29/11/2017

Salvador: Feira Coreto Hype com diversas atrações musicais

 

As bandas Diamba, Retrofoguetes e o cantor Magary Lord estão entre as atrações musicais da feira Coreto Hype, que será realizada no sábado (2) e no domingo (3), no bairro de Stella Maris, em Salvador. Ainda na programação musical, o evento vai contar com Bruna Barreto, com o show “Cássia por Elas", DJ Muhana, Samba com Alexandre Vidal e o Pavarotti do Samba, e a DJ paulista Evelyn Cristina.

A feira reúne empreendedorismo criativo, gastronomia, arte e música. Essa é a 18ª edição e será realizada em frente ao Gran Hotel Stella Maris. Com entrada é gratuita, o evento acontece das 10h às 22h. No sábado, a programação musical começa às 19h. No domingo, tem música já a partir das 14h.

No evento também haverá, nos dois dias, a oficina Pais e Filhos com Brinquedos de Madeira às 11h, oficina de Jardineiras e Jardim Vertical às 15h30, e oficina de Compostagem às 16h30. No domingo, às 10h, será realiazada uma aula Experimental de Ballet com o Stúdio de Dança Laisa Coimbra. A criançada que for ao Coreto Hype terá ainda, nos dois dias de evento, a presença do Papai Noel Hype.

  • SERVIÇO

Feira Coreto Hype

Stella Maris – atrás do Grand Hotel Stella Maris

Dias 2 e 3 de dezembro

A partir das 10h

Entrada Franca

Programação musical - Sábado

Bruna Barreto com o show “Cássia por Elas” - 19h

Retrofoguetes - 20h

DJ Muhana - 21h

Programação musical - Domingo

Samba com Alexandre Vidal e o Pavarotti do Samba - 14h

DJ paulista Evelyn Cristina - 15h

Magary Lord - 18h

Diamba - 19h

Projeto Sou Verão levará show da Maglore para o Rio Vermelho

No fim de setembro, a Maglore iniciou a turnê do seu mais novo álbum, Todas as Bandeiras, no Teatro Castro Alves. Agora, a banda se prepara para uma nova estreia: dessa vez, abrindo os espetáculos do Sou Verão. O projeto, do CORREIO, irá movimentar Salvador durante os próximos dois meses.

As ações acontecerão na Ribeira, Barra e Rio Vermelho, unindo esporte - com aulas gratuitas de stand up paddle, caiaque, patins e longboard, por exemplo - e música.

O palco estará montado no Largo da Mariquita e receberá quatro shows, todos aos sábados. O primeiro é com a Maglore, dia 23 de dezembro. Depois, rolam nos dias 6, 13 e 20 de janeiro, com outras atrações.

Com apoio institucional da Saltur e da Prefeitura Municipal de Salvador e apoio do Sabin e Vitalmed, o Sou Verão terá oito edições esportivas: quatro na Avenida Beira-Mar, na Ribeira (2 e 16 de dezembro e 6 e 20 de janeiro) e quatro no Porto da Barra (9 e 23 de dezembro e 13 e 27 de janeiro), das 8h às 12h.

Hungria Hip Hop fará maratona de shows na Bahia

São números impressionantes que ultrapassam 900 milhões de acessos no Youtube, Hungria Hip Hop é hoje um dos principais destaques no cenário musical. Nos próximos dias 01, 02 e 03 de dezembro, o rapper brasiliense faz uma maratona de shows pela Bahia, passando por Vitória da Conquista, Eunápolis e Itabuna, respectivamente.

Com mais de 3,5 milhões de inscritos em seu canal oficial do Youtube, Hungria leva ao povo baiano os sucessos Lembranças, Dubai, Zorro do Asfalto, Coração de Aço, Não Troco e muitos outros.

“Satisfação enorme tocar para os brabos da Bahia. Só agradecer por cada dia e cada conquista. Tamo junto rapaziada.” Em Vitória da Conquista, o show vai acontecer na sexta-feira (01), Arena Miraflores. No sábado (2) é a vez de Eunápolis, no Espaço Villa. E por último, em Itabuna, no domingo (3), no Gavea Hall.

Oratório de Natal enche a cidade de música a partir de sábado

Vem aí o Oratório de Natal. O novo projeto musical do maestro Keiler Rego estreia às 18 horas do dia 2 de dezembro, sábado, no Museu Carlos Costa Pinto (Corredor da Vitória). Nesse dia, será lançada toda a programação do maestro até o dia 6 de janeiro (Dia de Reis), quando acontecerão apresentações gratuitas em diversos espaços da capital baiana, levando a todos uma mensagem de fraternidade e paz em forma de música.

Criado este ano, o Oratório de Natal tem a participação de quatro solistas e do grupo coral formado por pessoas da comunidade que passaram por oficinas realizadas pelo próprio Keiler Rego e o maestro Carlos Veiga Filho, ao longo de três meses, com aulas semanais de técnicas vocais. O projeto segue o modelo do Oratório de Santo Antonio, já tradicional na cidade nos festejos juninos.

O Oratório de Natal contextualiza a história bíblica do nascimento de Jesus Cristo através de um repertório eclético e animado. Além de cantos natalinos, há hits da MPB, como Preta, Pretinha (Novos Baianos), Andar com Fé (Gilberto Gil) e Trem Bala (Ana Vilela). Entre as canções mais tradicionais, não faltarão Boas Festas, de Alceu Valente, e Então é Natal, de John Lennon.

O grupo se apresenta com um figurino especialmente criado pela figurinista Dulce da Silva. No roteiro das apresentações estão previstos espetáculos em locais como o Colégio Antonio Vieira (Capela de Nossa Senhora de Fátima), a Igreja da Trindade e o Abrigo do Salvador.

Gal do Beco comanda festival Samba De Beco em Beco, Pelourinho

Seguindo a tradição da Bahia há 45 anos, no sábado, 2 de dezembro, será comemorado mais um Dia do Samba. Nesta data tão importante será realizada uma edição especial do projeto "Festival Samba de Beco em Beco", às 19h, no Casarão 26 (Ladeira do Passo, Nº 26 – Sede do Afoxé Filhos do Korim Efan), com entrada gratuita, no Pelourinho.

Com muita música, alegria e samba no pé, Gal do Beco, receberá como convidados o Grupo Botequim, Carla Lis, Melodia Costa e o Samba de Roda do Recôncavo. A noite promete reafirmar que o samba nasceu na Bahia, nas rodas de samba e batucadas realizadas nas senzalas do Recôncavo Baiano, além de resgatar e salvaguardar nossas origens, mantendo viva a memória nacional da cultura brasileira.

O "Festival Samba de Beco em Beco" conta com o patrocínio do Fundo de Cultura, por meio das secretarias de Cultura e da Fazenda do Governo do Estado da Bahia, e com apoio do Centro de Culturas Populares e Identitárias - CCPI. O projeto está em sua segunda edição, tendo Gal do Beco como anfitriã, e convidados especiais a cada apresentação, que trazem no sangue o objetivo de viver o samba evidenciando a importância da mulher como símbolo étnico e cultural deste gênero, além de contribuir para o registro, ampliação, distribuição e divulgação do samba e artistas envolvidos a cada semana.

  • Serviço:

"Festival Samba de Beco em Beco" | Gal do Beco e Convidados  (Grupo Botequim, Carla Lis, Melodia Costa e o Samba de Roda do Recôncavo)

Local: Ladeira do Passo, Nº 26 – Sede do Afoxé Filhos do Korim Efan - Pelourinho

Data:  Sábado (02)

Horário: 19h

Gratuito

Elza Soares apresenta show inédito na Concha Acústica

Considerada a “voz do milênio” pela BBC de Londres e vencedora do Grammy 2016, a carioca Elza Soares se apresenta no dia 10 de dezembro, às 18h, na Concha Acústica do TCA, em Salvador, com o show ‘Elza Canta Lupi’, interpretando canções de Lupicínio Rodrigues. A apresentação marca a entrega da premiação do XV Festival de Música Educadora FM, que terá ainda o show de abertura da baiana Larissa Luz. Os ingressos, a R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia), estão à venda site da Ingresso Rápido, na bilheteria do TCA e nos SACs do Shopping Barra e do Shopping Bela Vista.

Com esse show, inédito na Bahia, a cantora conquistou o prêmio de "Melhor Álbum do Ano" na 28ª edição do Prêmio da Música Brasileira, em julho de 2017, no Teatro Municipal do Rio de Janeiro. Um espetáculo, ao mesmo tempo clássico e vanguardista em suas versões, onde ela presta uma homenagem ao compositor que lhe o primeiro sucesso de sua carreira - foi com ‘Se Acaso Você Chegasse’ – seu primeiro single, gravado em 1960 – que Elza tornou-se popular.

A cantora ganhou as paradas musicais quando introduziu o scat a la Louis Armstrong em sua versão, adicionando uma pitada de jazz ao samba. Desde então, Elza teve inúmeras músicas no topo das listas de sucesso no Brasil ao longo de sua trajetória artística. Neste show, alguns dos maiores sucessos incluem ‘Se Acaso Você Chegasse’, ‘Boato’, ‘Cadeira Vazia’, ‘Só Danço Samba’, ‘Mulata Assanhada’ e ‘Aquarela Brasileira’.

A atriz e cantora Larissa Luz, que compõe o júri especializado do festival, abre o evento, com as músicas do álbum ‘Território Conquistado’, segundo da sua carreira. As faixas desse trabalho autoral homenageiam dez personalidades negras, a exemplo de Elza Soares, que gravou a faixa que dá título ao álbum. Será uma noite de celebração à mulher negra, à música brasileira e de afirmação da força feminina.

Elza Soares

A premiada carioca Elza Soares é cantora ícone da música popular brasileira e possui em sua extensa discografia trabalhos de bossa nova, rock, samba, jazz, sambalanço, samba rock e hip-hop. Sua carreira celebra mais de seis décadas de sucesso e, atualmente, vive uma apoteose com grande destaque na imprensa, forte presença na web e entre o público jovem, novos projetos, lançamentos musicais e consolidada turnê pelo Brasil, Estados Unidos e Europa. A voz rouca e vibrante é sua marca registrada, e seu estilo “levado” e bem-humorado fascina o público no Brasil e no exterior, onde é aclamada como uma das mais importantes artistas pop do mundo.

Festival

O Festival de Música Educadora FM chega à 15ª edição mantendo o objetivo original de estimular a produção musical independente baiana. O evento conta com uma premiação R$ 62 e dá visibilidade ao trabalho de jovens artistas – com pouco espaço na mídia tradicional – por meio da veiculação na rádio. Neste ano, teve 285 participantes com 401 obras inscritas, entre músicas com letra e instrumentais.A primeira fase da competição é marcada pela escolha das 50 selecionadas pela comissão julgadora. Em seguida, as músicas entram na programação da Educadora FM e vão para voto popular no site do festival.

Assim como nos anos anteriores, os internautas votaram e escolheram as 14 mais do 14º Festival de Música da Rádio Educadora FM. As composições farão parte do CD desta edição do festival e, na noite da premiação, os seis vencedores serão anunciados nas categorias - Melhor Música com Letra; Melhor Música Instrumental; Melhor Intérprete de Música com Letra; Melhor Intérprete de Música Instrumental; Melhor Arranjo para Música com Letra; e Melhor Arranjo para Música Instrumental. Em 2018, a Rádio Educadora FM faz 40 anos de história na música e na cultura baiana.

 

Fonte: G1/Correio/Tribuna/Bahia Já/Ascom Irdeb/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!