02/12/2017

Artistas baianos apresentam as apostas para o verão e carnaval

 

Diversos artistas baianos já estrearam as músicas de trabalho que serão apostas para o verão 2017/2018 e carnaval do próximo ano. Entre as canções, tem pagode, axé, mistura de frevo com carimbó e outros estilos.

No pagode, o público pode conferir músicas como "Coroa e a Novinha" e "Elas Gostam (Popa da bunda)". do É o Tchan e Psirico, respectivamente. Já a mistura rítmica do axé com outros estilos musicais ficarão por conta de artistas como Daniela Marcury e Levi Lima, vocalista do Jammil. Confira as músicas:

É o Tchan

"Coroa e a Novinha" é a música de trabalho da banda para o verão e, consequentemente, para o carnaval. A mistura de batidas do funk com a pegada do pagode baiano estão na canção composta por Bimbinho Simpático. Com swing e toda a irreverência do Tchan, a música enaltece as mulheres e a independência delas, não importando a idade. Psirico

A música de trabalho do Psi, como a banda é carinhosamente chamada pelos fãs, é "Elas Gostam (Popa da Bunda)". A canção de Rafa Dias, Raoni Torres, Wallace Carvalho e Osmar Gomes reforça a ideia de que a mulher deve usar a roupa que se sente bem, sem se importar se outras pessoas acham a vestimenta vulgar. A música ainda leva para o público uma sonoridade diferenciada e a diversidade percussiva do Psirico e do grupo ÀttooxxÁ, que participou da gravação. A ÀttooxxÁ faz parte de um movimento intitulado Bahia Bass, que mistura música eletrônica com influência direta do dancehall, mas também usa ritmos baianos, como samba reggae, ijêxá, pagode, arrocha, samba de roda e galope.

Harmonia do Samba

Neste verão os fãs do Harmonia vão curtir, entre outras opções, a música "Hipnotizou". O hit tem a participação do cantor Léo Santana, que também assina a autoria da composição. A canção, que é uma conversa entre dois amigos, traz a história de um homem que ficou apaixonado por uma mulher "de primeira", e recebe conselhos do amigo.

Daniela Mercury

A aposta de carnaval da cantora Daniela Mercury é a canção "Banzeiro". A composição é da cantora e poetisa paraense Dona Odete, que tem 78 anos. A mulher enviou a letra de "Banzeiro" para Daniela há dois anos e deu início ao sonho de compor, cantar e fazer apresentações no Brasil. A canção de Dona Odete ganhou um arranjo com mistura de guitarras do Carimbó e Galope com um pouco de Frevo. Tudo preparado por Daniela Mercury e Yacoce Simões. A letra de "Banzeiro" aborda o Pará e elementos da região.

Jammil

A aposta da banda liderada pelo cantor Levi Lima é a canção "Navegando a vida". Além de cantar, Levi também compôs a música junto com Fábio Alcantara e Rúbem Tavares. A música, que conta com a mistura rítmica do axé com o pop, fala sobre a leveza do amor e a felicidade.

Jau comanda festa na Lavagem do Bonfim com Saulo e Cortejo Afro

A principal celebração religiosa da Bahia, a Lavagem do Bonfim, em 2018 ganhará um pouco mais de baianidade através da musicalidade de Jau. O cantor vai comandar uma das principais festas privadas e levará seu projeto de verão para o meio do tradicional festejo.

No dia 11 de janeiro, acontece o Jau Natural - edição Bonfim, que contará também com shows de Saulo e Cortejo Afro, no Terminal Náutico da Bahia, o mesmo local que estão sendo realizados os ensaios de verão do cantor.

Em tempo

Ainda em 2017, Jau se apresenta em Salvador, Aracaju e outras cidades da Bahia. No próximo domingo, dia 3, o cantor comanda a 'Lavagem de Vilas', no Armazém Hall, em Lauro de Freitas, juntamente com os cantores Denny e Mumuzinho. No dia 7, ele retoma o projeto Jau Natural, no Terminal Náutico de Salvador, com partipação de Xanddy, do Harmonia do Samba, Psirico e Jammil.

No dia seguinte, será a vez de levar o agito dos ensaios de verão para Itabuna, no interior da Bahia, com show no Gávea Hall. Nas vésperas do Natal, Jau é uma das atrações do Pôr da Sol, que acontece no Othon, em Salvador, no dia 23 de dezembro. Ainda no mesmo dia, o cantor se apresenta na festa 'Com Amor Beach Bar', em Aracaju (SE).

Para fechar o ano, Jau comanda a virada de ano no Réveillon Maré Blú, em Vilas do Atlântico, juntamente com o cantor Saulo.

Jau convida Márcio Victor, Levi Lima e Xanddy para ensaio de verão

O cantor e compositor Jau apresenta, na próxima quinta-feira (7), a 3ª edição do projeto “Jau Natural” no Terminal Náutico de Salvador. Os fãs do músico poderão curtir canções inéditas, além de diversos sucessos lançados ao longo da carreira.

O ensaio também contará com as participações especiais de Márcio Victor, Levi Lima e Xanddy. Os ingressos estão à venda nos Balcões de Ingressos, Line Bilheteria e na sede da AMB. A entrada custa R$ 60.

  • SERVIÇO:

Ensaio de Verão – “Jau Natural”

Data: 07/12

Hora: 21h

Local: Porto Salvador Eventos – Terminal Marítimo de Salvador

Valor: R$ 60

Vendas: Balcões de Ingressos de todos os shoppings, Line Bilheteria e na sede da AMB.

Domingo tem concerto na Igreja de São Francisco, centro histórico

A manhã do próximo domingo, 03.12, no Pelourinho será especial. Começa com o concerto com a Orquestra de Câmara de Salvador (OCSal), na Igreja do São Francisco, às 11h. Nesta edi&cced il;ão a apresentação conta com a participação especial do Coral Ecumênico da Bahia (CEB) interpretando o “Glória”, de Antonio Vivaldi, com solos de Marilda Costa (soprano) e Vanda Otero (mezzo-soprano). A apresentação ainda contará com a oboísta Roberta Benjamim e o maestro Jean Prado. Todos sob a regência do maestro Ângelo Rafael, que coordena o Popelô - Polo de Orquestras do Pelô, ação do Pelourinho Dia e Noite, da prefeitura de Salvador, que promove a residência art ística de quatro orquestras de Salvador nas igrejas do Centro Histórico e realiza ensaios abertos, concertos e missas orquestradas.

Logo em seguida 16 restaurantes da Praça da Sé, Pelourinho e do Largo do São Francisco e quatro bares e lanchonetes participam da última edição do ano  dos Domingos Gastronômicos - “Culinária Baiana Original com Arte, por Manuel Querino”, que promove a criação  de cardápios a partir de receitas descritas no livro “Arte Culinária na Bahia”, de 1916, de Manuel Querino. Os cardápios – entrada, prato principal e sobremesa têm preços de no máximo R$ 50,00. Durante a ação, ce nas curtas de “dramaturgia gastronômica”, criadas por Aninha Franco, com direção de encenação Rita Assemany, começam a acontecer nos vários espaços a partir das 12h30.

Mas não para por aí. No Largo do São Francisco a Feira de Artes e Encantos do Sagrado, no  Montepio do Artistas, no Largo do São Francisco, oferece obras originais de 25 artesãos baianos. Há também a visitação do sobrado que abriga desde 1883 a Sociedade Protetora dos Desvalidos, fundada em 1827 por homens negros livres . A partir das 12h30 a culinarista Elíbia Portela reúne plateia e fala sobre os Bolinhos de Arroz da Bahia, uma receita doc e tradicional baiana, dá a receita e faz degustação gratuita. O encontro está marcado para acontecer na doceria Marrom Marfim, na Rua Gregório de Matos, 17.  E das 15h às 17h, no palco do  Cruzeiro do São Francisco, tem show de  samba com o Grupo Botequim que faz uma apresentação especial celebrando o Dia do Samba.

  • Restaurantes que participam :

CGC Café Gourmet – Galinha ao molho pardo e sarapatel de carneiro + ambrosia – R$ 38,00 (por pessoa)

Cuco Bistrô – Caldinho de feijão + feijoada completa de Manuel Querino + Cuco mini pastéis e doce se caju + licor de jenipapo ou cachaça orgânica – R$ 50,00 (por pessoa)

Villa Bahia – Bolas de inhame com feijão de leite + xinxim de galinha com efó de língua de vaca + bolo da Bahia com doce de caju – R$ 49,00 (por pessoa)

Axêgo – Arroz de hauçá + cocada preta – R$ 50,00 (por pessoa)

Dona Chika-ká – Mini-cacarajés + bobó de inhame da costa à Manuel Querino + ambrosia + aluá – R$ 50,00 (por pessoa)

Odoyá – Moqueca ou ensopado de peixe (posta) + cocada de formo com sorvete – R$ 50,00 (por pessoa)

Cantina da Lua – Angú incubado – R$ 30,00 (por pessoa)

Ponto do Vital – Caldo de carangodé + maniçoba + cocadas e frutas da época – R$ 65,00 (duas pessoas)

Café Conosco – Vatapá de galinha com arroz de leite de côco e efó tradicional + cafezinho gourmet Piatã (cortesia) – R$ 39,00 (por pessoa)

Uauá – Bolinho de aipim com queijo coalho + paçoca de pilão com feijão verde, manteiga de garrafa e farofa de banana + doce de banana – R$ 50,00 (por pessoa)

Maria Mata Mouro – Polenta de milho + peixe sem espinha com pirão e legumes + doce de caju – R$ 49,00 (por pessoa)

Romã – Moqueca de peixe e de ovos, vatapá de galinha, caruru e arroz branco + doce de caju com bolo inglês + aluá de abacaxi – R$ 42,00 (por pessoa)

Sorriso da Dadá – Moqueca de ovo + ambrosia – R$ 50,00 (por pessoa)

Alaíde do Feijão – Rabada com agrião e pirão + doce de banana – R$ 30,00 (por pessoa)

Restaurante XV – Moqueca de peixe, caruru e arroz + ambrosia – R$ 30,00 (por pessoa)

Casa da Gamboa – Moqueca de peixe e xinxim de galinha, vatapá, caruru e feijão  quitandê + cocada preta – R$ 50,00 (por pessoa)

Rota do Cafezinho e Aperitivo

La Porte – Sorvete

Marrom Marfim – Trufas, chocolate quente e café

Pão Pelô – Pães e bolos

A Cubana – Sorvetes e salgados 

 

 

Fonte: G1/BNews/Bahia.ba/Bahia Já/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!