14/10/2017

Juazeiro recebe Jorge Vercillo, neste sábado

 

Jorge Vercillo apresenta a turnê "A Experiência", no Centro de Cultura João Gilberto, em Juazeiro. O repertório do espetáculo trás sucessos de todas as fases da carreira de Vercillo, como ‘Ela Une Todas as Coisas’, ‘Final Feliz’, ‘Monalisa' e muito mais, inclusive ‘Talismã sem Par’ e ‘Pode Ser’ do álbum mais recente "Vida é Arte". Mas também será laboratório para testar duas inéditas, a política ‘Minhas Escolhas’ feita com o gaúcho Antônio Villeroy, e ‘Samba Oração’ em homenagem ao filósofo e compositor Jorge Mautner.

Vazão em Sobradinho e Xingó permanecerá reduzida até abril

A vazão liberada pelos reservatórios de Sobradinho, na Bahia, e Xingó, entre os estados de Alagoas e Sergipe, é de 550 metros cúbicos por segundo (m³/s), desde a última segunda-feira. A informação foi confirmada durante a reunião promovida pela Agência Nacional de Águas (ANA) esta semana, em Brasília (DF), e transmitida para os estados inseridos na bacia do rio São Francisco por videoconferência. Esse patamar será mantido até o final do mês de abril de 2018, conforme adiantou o superintendente da agência federal, Joaquim Gondim. A vazão reduzida é o resultado da forte estiagem que atinge a bacia do chamado rio da integração nacional desde 2013.

Para reverter a situação, ou pelo menos reduzir seus efeitos, somente com o registro de um volume grande de chuvas na cabeceira do rio, em Minas Gerais. Entretanto, apesar de ter iniciado o chamado período úmido na bacia, quando acontecem as chuvas, os índices ainda são insatisfatórios. Durante a reunião, o setor elétrico revelou que todos os estudos apontam para um índice de precipitação no limite mínimo ou até mesmo abaixo da média esperada para o período. “Com isso, o trecho mais crítico será entre Três Marias, em Minas Gerais, e Sobradinho, na Bahia”, destacou Joaquim Gondim.

E mesmo que os estudos estejam errados e haja um volume considerável de água em janeiro do próximo ano, a tendência é que os reservatórios permaneçam com a liberação mínima do líquido, a fim de preservar o volume útil dos próprios reservatórios, além da usina de Itaparica, entre Bahia e Pernambuco.

Ainda na reunião desta segunda-feira, a equipe técnica da companhia de abastecimento de Sergipe (Deso) confirmou a instalação do conjunto de motobombas para captar água que irá abastecer a população sergipana. O equipamento, cedido pelo governo de São Paulo, tem condições de proporcionar a retirada de até 4 m³/s, um volume acima do que se retira atualmente pela empresa. Os equipamentos estão em fase de testes e deverá entrar em operação em até duas semanas.

A reunião que discute os impactos hidrológicos na bacia do São Francisco acontece semanalmente, todas as segundas-feiras e atende a um pleito apresentado pelo Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF). O encontro acontece na sede da ANA, na capital federal, e é transmitida para todos os estados inseridos na bacia hidrográfica.

Caravana de Negócios da Desenbahia vem a Paulo Afonso e região

Entre os dias 17 a 19 de outubro a Desenbahia realizará mais uma ação para interiorizar o crédito e fomentar a economia do estado. A Caravana do Norte, ação institucional da Agência de Fomento do estado, percorrerá os municípios de Paulo Afonso, Glória, Belém do São Francisco e Juazeiro, integrada pelo presidente da Desenbahia, Otto Alencar Filho, pelo diretor de Negócios, Francisco Miranda, pelo gerente Comercial Marko Svec e o pelo gerente de negócios da Região Norte, Roberto Parish, com o objetivo de apresentar aos empresários da região, o crédito com as melhores condições de mercado do estado. A missão irá visitar empreendimentos na área de educação, agronegócio, hotelaria e aquicultura.

Quarta-feira (18), às 19h, no auditório da Faculdade Sete de Setembro, em Paulo Afonso, Otto Alencar Filho profere palestra de apresentação da Agência de Fomento para empresários e lideranças da região. Segundo o presidente da instituição, quando o governo estadual, através da Desenbahia, libera crédito para uma empresa adquirir equipamentos, ampliar a estrutura e expandir suas atividades, está estimulando a economia regional. O crédito com prazos longos e taxas competitivas estimula as empresas a investir, produzir mais, crescendo e expandindo sua atuação. Quanto mais as empresas crescem, mais empregos são gerados, aumentando a renda das pessoas, que passam a viver melhor, fazendo a economia se desenvolver e a Bahia a avançar.

Araci: Moradores fecham BR-116 em protesto contra paralisação de obras do projeto Araci Norte

Um grupo de moradores de comunidades rurais dos municípios de Araci e Santaluz, na região sisaleira da Bahia, protestam na manhã desta sexta-feira (13), na BR-116/Norte, em Araci.

O grupo cobra a retomada da obra de implantação do Sistema Integrado de Abastecimento de Água Araci Norte, que se encontra paralisada por determinação do Tribunal de Contas da União (TCU), alegando superfaturamento no contrato.

As primeiras informações apontam que cerca de 100 manifestantes fecharam os dois sentidos da rodovia na saída de Araci para a cidade de Serrinha, por volta das 9h desta sexta-feira.

Equipes da polícia foram até o local para tentar convencer os manifestantes a liberarem a pista, mas os organizadores do movimento informaram que o protesto será encerrado após reunião com representantes do setor do governo responsável pela execução da obra.

A implantação do Araci Norte foi interrompida com cerca 65% do projeto em andamento, após auditoria do TCU ter identificado sobrepreço de R$ 2,3 milhões e superfaturamento da ordem de R$ 1,1 milhão no contrato de R$ 40 milhões, entre outras irregularidades apontadas pelo órgão.

A previsão é de que a obra deve beneficiar mais de 38 mil moradores dos municípios de Araci, Santaluz e Tucano. (Informações e foto: Notícias de Santaluz).

 

Fonte: G1/O Diário da Região/Notícias de Santa Luz/Ascom Desenbahia/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!