15/11/2017

Micro-ônibus garantirão transporte para pacientes das policlínicas

 

O transporte de pacientes para as policlínicas regionais que o Governo do Estado está inaugurando pelo interior baiano será feito através de micro-ônibus exclusivos e gratuitos. Os veículos vão circular com diferentes rotas pelos municípios que integram os consórcios de saúde de cada região, facilitando o acesso da população às novas unidades. Os pacientes do Extremo Sul baiano da policlínica de Teixeira de Freitas, que será inaugurada na sexta-feira (17), em Teixeira de Freitas, serão os primeiros a contar com o sistema de transporte.

Na região, os micro-ônibus a serviço da Policlínica Regional de Teixeira de Freitas funcionarão com seis roteiros. O primeiro vai conduzir os passageiros de Itamaraju até Teixeira. O segundo passará por Prado e Alcobaça, enquanto o terceiro tem na sua rota Nova Viçosa (sede) e Mucuri. O quarto roteiro inclui Caravelas e Posto da Mata, distrito de Nova Viçosa. Um quinto veículo vai circular pelas cidades de Vereda, Lajedão e Ibirapuã. Já o sexto micro-ônibus levará os pacientes de Itanhém e Medeiros Neto até a Policlínica.

As demais policlínicas regionais vão atender aos consórcios de municípios das regiões de Guanambi, que será inaugurada no dia 24/11, Irecê e Jequié, com entrega marcada para os dias 21 e 22 de dezembro, respectivamente. Criadas para ampliar e melhorar a qualidade do atendimento de saúde no interior da Bahia, as unidades não atenderão urgências e emergências ou outros tipos de demanda espontânea. O atendimento é feito através de um agendamento pelas Secretarias da Saúde dos municípios que fazem parte do consórcio.

Policlínicas regionais atenderão apenas casos agendados por secretarias municipais

A Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab) inaugura, nos meses de novembro e dezembro, policlínicas regionais nos municípios de Teixeira de Freitas, Guanambi, Irecê e Jequié.

Apesar de representarem um importante acréscimo ao sistema de saúde baiano, não basta ir até as policlínicas para fazer os exames ou ter acesso às consultas.

O atendimento será realizado apenas a partir de um agendamento prévio, de responsabilidade das secretarias de Saúde dos municípios consorciados.

De acordo com a Sesab, os equipamentos estão preparados para receber pacientes que não necessitem de cuidado e avaliação imediata do especialista, ou seja, as unidades não atenderão casos de urgência ou emergência.

"É importante saber que todo paciente encaminhado para as policlínicas deverá permanecer em acompanhamento com a equipe de Atenção Básica", ressaltou a pasta em nota.

Para facilitar o acesso, serão disponibilizados micro-ônibus que transportarão os moradores das regiões até as policlínicas.

A primeira inauguração acontece na próxima sexta-feira (17), em Teixeira de Freitas. Para as quatro primeiras unidades lançadas, o governdo do Estado investiu cerca de R$ 100 milhões, metade para a construção dos equipamentos, metade na aquisição do maquinário, "para equipá-las com o que há de mais moderno em medicina no mundo", como explicou o secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas.

Gandu e Retirolândia recebem Rastreamento do Câncer de Mama nesta quinta-feira

O programa Saúde sem Fronteiras Rastreamento do Câncer de Mama, da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), chega aos municípios de Gandu (sul) e Retirolândia (nordeste) oferecendo às mulheres na faixa etária de 50 a 69 anos, exame de mamografia, que detecta precocemente casos de câncer de mama. De acordo com os especialistas, quando descoberta no início, a doença tem chance de mais de 90% de cura.

A meta é atender a 1.633 mulheres em Gandu, onde a unidade móvel ficará desta quinta-feira (16) ao próximo dia 23, e 772 em Retirolândia, com atendimento de 16 a 25. Para receber o benefício, as mulheres devem levar o RG, Cartão do SUS e comprovante de residência. O atendimento será das 7 às 18h.

Em Gandu, o atendimento acontece na Praça do Povo, no Centro da cidade, e em Retirolândia, na Unidade Básica de Saúde, na Rua das Cajazeiras, também no Centro. O Saúde sem Fronteiras tem como diferencial o acompanhamento das mulheres com mamografias inconclusivas, com a oferta de exames complementares para o diagnóstico e o encaminhamento ao tratamento, buscando a integralidade do atendimento. Para as mulheres com diagnóstico positivo, o tratamento cirúrgico, quimioterápico ou radioterápico será realizado em unidades de alta complexidade em oncologia.

Pescadoras do Sertão do São Francisco recebem atendimento médico gratuito

Uma equipe multidisciplinar da área de saúde estará desta terça a sexta-feira (14 a 17) realizando oficinas para orientar, diagnosticar e tratar as pescadoras do Sertão do São Francisco. A ação faz parte do Programa de Saúde Ocupacional para os Trabalhadores de Pesca, promovido pela Bahia Pesca, empresa vinculada à Secretaria da Agricultura do Estado (Seagri), em parceria com a Federação das Associações, Sindicatos e Colônias dos Pescadores e Aquicultores do Estado da Bahia (Fapesca).

A primeira cidade a receber a equipe será Sobradinho, quinta-feira (16), na Colônia de Pescadores Z- 26 (Avenida José Balbino de souza, Centro). O encerramento da programação acontece na sexta (17), em Curaçá, com atendimento no Parque de Exposições Durval de Aquino. As consultas e palestras nas três cidades acontecem das 8h às 12h e das 13h às 17h.

Voltado ao cuidado com as mulheres, público mais vulnerável aos problemas de saúde ocupacionais relacionados a esse segmento econômico, o programa conta com oficinas de saúde, consultas clínicas e nutricionais, além de palestras educativas. A ação beneficia 360 pessoas. “Serão disponibilizados três técnicos de enfermagem, uma enfermeira, três médicos, dois fisioterapeutas e um nutricionista para, juntos, levar informações de saúde ocupacional às pescadoras”, afirma a coordenadora de Promoção Social da Bahia Pesca, Eliana Carla Ramos.

As profissionais serão orientadas sobre os principais problemas que as atingem e passarão por exames clínicos. Caso sejam identificados problemas de saúde mais complexos, fará o encaminhamento para a realização de exames no sistema público de saúde.

Estádios e ginásios de municípios baianos serão reformados

Os estádios municipais de Barro Preto, Camacan, Camamu, Candeias, Cocos, Contendas do Sincorá, Cordeiros, Ibicuí, Malhada de Pedras, Novo Horizonte e Ubaitaba terão suas instalações físicas reformadas. Já os ginásios de Mairi e Serrolândia vão ganhar gramado sintético. Em Jeremoabo e Planalto, os campos esportivos receberão iluminação. Em Lapão, será implantada grama sintética nos campos de society do Parque da Cidade e da Praça da Juventude. Já os ginásios Clériston Andrade, em Ipiaú, e Paulo Braga, em Senhor do Bonfim, receberão manutenção corretiva.

As ações de recuperação dos estágios e ginásios no interior do Estado serão realizadas por meio de um convênio assinado entre o Governo do Estado e esses 18 municípios. Serão investidos R$ 8,5 milhões, por meio da Secretaria do Trabalho e Esporte do Estado da Bahia (SETRE). “Estamos assegurando melhores condições para a prática do esporte no interior, porque acreditamos que ele é capaz de transformar a realidade dos nossos jovens”, destacou o governador Rui Costa, no ato da assinatura do convênio, na segunda (13).

A secretária do Trabalho e Esporte, Olívia Santana, completou, afirmando que essas reformam concretizam os compromissos assumidos pelo governador em valorizar e interiorizar a recuperação e construção de equipamentos esportivos. “A população tem paixão ao esporte, principalmente futebol. Nós estamos trabalhando para atendê-la".

Prefeitos de 68 municípios celebraram convênios com o Governo do Estado

Prefeitos de 68 cidades baianas e 26 deputados se reuniram com o governador Rui Costa, nesta segunda-feira (13), para celebrar a formalização de 71 convênios entre o Governo do Estado e os municípios. Os convênios, assinados no auditório da Secretaria de Infraestrutura do Estado (SEINFRA), em Salvador, são para a realização de obras de pavimentação de ruas, drenagem, macrodrenagem, reforma de estádios, ginásios, mercados e centros de abastecimentos, construção de pontes, aquisição de veículos e equipamentos para agricultores familiares e cessão de uso de bens móveis de saúde. O investimento é de R$ 37 milhões.

O governador Rui Costa afirmou que o ato simbolizou a união de esforços daqueles que trabalham intensamente para continuar transformando a Bahia, gerando desenvolvimento e renda. “Quem me acompanha sabe o quanto eu valorizo a relação com o município. Conseguimos fazer mais e melhor com parceria. No próximo dia 27, anunciou, um novo ato será feito com novos municípios para a celebração de mais convênios.

Entre as cidades beneficiadas, Juazeiro, no Norte da Bahia, será contemplada com a cessão de 108 bens móveis hospitalares, no valor de R$ 633 mil. Já Luis Eduardo Magalhães, no Extremo Oeste, será beneficiada com R$ 6 milhões para a pavimentação e microdrenagem. Candeias, por sua vez, ganhará na área de esporte com a licitação para a reforma do Estádio Municipal David Caldeira, conhecido por Caldeirão, representando um investimento da ordem de R$ 1,8 milhão.

Estudantes da capital e do interior participam da FECIBA, dentro do 5º Encontro Estudantil da Rede Estadual

Estudantes da rede estadual de ensino da capital e do interior apresentam projetos de iniciação científica na 6ª Feira de Ciências, Empreendedorismo e Inovação da Bahia (FECIBA), que acontece durante o 5º Encontro Estudantil da Rede Estadual, entre os dias 21 e 23/11, na Arena Fonte Nova, em Salvador. O evento será aberto ao público, das 8h às 18h, e reunirá, ao todo, mais de quatro mil estudantes de toda a Bahia, que irão mostrar, também, trabalhos ligados à arte, ao esporte, à cultura e à tecnologia, além de intervenções sociais.

A FECIBA reunirá 240 trabalhos finalistas, selecionados após seletivas escolares e territoriais, realizadas durante o ano letivo de 2016. São experimentos e produções científicas que tratam de temas de relevância social, com foco em questões como inovação tecnológica, meio ambiente, sustentabilidade, empreendedorismo, saúde e bem-estar. A feira faz parte do Programa Ciência na Escola, da rede estadual de ensino, cujo objetivo é despertar nos estudantes o interesse pela pesquisa científica através de projetos que buscam solucionar problemas existentes na comunidade onde eles vivem.

A coordenadora do Programa Ciência na Escola, Shirley Costa, destaca a importância da FECIBA. “É um dos principais produtos do Programa Ciência na Escola e faz parte deste grande movimento que a Bahia institucionalizou em todas as escolas da rede através da arte, cultura, ciência e literatura. São diversas linguagens, sendo demonstradas nesta culminância do 5º Encontro Estudantil e esta feira representa o fechamento de um ciclo em que os estudantes vão ter a oportunidade de expor as suas produções desenvolvidas durante todo o ano de 2016, socializando para os colegas e despertando o desejo de fazer parte deste grande evento”, comemora.

Os estudantes protagonistas dos projetos científicos virão de várias partes da Bahia e estarão em atendimento ao público, detalhando os seus projetos, das 9h às 17h, nos estandes montados no nível 5, da Arena Fonte Nova. A premiação dos projetos vencedores acontecerá no dia 23/11, das 14h às 17h30, no auditório do nível 8. Além da exposição dos projetos científicos, os visitantes também poderão participar de atividades como mesas-redondas e oficinas diversas.

 

 

Fonte: A Tarde/Ascom Sesab/Ascom Bahia Pesca/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!