada melhor que trazer esses empreendimentos”, ressaltou o empresário Carlos Alberto, que também informou que a construção e contratações para as duas lojas acontecerão ainda neste ano.

Segundo o secretário José Batista da Gama, a Prefeitura de Petrolina dará todo o apoio para atender, de acordo com as normas do município, a todos os empresários que desejam investir na cidade. “Estamos de portas abertas para firmar parceria no que for preciso. Agilizando a questão de licença ambiental, alvará de funcionamento, de forma que a Prefeitura, através da secretaria de Desenvolvimento Econômico e Agrário, estará à disposição para dar todo apoio logístico nessa alavancada do comércio e, quem sabe melhorar as condições de empregabilidade da nossa população”, adiantou o secretário.

 

 

Fonte: Ascom Sepromi/Ascom Cemafauna/Ação Popular/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!