09/01/2018

Ilhéus vai realizar carnaval cultural de 10 a 13 de fevereiro

 

A Prefeitura de Ilhéus vai realizar o Carnaval Cultural, de 10 a 13 de fevereiro, na avenida Soares Lopes, com a participação e valorização de entidades carnavalescas e blocos afros e de arrastão da cidade. Os festejos vão acontecer todos os dias das 4 horas da tarde à meia-noite. Por conta de dificuldades financeiras, o prefeito Mário Alexandre descartou hoje (5) a realização do Carnaval Antecipado, que também estava previsto para acontecer no período de 24 a 28 de janeiro.

Durante a divulgação do Projeto Verão 2018, o prefeito já dava sinais de que, sem outros patrocinadores, só realizaria um dos carnavais previstos no calendário de verão. Optou pelo Cultural. “O Carnaval é importante para a economia da cidade. Mas temos outras demandas importantes também. Sendo assim valorizamos as manifestações populares da cidade e aplicamos recursos públicos na reforma de postos de saúde e de escolas, que são as nossas prioridades agora em 2018”, justificou.

Ao definir pelo cancelamento do Carnaval Antecipado, Mário Alexandre lembrou que Ilhéus elaborou – e está executando – uma extensa programação de esporte, lazer e entretenimento neste período da alta estação e que a cidade vive um momento especial com o turismo em evidência. Desde dezembro que a cidade recebe um grande fluxo de visitantes.

O Projeto Verão é resultado de um planejamento elaborado pela Secretaria Municipal de Turismo e Esporte (Setur) e contempla atividades de esporte, lazer e entretenimento, na mais longa e rica programação já elaborada pelo município. Além do estrondoso sucesso do Réveillon e do evento Vem Louvar Verão, entre os dias 30 de dezembro e 2 de janeiro, uma extensa programação está confirmada até março.

De 7 de janeiro a 18 de março, a avenida Soares Lopes, um dos pontos de maior concentração de pessoas, vai sediar o programa Lazer em Movimento, passando a ser cenário de prática esportiva e de atividades de lazer. A Secretaria de Saúde vai disponibilizar técnicos para aferição arterial e taxa de glicemia. De 11 a 14 de janeiro, os olhares estarão voltados, em especial, à localidade turística de Olivença, para a tradicional festa da Puxada do Mastro de São Sebastião.

A tradicional Lavagem das Escadarias da Catedral, realizada sempre no dia 20, desta feita acontecerá dia 18. “Ao longo dos últimos anos a festa vinha perdendo força. Conversamos sobre a antecipação em dois dias para coincidir com a chegada de um transatlântico no Porto de Malhado, trazendo 4.200 turistas que poderão desfrutar da beleza cultural e religiosa da festa”, justifica Roberto Lobão.

Já nos dias 26 e 27 de janeiro, o Parque de Exposições de Ilhéus, que está sendo revitalizado pela Prefeitura, vai sediar a I Copa de Marcha da Terra da Gabriela, que vai reunir criadores do cavalo Mangalarga Marchador de todo o Brasil. 150 animais participarão do evento que terá a cobertura da revista oficial da Associação Brasileira dos Criadores e do canal de televisão MMTV.

Em fevereiro, a Setur confirmou a realização da tradicional Festa de Iemanjá, no dia 2, com atividades nos bairros do Malhado e do Pontal. E de 21 a 25 de fevereiro, está confirmada a realização do Projeto Rally dos Mares, uma competição náutica de jet sky na baía do Pontal que atrai curiosos e um número significante dos adeptos desta modalidade esportiva.

Ilhéus: Hospital Costa do Cacau fará 450 cirurgias em um mês de funcionamento

O Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC) já realizou, desde sua inauguração, em 15 de dezembro, mais de 200 cirurgias. Segundo a Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab), outras 250 estão programadas até o próximo dia 15.

Construído pelo governo do Estado, no município de Ilhéus, com um investimento de R$ 114 milhões, o hospital atende a 67 municípios da região sul.

As cirurgias programadas por meio do Mutirão de Saúde beneficiaram os usuários do SUS de Ilhéus, Arataca, Aurelino Leal, Camacan, Canavieiras, Ibicaraí, Ibirapitanga, Ipiaú, Itacaré, Itapitanga, Mascote, Santa Luzia, Una e Uruçuca.

"O hospital está dando vazão a toda essa demanda. Além disso, nós estamos fazendo o retorno de ambulatório dos pacientes que foram operados na primeira fase. E caso haja necessidade, será marcada posterior visita. Tudo está funcionando a contento, dentro do previsto", destacou o diretor técnico, Cláudio Moura Costa.

ILHÉUS SEGUE POLÍTICA AMBIENTAL ADOTADA HÁ 24 ANOS NO RIO DE JANEIRO

Em outubro de 2017, por meio da Superintendência do Meio Ambiente, a Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável de Ilhéus anunciou que pretende estimular a substituição de árvores exóticas por espécies da Mata Atlântica nas zonas urbanas do município – lembre aqui. A iniciativa segue política ambiental adotada com sucesso em outros lugares, como na cidade do Rio de Janeiro.

No dia 17 de março de 1994, o então secretário extraordinário do Meio Ambiente do Rio de Janeiro, Alfredo Sirkis, proibiu o plantio e a reposição de amendoeiras na cidade. A medida também alcançou outra espécie de árvore estranha à Mata Atlântica, a causarina – leia aqui.

Ao justificar aquela resolução, Sirkis explicou que seguiu recomendação dos técnicos de drenagem do município. Segundo os especialistas, as folhas das amendoeiras contribuem excessivamente para o entupimento das galerias pluviais. Além disso, em comparação com espécies nativas da Mata Atlântica que se adequam aos espaços urbanos, a presença das amendoeiras e das causarinas torna a limpeza pública mais cara.

No caso de Ilhéus, a amendoeira é a espécie que predomina na zona urbana. Segundo a Superintendência do Meio Ambiente, a exemplo da justificativa que fundamentou a decisão do órgão ambiental do Rio de Janeiro, essas árvores aumentam consideravelmente o custo de manutenção com a limpeza da cidade. Além do mais, causam desequilíbrio ao ecossistema urbano, destroem passeios e tubulações.

Ontem (7), no Facebook, o superintendente do Meio Ambiente de Ilhéus, Emílio Gusmão, explicou que a gestão municipal “concentra esforços para lançar um programa de adoção de árvores” em fevereiro deste ano. O projeto vai disponibilizar mudas de árvores da Mata Atlântica para moradores de Ilhéus interessados em plantá-las nas calçadas, quintais ou jardins das suas residências.

O programa em fase de elaboração na Superintendência vai dar suporte às pessoas interessadas em auxiliar o município no processo de substituição das árvores exóticas. Segundo Emílio Gusmão, é compreensível que as pessoas estejam acostumadas com as amendoeiras, que são tão comuns em Ilhéus. Essa espécie proporciona uma sombra muito agradável, mas, por ser exótica, não vive em harmonia com a biodiversidade local, além dos problemas relacionados com as suas folhas.

Por outro lado, ainda de acordo com o superintendente, uma cidade arborizada colabora para a qualidade de vida das pessoas, pois “as árvores absorvem parte dos raios solares, lançam água no ambiente e reduzem os efeitos das ilhas de calor. Propiciam conforto térmico e alteração do microclima (sensação de bem-estar promovido pelo sombreamento) refrescando o ambiente”. Por isso, a Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável pretende iniciar o plantio das mudas nativas em março.

ITARANTIM: APÓS ROMPIMENTO ESPOSA DO PREFEITO DEIXA SECRETARIA

O início de 2018 começa de forma surpreendente na pacata cidade de Itarantim. O motivo foi o comunicado de Michelet Martins, atual Secretária de Assistência Social. A mesma é a primeira dama do município e comunicou na rede social que está deixando o governo.

O comentário na cidade é que Michelet Martins é única que se destacou no primeiro ano do governo do prefeito Paulo Construção (DEM), que já está sendo chamado na cidade de Paulo “Desconstrução”.

Desde o inicio do governo que a primeira dama Michelet Martins entrou em rota de colisão com o prefeito. Dentro do grupo do prefeito o comentário é que mesmo após a separação, ela teria decidido continuar no cargo.

Mas no final do ano comunicou na rede social que estará deixando o governo, para evitar um desgaste ainda maior para o governo, o prefeito não assinou até o momento o pedido de exoneração.

O blog foi informado que já tem gente da oposição tentando convencer Michelet Martins a se filiar a um partido da base do governador Rui Costa (PT), para ser colocada como vice na chapa de oposição em 2020 ao prefeito atual.

Alguns analistas da política local avaliam que uma chapa formada entre Fábio Gusmão (PP) e Michelet Martins na vice, deverá ser a mais votada da história da cidade.

ITACARÉ: PREFEITURA REALIZA LIMPEZA DAS RUAS E CANAIS DA CIDADE

A Prefeitura de Itacaré vem realizando um trabalho constante de limpeza das ruas, meios fios e também dos canais dos bairros da Passagem e Santo Antônio (Bairro Novo). O objetivo é deixar a cidade muito mais bonita, bem cuidada e melhor para os itacareenses e turistas. Tudo isso sem contar com a manutenção das praças, pintura dos meios fios e da limpeza da Ladeira Grande, pra deixar a entrada da cidade ainda melhor e com um visual muito mais agradável.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, informou que esse trabalho vem sendo feito desde que iniciou sua gestão e a orientação é que continue com frequência, não somente com a limpeza e a retirada dos matos nas vias públicas, como também a pintura e a manutenção das ruas e praças. Para isso ele pede também a colaboração dos comerciantes e dos moradores, evitando colocar lixo fora dos horários de coletas ou em locais inadequados. “A equipe da Prefeitura vem buscando fazer a sua parte, mas a limpeza só vai continuar com excelência se todos colaborarem, afinal essa cidade é de todos nós”, complementou o prefeito.

O administrador do bairro da Passagem, Dislei Santos, que vem coordenando um amplo trabalho de limpeza dos canais e das ruas da cidade, citou como exemplo o canal que atravessa seu bairro, argumentando que antes esse espaço era tomado pelo lixo e nos tempos de chuvas as águas dos esgotos transbordavam. De acordo com ele, agora a limpeza dos canais, não somente da Passagem, mas dos demais bairros de Itacaré, vem sendo feita regularmente, resolvendo não somente os problemas de inundação, como também melhorando o aspecto visual do local e evitando os casos de doenças.

Ele solicita também solicita à comunidade que colabore com a limpeza, evitando jogar lixo nos canais ou fora dos horários de coleta. De acordo com ele, no bairro da Passagem a coleta de lixo é feita diariamente sempre às 16 horas. A orientação é que não coloquem o lixo na rua nem muito antes e nem depois desse horário evitando que o acúmulo de dejetos e também que os animais espalhem a sujeira pelas ruas.

 

 

Fonte: BN/BlogdoGusmão/PSB/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!