13/10/2017

Paulo Afonso: Índios desocupam sede da Funai após 10 dias

 

Os índios que ocupavam a sede da Fundação Nacional do Índio (Funai) em Paulo Afonso, no norte baiano, deixaram o prédio nesta quarta-feira (11). Cerca de 200 indígenas, de 12 etnias da Bahia e Pernambuco, ocupavam o prédio, no ato iniciado em 2 de outubro.

Segundo a TV São Francisco, a saída ocorreu após reunião com a coordenadoria do órgão que confirmou a exoneração do então titular Edson Oliveira Maciel. Passa agora a coordenar regionalmente a entidade Ivo Augusto Oliveira.

Na terça-feira (10), os índios protestaram, fechando uma ponte, contra a nomeação de Edson Oliveira Maciel para o cargo de coordenador regional. No mesmo dia, Edson renunciou ao cargo e ficou de oficializar a decisão.

Além da saída do antigo coordenador, os índios pedem também a visita do presidente da Funai para conhecer as comunidades da região.

  • Relembre o caso:

Índios fecham ponte em protesto e coordenador da Funai renuncia a posto

Em torno de 200 índios moradores da Bahia e de Pernambuco fecharam a ponte que dá acesso à ilha de Paulo Afonso, no norte baiano, nesta terça-feira (10).

A concentração foi iniciada por volta das 5h. Segundo a TV São Francisco, a manifestação durou quase cinco horas e resultou na demissão do coordenador regional da Funai [Fundação Nacional do Índio], que renunciou ao cargo.

Os índios reclamavam da atuação da Funai na região, que segundo o grupo, não tem respeitado os direitos indígenas. Ainda conforme o G1, no dia 2 de outubro, os índios ocuparam a sede da Funai de Paulo Afonso. Na tarde desta terça, os manifestantes devem ir ao Ministério Público de Paulo Afonso para uma reunião.

Responsável pela crise, deputado se reúne com presidente da Funai e pede apoio aos indígenas da região

Esperto que só pinto no lixo depois de ter sido trucidado por alguns caciques, mas também tem a quem puxar, o deputado federal Mário Negromonte Junior (PP) não perdeu tempo e para amenizar as flechadas  ele dirigidas durante o bloqueio da ponte de acesso a Paulo Afonso, na semana passada.

O parlamentar procurou imediatamente o presidente da FUNAI, general do Exército Franklimberg Ribeiro de Freitas, na tentativa tentar  apagar o incêndio de largas proporções criado por ele quando entendeu de indicar um dos seus apadrinhados, o ex-vereador Edson Oliveira Maciel, Dinho, como disse o cacique Yssó da tribo Truka (PE), ao repórter  AC Zuca,  em entrevista na coordenadoria da FUNAI, em Paulo Afonso.

A visita do parlamentar pauloafonsino teve como objetivo solicitar um maior apoio para a Funai de Paulo Afonso, e consequentemente, melhores condições para os indígenas da região. Em um vídeo publicado nas redes sociais, o deputado aparece ao lado do presidente do órgão, dirigindo o pedido de apoio aos índios.

Depois de ter apelado por todos santos para apagar a péssima imagem que gerou no seio das tribos indígenas, Negromonte, postou em sua página no facebook; “O trabalho em conjunto entre a FUNAI NACIONAL e a FUNAI de PAULO AFONSO é a certeza que os índios da Bahia e Pernambuco serão bem assistidos. ”

“Venho aqui hoje pedir imensamente para que o senhor possa olhar com muito carinho, principalmente para os índios que são atendidos pela Funai de Paulo Afonso, sejam eles da Bahia, de Pernambuco ou Alagoas, mas eles precisam muito do apoio da Funai Nacional e eu tenho certeza que com o coração que o senhor tem, com a vontade que o senhor tem de querer fazer o bem, como nós temos, tenho certeza que o senhor vai olhar com muito carinho”.

Nesta quarta-feira (11), os cerca de 200 índios que ocupavam a sede da Fundação Nacional do Índio (Funai) na cidade de Paulo Afonso deixaram o prédio, após uma reunião com a coordenadoria do órgão.

A informação foi passada pelo novo coordenador regional, Ivo Augusto Oliveira, que assumiu o cargo interinamente após a saída do antigo coordenador, Edson Oliveira Maciel, cuja indicação teve o aval do deputado, apesar de total rejeição por parte da comunidade indígena.

Os indígenas, que pertencem a 12 etnias diferentes da Bahia e do Pernambuco, ocupavam o prédio desde o dia 2 de outubro.

Lei impõe multa para quem passar trote ao SAMU em PA

Pessoas que passarem trotes para o Samu em Paulo Afonso serão multadas em um valor de salário mínimo. Projeto de Lei nesse sentido será apresentado à Mesa Diretora da Câmara e posteriormente pela vereadora Leda Chaves (PDT) e posteriormente será sancionada pelo prefeito em exercício Flávio Henrique Magalhães Lima. Projeto semelhante fora apresentado pelo então vereador Dr. Luiz Aureliano de Carvalho Filho. De acordo com a coordenação do serviço, de 17.548 ligações anuais, realizadas em 2016, 13.005 são informações de ocorrências inexistentes.

A segunda secretária da Mesa Diretora da Câmara, acredita que a multa vai inibir os casos. “É uma brincadeira de extremo mau gosto que vai terminar em prejuízo financeiro para quem a pratica. “Cada trote que chega ao SAMU resulta em atendimentos que deixam de ser prestados, impedindo que o cidadão que precisa do serviço tenha acesso a ele, bem como na ocupação da linha telefônica e também no desgaste da equipe que está recebendo as chamadas”, destaca. A vereadora Leda salienta que “Trote é crime com pena de 1 a 3 anos de prisão.

Ligações repetitivas e com informações desencontradas e fragilizadas também se enquadram como trotes. O número do telefone que aparecer no BINA será repassado para a Anatel, que deverá identificar o responsável pela linha telefônica. Ainda segundo a vereadora Leda Chaves, o valor arrecadado com as multas deve ser revertido ao próprio Samu, a exemplo de compra de materiais, organização da estrutura do serviço e capacitação de pessoal.

Abertas inscrições para o Workshop ‘Desafios da Tilapicultura na Região dos Lagos do Rio São Francisco’

Os interessados em participar do Workshop – Desafios da Tilapicultura na região dos Lagos do Rio São Francisco já podem fazer suas inscrições no site do festival: www.festtilapia2017.com.br

O Workshop tem como público alvo Empresários, Produtores, Técnicos, Professores e Alunos de instituições de Ensino e Pesquisa, e acontece dia 25.10.2017, das 8h às 18h – no CDTA UNEB – Campus VIII, situado na rua do Gangorra, bairro Chesf. Com palestrantes de renome nacional, o evento vai abordar diversos assuntos como Oportunidades, Desafios e Estratégias da Aquicultura Brasileira, com o ex-ministro da pesca Altemir Gregolin; Indicadores Socioeconômicos do Desempenho da Produção de Tilápia no Brasil (Caso Glória), com o Prof. Dr. Omar Jorge Sabbag, da UNESP e a Profa. Dra. Renata Melon, da Embrapa Pesca e Aquicultura; Licenciamento Ambiental e Outorga de Águas Públicas da União, com o Dr. Renato Torigoi, da Secretaria de Aquicultura e Pesca do MDIC, além de outros temas e Mesas Redondas.

A todos os interessados, reiteramos que as inscrições se encontram abertas e que podem ser feitas diretamente no site do festival: www.festtilapia.com.br, e para a efetivação, deve-se doar 01 (uma) lata de leite em pó ou 02 (dois) litros de leite (UHT).

Câmara de Santa Brígida reprova contas e deixa ex-prefeito Pe. Teles inelegível até 2025

A Câmara Municipal da cidade de Santa Brígida, no Sertão da Bahia, reprovou, durante sessão realizada na noite dessa quarta-feira (11), as contas do ex-prefeito José Francisco dos Santos Teles (Pe. Teles), referentes aos anos de 2006 e 2011.

O Tribunal de Contas dos Municípios já tinha se manifestado pela reprovação das contas e a Câmara Municipal de Vereadores de Santa Brígida acatou por unanimidade.

Com um placar de 10 X 0, o ex-prefeito Padre Teles, a a partir de agora está inelegível por oito anos, ficando assim impossibilitado de concorrer a cargos eletivos até o ano de 2025.

Comportas de Tucutu em Cabrobo são reabertas

Credores da Mendes Júnior devolveram, nesta quarta-feira (11), a bomba da comporta do reservatório Tucutu do Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco, que havia sido furtada na segunda-feira (9). O equipamento foi reinstalado pelas equipes do Ministério da Integração Nacional e as águas do Rio São Francisco voltaram a percorrer as estruturas do Eixo Norte, após a reabertura das comportas de Tucutu, em Cabrobó (PE).

Terça (10), depois de quase uma semana de danos ao empreendimento, que incluiu pichações, depredações, furto e culminou com a invasão do prédio onde funciona o Projeto São Francisco, em Salgueiro (PE), os comerciantes desocuparam o local. O ato aconteceu após determinação da Justiça Federal, que deferiu a liminar de reintegração de posse feita pelo Ministério. A ação ainda inclui uma multa diária de R$ 5 mil, caso os credores não cumpram a decisão.

De acordo com o Ministério da Integração Todos os prejuízos causados à União estão em avaliação pela equipe técnica da Pasta.

Eleição de 2020 vai exigir novo perfil político dos candidatos

Diante da necessidade de ampliar e melhorar o desempenho dos parlamentares no Legislativo Municipal, a cúpula do PSD, vem dia a dia buscando atrair lideranças de peso para reforçar o time que disputará cargos eletivos em 2020.

Entre os nomes cotados para ingressar no novo projeto da base governista, estão o empresário Edson Lucena e o professor e ex-secretário de Turismo do município, professor Jacques Fernandes, este último a mais nova aquisição do partido.  É o que afirma o porta-voz da legenda no município, e presidente da sigla PSD, Hermes Benzota de Carvalho Júnior.

Também podem engrossar a lista de apoiadores ao projeto o empresário Kôca Tavares, o radialista AC Zuca, e Branco Guerra, que apesar do sobrenome, pouco convencional, é de paz, entre outros. Soma-se ainda ao grupo os vereadores de primeiro mandato Jean Roubert (PTB), Marconi Daniel, Mário Galinho (SD) e Leda Chaves.  Sobre sua possível candidatura a vereador o empresário artístico Edson Lucena, reitera que as conversas estão adiantadas. Outro que pode dar uma contribuição intelectual e valiosa a base governista em 2020 é Jacques Fernandes. Enquanto a segunda ponte é apenas fictícia, aliados começam a pavimentar uma ponte sólida para as novas aquisições que estão chegando ao partido. Afinal, não se pode pensar apenas em 2018, mas 2020 também”.

 

Fonte: BN/PA4/G1/PA24hs/O Diário da Região/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!