28/11/2017

Feira: Iniciada obras que vão proteger a Lagoa do Subaé

 

A construção da pista de corrida e caminhada mais a ciclovia que delimitarão o espaço físico da Lagoa Subáe foram autorizadas pelo prefeito José Ronaldo de Carvalho. O equipamento terá 2,6 quilômetros de extensão.

“Iniciamos aqui, na Lagoa Subaé, onde nasce o nosso genuíno rio, o Subaé, inspiração para poetas e compositores, um projeto que, ao longo dos anos, vai evitar que as nossas lagoas sejam extintas”, disse o prefeito.

As pistas destinadas à prática do esporte e a consequente melhora na qualidade de vida dos moradores do bairro, afirmou José Ronaldo, serão o limite até onde as construções poderão ser feitas. “A partir deste marco, a pessoa entra na ilegalidade”.

A delimitação da lagoa vai prevenir as invasões e respeito às suas margens. Nesta obra serão investidos mais de R$ 300 mil reais do Fundo Municipal do Meio Ambiente. “Estamos iniciando uma nova etapa no tocante à preservação das nossas lagoas”.

O secretário de Meio Ambiente, Sérgio Carneiro, comemorou o início da obra. E disse que outras lagoas serão beneficiadas. “Atualmente estamos atuando em oito destes espaços naturais e a tendência é de que este leque seja ampliado, ao longo dos anos”.

Ele disse que além da ciclovia e a pista de caminhada, vai desobstruir os bueiros, sob a BR 324, que interligam as duas partes da lagoa – o outro lado também vai ser estruturado a partir do próximo ano.

Recentemente a Prefeitura publicou licitação para a construção destes equipamentos no conjunto de três lagoas localizadas na Conceição. “Algumas empresas participarão desta revitalização mediante contrapartida”.

Sérgio Carneiro disse que está mantendo contato com empresas no sentido de que elas recuperem a Lagoa de São José, no distrito de Maria Quitéria. “Iniciamos um processo histórico e, com certeza, atingiremos sucesso”.

Estiveram presentes o deputado estadual Carlos Geilson, os secretários de Gestão e Convênios, Ozeny Moraes, de Governo, Paulo Aquino e o de Comunicação Social, Valdomiro Silva, mais os vereadores Luiz da Feira, Carlito do Peixe, João Bililiu e José Carneiro.

Iniciadas oficinas para elaborar Plano Municipal de Saneamento Básico

As oficinas de diagnóstico cujos resultados servirão como base para a elaboração do PMSB (Plano Municipal de Saneamento Básico) de Feira de Santana, nos setores de abastecimento de água e sanitário, foram iniciadas neste sábado, 25, à tarde, no distrito de Governador João Durval Carneiro, definido como Zona de Mobilização 12.

O PMSB é o principal instrumento de planejamento do saneamento municipal, que é o conjunto de serviços, infraestrutura e instalações operacionais de abastecimento de água potável, esgotamento sanitário, limpeza urbana e manejo de resíduos sólidos.

“O PMBS vai oferecer ao município as informações necessárias e precisas sobre intervenções futuras neste setor. Tudo será organizado e planejado”, afirmou o diretor da Agência Reguladora de Feira de Santana, Manoel Cordeiro, que esteve presente à oficina. “Ele vai mostrar o problema e apresentar a solução. Vamos saber com rapidez e precisão o que deverá ser feito”.

Técnicos da Fundação Escola Politécnica da UFBA e moradores da sede do distrito e dos povoados discutiram o que foi levantado numa pesquisa de campo nestes locais – foi feita em outubro. “A nossa equipe de engenharia esteve nestes locais e conversou com seus moradores”, afirmou a gestora ambiental Renata Baptista, da FEP. Nestes encontros as equipes apresentarão os dados iniciais coletados e a identificação das condições de saneamento e saúde.

Ela disse que as oficinas serão realizadas para que os moradores se sensibilizem. As etapas seguintes às reuniões serão a formatação de um relatório, prognóstico e a realização de uma audiência pública. Pronto, o plano será encaminhado à Câmara de Vereadores no próximo mês, para que seja analisado. Dezembro é o prazo indicado pelo Governo Federal para que os municípios apresentem seus planos.

OFICINAS

O município foi dividido pela equipe em 13 zonas de mobilização – cinco na sede e oito nos distritos. Neste domingo, 26, pela manhã, a oficina será realizada em Bonfim de Feira. Dia 27, Humildes, manhã, e Tuquaruçu, tarde, dia 28, Jaíba, manhã, e Jaguara, à tarde. No dia 29 será a vez dos moradores da Matinha, manhã, e da região da Cidade Nova, à tarde, no CSU.

No dia 7 de dezembro, os encontros acontecerão em Maria Quitéria, de manhã, e no Tomba (Sesc), à tarde, dia 8, o evento está marcado para o Feira X, pela manhã, e à tarde na Mangabeira (Centro Comunitário São Braz). No dia 9 a oficina será realizada no Campo Limpo, pela manhã.

Sistema de Transporte Público Alternativo será explorado por veículos com capacidade de até 20 passageiros

A Câmara Municipal de Feira de Santana aprovou, na manhã desta segunda-feira (27), em sessões extraordinárias e por maioria dos presentes, com votos contrários dos vereadores Alberto Nery (PT) e Zé Filé (PROS), o Projeto de Lei de nº 007/2017, de autoria do Poder Executivo, que altera dispositivos da Lei Municipal nº 1.889/97, que institui o Sistema de Transporte Público Alternativo e Complementar.

De acordo com o artigo 1º da matéria, o “caput” do art. 16, da Lei Municipal nº 1.889/97, passa a viger com a seguinte redação: “O institui o Sistema de Transporte Público Alternativo e Complementar (STPAC) será explorado por veículos com capacidade de até 20 (vinte) passageiros, conforme definição do Anexo I, da Lei Federal nº 9.503/97 – Código de Trânsito Brasileiro”.

 Já o artigo 2º da proposição diz que esta Lei Complementar entrará em vigor na data da sua publicação, revogando-se as disposições em contrário.

Boxes do Shopping Popular serão disponibilizados exclusivamente a brasileiros natos ou naturalizados

Na manhã desta segunda-feira (27), a Câmara Municipal aprovou, em sessões extraordinárias e por maioria dos presentes, com votos contrários dos vereadores Alberto Nery (PT) e Zé Filé (PROS), o Projeto de Lei de nº 219/2017, de autoria do Poder Executivo, que dispõe sobre a disponibilização dos espaços comerciais (boxes) do Centro Comercial Popular de Feira de Santana.

Segundo o artigo 1º da matéria, os espaços comerciais (boxes) do Centro Comercial Popular de Feira de Santana destinados a pessoas físicas serão disponibilizados exclusivamente para brasileiros natos ou naturalizados, devidamente cadastrados junto à Secretaria Municipal do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico, e que estejam inseridos no projeto de requalificação do centro comercial da cidade.

“Fica vedada a transferência, a qualquer título, dos espaços comerciais (boxes) do Centro Comercial Popular de Feira de Santana destinados a pessoas físicas, em favor de terceiros que não se enquadrem nos critérios definidos no caput deste artigo.

Conforme o artigo 2º, esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário.

Evento no Parque da Lagoa marcou encerramento de campanhas de prevenção de câncer na FHFS

Aferição da pressão arterial, muita dança, verificação de glicemia e orientação sobre escovação às crianças e, para os adultos, sobre a necessidade da participação das campanhas voltadas à prevenção dos cânceres de mama, útero e próstata, doenças que anualmente matam e acometem milhares de pessoas, mas que se descoberta ainda na fase inicial as chances de cura são grandes.

Para comemorar o encerramento das campanhas Outubro Rosa e Novembro azul, a FHFS (Fundação Hospitalar de Feira de Santana) levou a equipe ao Parque Erivaldo Cerqueira, na manhã deste sábado, 25, para uma interação com frequentadores do local e mostrar o trabalho ofertado pela instituição.

A diretora-presidente da FHFS, Gilberte Lucas disse que neste ano foram realizados aproximadamente seis mil atendimentos – mulheres e homens, com predominância das pessoas do sexo feminino, como é tradicionalmente registrado nas campanhas de saúde.

“Além dos exames que podem levar ao diagnóstico preciso destas doenças, como ultrassom e mamografia, foram realizadas consultas com especialistas nestas áreas”, afirmou Gilberte Lucas. “A participação dos feirenses foi boa, mas esperamos que nas próximas campanhas as presenças sejam ainda maiores”.

De acordo com ela, os resultados dos exames serão entregues nos próximos dias. No ano passado, 43 mulheres foram diagnosticadas com um dos dois tipos de câncer e 48 homens souberam que tinham câncer na próstata. “Os casos positivos serão encaminhados para consultas com especialistas e submetidas a tratamento”.

Prefeitura anuncia pavimentação de ruas no bairro Lagoa Subaé

A dona de casa Marizete do Beiju não segurou a emoção quando ouviu que a rua onde mora, a Parati, no bairro Lagoa Subaé, até meados do próximo ano será pavimentada. “Foi uma espera de mais de 33 anos”, afirmou.

Ela e dezenas de moradores do bairro ouviram do prefeito José Ronaldo de Carvalho os nomes das ruas que serão beneficiadas com esta ação do governo, ainda no primeiro semestre do próximo ano.

“Agora estamos anunciando que estas obras serão licitadas e dentro de mais alguns meses, quando o processo for concluído, a gente vai voltar aqui para assinar a autorização do início da pavimentação”, afirmou o prefeito.

Além das ruas, ele anunciou que o bairro ainda vai ganhar uma moderna praça. “Será um espaço destinado à convivência e o lazer de todos os moradores deste bairro. Espero ter contribuído para a melhora das condições de vida”.

O bairro já ganhou uma moderna unidade de saúde e a Escola Luciano Ribeiro foi reformada. “Fizemos o que estava dentro das possibilidades financeiras do município. Temos que atender as necessidades daqui e de muitos outros bairros”.

A licitação será para a pavimentação das ruas Venda, Nitrogênio, Parati, Água de Ouro, Souza Rodrigues, Nossa Senhora, Gaspar, Mutuípe, Mundonópolis, Travessa Nitrogênio, Leone Soares, Tietê, Valdemir Júnior, Ana Angélica, Lírio e Pedro Braz.

 

Fonte: Secom PMFS/Ascom CMFS/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!