09/01/2018

Pelourinho Dia e Noite inicia programação de verão nesta terça (9)

 

A estação mais quente do ano vai ficar ainda mais atrativa na capital baiana com a programação especial de verão do Pelourinho Dia e Noite.  As atividades gratuitas começam nesta terça-feira (9) e reúnem concertos ao ar livre, rodão de samba, Terça da Bênção, Cinema na Praça e até mesmo cortejos com personagens do escritor Jorge Amado.

  • Confira:

Viradão do Samba

Para revitalizar uma das mais significativas ações que já foram promovidas no Pelourinho, o Viradão do Samba traz, na Terça da Benção, os grupos profissionais de samba Jota Zô (Terreiro de Jesus), Catadinho do Samba (Praça da Sé) e Movimento (Largo do Pelourinho), sempre a partir das 19h. OS grupos se reúnem no Terreiro de Jesus e terminam a noite tocando juntos num grande “rodão de samba”.  As apresentações acontecem nos dias 9, 16, 23 e 30 de janeiro e 6 de fevereiro.

República dos Tambores

O República dos Tambores é um circuito itinerante pelas ladeiras do Centro Histórico, do Largo do Pelourinho ao Terreiro de Jesus, com os grupos de percussão: Banda Didá, Kizumba, Tambores e Cores, Meninos da Rocinha e o mais novo integrante – Suingue do Pelô. Os shows acontecem de quarta a sábado, a partir das 17h30, e domingos, ao meio-dia.

Circuito Jorge Amado

Nas sextas-feiras (dias 12, 19 e 26 de janeiro e 2 de fevereiro), pontualmente às 19h, sai do Largo do Pelourinho o cortejo fúnebre mais animado que a cidade da Bahia já viu.  É o Circuito Jorge Amado, que vai subir e descer as ruas do Pelô com apresentação de seis cenas baseadas nas seguintes obras do escritor baiano: “A Morte e a Morte de Quincas Berro D´Água”, “Gabriela Cravo e Canela”, “Dona Flor e seus Dois Maridos”, "Tenda dos Milagres" e “O Compadre de Ogum”.

Popelô

O Pólo de Orquestras do Pelô (Popelô) traz novos ensaios e missa orquestrada, além da grande novidade da temporada: os Concertos de Verão ao Ar Livre. A iniciativa acontece aos sábados (dias 13, 20 e 27 de janeiro e 4 de fevereiro), às 17h, no Largo do Cruzeiro de São Francisco. Com palco e plateia de cadeiras montados, no dia 13 o maestro Fred Dantas abre a temporada com a Orquestra São Salvador e recebe Juliana Ribeiro. Já no dia 20, a Orquestra de Câmara de Salvador, sob a regência do maestro Ângelo Rafael, recebe a cantora Manoela Rodrigues.

Cinema na Praça

Nos dias 18 e 25 de janeiro e 10 de fevereiro, o Largo de Santo Antônio do Carmo recebe o Cinema na Praça, que promove sessões gratuitas de cinema, sempre a partir das 19h. Os filmes escolhidos buscam levar para a população as histórias de nossos mestres populares e a riqueza da nossa cultura.

O projeto Pelourinho Dia e Noite é coordenado pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), por meio da Diretoria de Gestão do Centro Histórico.

Museus estaduais terão Circuito de Cinema

O Museu Udo Knoff de Azulejaria e Cerâmica, no Pelourinho/Centro Histórico de Salvador, inaugura nesta terça-feira (9), o projeto ‘Circuito de Cinema nos Museus Dimus’, com a exibição do filme ‘Histórias Cruzadas’, às 15h. O projeto segue durante os meses de janeiro e fevereiro de 2018. A programação é gratuita e terá novas datas e filmes agendados nos museus Udo Knoff, Tempostal, Centro Cultural Solar Ferrão e LabDimus – todos no Pelourinho. Esta é uma ação conjunta dos museus da Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Dimus/Ipac), unidade daSecretaria de Cultura do Estado, como parte das atividades de verão.

De acordo com a coordenadora do LabDimus, Cristina Melo, “o Circuito de Cinema nos Museus Dimus surge como um projeto experimental. Os filmes apresentados têm variados estilos e temáticas distintas, que agradam a uma diversidade de público, sendo direcionadas a toda e qualquer pessoa que goste de uma boa sessão de cinema. Ao final da projeção, será aberto um diálogo com o público, quando as pessoas serão convidadas a trocar experiências e debate sobre o que foi visto”. Programação completa está disponível no site da Dimus/Ipac.

Museu de Arte da Bahia apresenta a Exposição Ocupação Jardim

O Museu de Arte da Bahia inaugura na quarta-feira, 10 de janeiro, às 19h, no Laboratório de Experimentações Estéticas a exposição "Ocupação Jardim", uma mostra de beleza e sensibilidade que usa o jardim como metáfora para as subjetividades pessoais e inquietações coletivas de 5 mulheres artistas: Neyde Lantyer, Daniela Steele, Dôra Araújo, Eneida Sanches (com a colaboração de Stella Carrozo)e Andrea May aka May, na abertura sonora.

A exposição foi concebida como uma explosão de formas botânicas criadas através de diversas mídias e técnicas artísticas inter-relacionadas entre si no espaço expositivo. Segundo Neyde Lantyer , "nos unimos em grupo de mulheres artistas misturando idéias, afagando experiências criativas, jardinando o tempo, fertilizando desejos, revisitando medos, revolvendo perplexidades, jardinando o coração: o seu próprio e o do mundo."

Nesta mostra, as cinco artistas compartilham da idéia do jardim como referência ao Jardim do Éden, um símbolo do paraíso na Terra, um lugar de paz e de beleza, uma utopia, uma quimera. Mas o jardim é também um lugar misterioso, aquele lugar onde a Alice no País das Maravilhas da obra de Lewis Carrol se perde em busca do obscuro, que é o seu próprio inconsciente, um lugar onde a beleza é transbordante, mas também contraditória, contendo também em si o lado que fere e pode aniquilar.

A “Ocupação Jardim” segundo as artistas que apresentam essa belíssisma mostra no MAB, representa os devaneios, as dores e prazeres do momento em que vivemos, o amor e a morte, a destruição acelerada da natureza pelo homem e a quimera, sempre renovada, de um mundo melhor.  O MAB é um Museu vinculado ao IPAC/ Secretaria de Cultura do estado da Bahia.

  • SERVIÇO

EXPOSIÇÃO OCUPAÇÃO JARDIM

LABORATÓRIO DE EXPERIMENTAÇÕES ESTÉTICAS DO MAB

ONDE: MUSEU DE ARTE DA BAHIA, CORREDOR DA VITÓRIA 2340

QUANDO: DE 10/01 À 31.01.

ABERTURA: DIA 10/01 ÀS 19H

Conder inicia testes da iluminação cênica do Lar Franciscano

A Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado (Conder), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur), iniciou os testes da iluminação cênica do Lar Franciscano Santa Isabel, palacete em estilo colonial do século XIX, tombado pelo Governo do Estado, desde 2002. A edificação teve a área externa recentemente reformada. No local, está sendo concluída também a Praça Ary Barroso, um novo espaço de lazer, com entrada pela Baixa dos Sapateiros.

“A proposta é valorizar ainda mais o prédio histórico com a instalação de uma linha contínua de aparelhos na moldura superior da fachada, criando um banho de luz de cima para baixo, minimizando a entrada de luz na área interna do prédio”, explica o gestor da Diretoria do Centro Antigo de Salvador (Dircas/Conder), Maurício Mathias.

As luminárias utilizadas são de tecnologia avançada, com tamanho reduzido e instaladas de forma discreta e segura, evitando descaracterização da fachada. Foram instaladas 122 aparelhos de última geração em LED, com potência máxima de apenas 7.295w. “Já iniciamos os serviços de implantação do sistema elétrico de alimentação e a montagem dos equipamentos. A conclusão está prevista o final de janeiro”, acrescenta Mathias.

Importância histórica

Um dos melhores exemplos de arquitetura civil do século XIX, na Bahia, pelo tamanho e qualidade, o edifício do Lar Franciscano Asilo Santa Isabel, no bairro da Saúde, em Salvador, foi inaugurado no 2º Império brasileiro, em 1848. O investimento é de R$ 500 mil para a reforma da fachada, área externa e pintura, com recursos do Governo do Estado.

Praça Ary Barroso

Abaixo da escadaria do Lar Franciscano Santa Isabel está sendo construída a Praça Ary Barroso, mais um espaço de lazer para o Centro Histórico de Salvador, com área de 470 metros quadrados e acesso pela Baixa dos Sapateiros. O investimento é de R$ 800 mil para a realização dos serviços de paisagismo, iluminação, piso, bancos e recuperação dos elementos arquitetônicos.

A obra integra o projeto de Requalificação Urbana da região, o qual já teve concluída a recuperação de vias e passeios, além das reformas do Quartel do Corpo de Bombeiros, da Ladeira do Pax e da Praça dos Veteranos.

Rock, samba, pagode e ijexá se misturam no Pelô a partir desta segunda-feira

Para continuar o movimento intenso nos largos do Pelourinho/Centro Histórico de Salvador, os palcos recebem desta segunda-feira (8) ao próximo dia 14, uma grande variedade de atrações, prometendo reunir as mais diferentes tribos musicais. Entre os destaques da semana, a participação de Daniela Mercury, no Cortejo Afro, de Tuca Fernandes, no primeiro ensaio do Afrodisíaco, e shows de ÀTTØØXXÁ, IFÁ Afrobeat, Denny Denan, Los Sebosos Postizos, entre muitos outros. A programação tem o apoio da Secretaria de Cultura do Estado (Secult), por meio do Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI) e o Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (Ipac), via cessão gratuita de pauta. A agenda é sujeita a alterações, de responsabilidade das respectivas produções dos eventos.

Iniciando a semana, nesta segunda-feira (8) tem mais um ensaio do elegantemente sofisticado Cortejo Afro, no Largo Pedro Archanjo, às 21h. A convidada desta edição será a cantora Daniela Mercury. A abertura do evento será realizada pelo Dj Pimenta, além de ter participação do cantor J. Velloso (ingressos a R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia). Na terça (9), Gerônimo Santana agita o Largo Pedro Archanjo, às 20h. Os convidados da noite, no projeto ‘O Pagador de Promessa’, são Jô Kallado, o grupo Pakera e Samba, além de Robbson Ribeiro. Os ingressos estão sendo vendidos no Sympla e no local do evento no valor de R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia entrada). No Largo Tereza Batista tem o primeiro ensaio de verão da banda Afrodisíaco, com participação da Afrosambah. Os cantores Tuca Fernandes e Ninha são os convidados do show, que irá relembrar músicas que encantam os Carnavais de Salvador (ingressos R$ 20 e R$ 10).

O bloco afro Muzenza é atração do Largo Tereza Batista, na quarta (10), misturando o balanço do reggae com a batida forte da percussão. O ensaio começa às 20h, com ingressos a R$ 20 e R$ 10. Já no Largo Quincas Berro D’Água, às 20h, o cantor Denny Denan inicia os seus ensaios de verão no Pelô, promovendo a sua carreira solo. Os ingressos custam R$ 50 (pista) e R$ 80 (camarote). O evento terá abertura de Bigg. Na quinta (11), no Largo Quincas BerroD’Água, às 15h, o Bloco Cultural dos Servidores Públicos realiza um arrastão festivo com as atrações Nairê, Samba de Nego e Dangello Hazan, além da participação de Daniel Vieira (ingressos R$20 e R$10 ). Mais tarde tem ‘Jhadirá na Área’, no Largo Tereza Batista, às 20h. O trabalho da banda proporciona uma mistura do MPB com o Reggae Surf Music (ingressos R$ 20 e R$ 10).

Dando continuidade aos shows de verão, o ÀTTØØXXÁ promove mais uma ‘TáBatenu’, na sexta (12), no Largo Pedro Archanjo (Pelourinho), a partir das 21h. A festa conta, desta vez, com a participação especial do cantor EdCity e a abertura do Batekoo, movimento de dança preta e periférica (ingressos R$ 40 e R$20. No Largo Tereza Batista acontece a primeira edição do projeto IFÁ e Negra Força Feminina. O evento, que começa às 21h, traz as participações de Luedji Luna e Tássia Reis (ingressos R$ 40 e R$ 20 (primeiro lote) ou R$ 60 e R$ 30 (segundo lote). Já a banda Viola de Doze realiza mais uma edição da festa SamPelô Prime, no Largo Quincas Berro D’Água, às 20h (ingressos R$ 20 e R$ 10, e podem ser adquiridos no local.

O sábado (13), começa cedo com uma programação para a criançada, a partir das 15h, no Largo Quincas Berro D’Água, com o ensaio do Bloco Infantil AbraKdabra. A atração principal do evento é a banda Tour Girls, e os ingressos estão no valor de R$ 10. Mais tarde, às 19h, no mesmo palco, acontece mais uma edição do Samba Sertanejo, com Larissa Carvalho, Miskuta, Glauber Vilark, Tribal do Zorra, e Samba do Pretinho, com ingressos a R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia).

Trazendo uma mistura que faz lembrar um pouco de Jorge Ben e Nação Zumbi, o grupo Los Sebosos Postizos é um dos shows mais esperados do verão baiano. Às 21h, no Largo Tereza Batista, a banda promove a Noite da Jovem Samba, onde apresenta uma interpretação única para clássicos e jóias raras de Jorge Ben Jor das décadas de 60 e 70, com elementos de dub e grooves raros. A noite ainda conta com a apresentação do Radiomundi, um projeto baiano que conecta vários gêneros musicais e músicos nacionais na geração de novos conteúdos para serem difundidos, como shows e produtos físicos e digitais.

No domingo (14), o Largo Tereza Batista será palco do samba com o ensaio do bloco Alvorada, às 14h, reunindo diversas atrações (ingressos R$ 10). O ritmo brasileiro também toma conta do Largo Quincas Berro D’Água, com um dos principais sambistas da Bahia, ouro da casa, Nelson Rufino, com o show ‘Amor e Paixão, Botequim da Paixão’. O show começa às 17h e tem entrada gratuita.

No mesmo dia, às 17h, o palco do Largo Pedro Archanjo será cenário da reunião de uma das principais bandas do rock baiano, com a festa ‘Cascadura – 25 Anos!’. O show promete ser o desfile de temas como ‘Sexta Feira’, ‘Retribição’, ‘Queda Livre’, ‘Soteropolitana’, ‘Juntos Somos Nós’, ‘Nicarágua’ e outras tantas das mais de 70 cançoes lançadas pelo grupo em seus cinco discos. E, além dos quarto membros que atuaram na última fase da banda, o Cascadura contará também com o reforço de um membro especial - Martin, hoje membro da banda de Pitty e em carreira solo. Os ingressos custam R$ 40 e R$ 20 (primeiro lote) e R$ 60 e R$ 30 (segundo lote).

 

Fonte: BNews/Ascom Dimus-Ipac/SecultBa/Ascom Conder/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!