11/01/2018

Conquista: Estudante é premiada em festival cinema escolar

 

A estudante Fabíola Rocha Pereira, 18 anos, foi premiada como melhor atriz na categoria Ensino Médio, do III Festival de Cinema Escolar de Alvorada, no Rio Grande do Sul, um dos mais representativos eventos do gênero da América Latina. A aluna, que concluiu, no final de 2017, o 3º ano no Colégio Estadual Camilo de Jesus Lima, em Vitória da Conquista, participou durante todo o ano passado de cursos de vídeo do Centro Juvenil de Ciências e Cultura (CJCC) – unidade da rede estadual, localizada no mesmo município. A sua premiação é fruto do curta-metragem “Cicatrizes”, uma criação estudantil coletiva, que aborda a questão da violência doméstica contra a mulher. O vídeo concorreu com 1.300 produções de 94 países.

“Estou muito feliz e surpresa. Quando o nosso professor Daniel Leite nos inscreveu, no ano passado, não tinha muita expectativa de que ganharíamos algum prêmio, já que se tratava de um festival internacional, com concorrentes de quase 100 países e isto não é pouco”, comemora Fabíola, que atuou junto ao colega Johnata Almeida, além da aluna Viviane Osório, responsável pelas imagens, e Ingrid Sousa, pelo figurino.

Fabíola conta que “Cicatrizes”, que ficou em 3º lugar no Produção de Vídeos Educativos (PROVE), em 2017, da rede estadual,fala sobre um tema atual e recorrente. “Contamos uma história de muitas mulheres que sofrem abusos em suas relações. No nosso vídeo, finalizamos com a libertação dessa mulher, que passa a escrever livros relatando o seu sofrimento e a sua luta, para mostrar que, com a conscientização sobre os seus direitos, as mulheres terão força para lutar e vencer”.

A diretora do CJCC de Vitória da Conquista, Aline Irigoyen, fala sobre o trabalho realizado pelos estudantes dos cursos de vídeo. “O curta ‘Cicatrizes’ foi produzido com muita dedicação e todo o processo de realização foi enriquecedor para os alunos. Eles tiveram contato com o Centro de Referência de Atendimento à Mulher Albertina Vasconcelos, aqui em Vitória da Conquista, e, para eles, foi uma experiência fantástica que ajudou na criação do trabalho. A premiação do vídeo, através de Fabíola, foi muito importante para todos nós, levando-se em conta que estavam à frente estudantes do Ensino Médio da rede pública estadual”.

Centro Juvenil de Vitória da Conquista oferece cursos de verão para estudantes

As férias escolares dos estudantes da rede estadual de Vitória Conquista, no sudoeste da Bahia, estão ainda mais animadas e produtivas. Eles estão participando dos seis cursos de verão ofertados pelo Centro Juvenil de Ciência e Cultura (CJCC), localizado na cidade. Tratam-se de cursos com atividades nas quais os estudantes aprendem de forma lúdica. As aulas acontecem em dois períodos: de 9 a 18 de janeiro e de 23 a 2 de fevereiro, das 14h às 17h.

São disponibilizadas 200 vagas, distribuídas entre os seis cursos: 'Música em cena' (com atividades envolvendo música e teatro); 'Dance' (atividades de dança); 'Jogos teatrais'; 'Games'; 'Clique' (atividades de fotografia) e 'Arte circense' (malabares). Para se inscrever, o estudante interessado, do 9° ano ao Ensino Médio, deve preencher os dados no blog do Centro Juvenil. Ao fim dos cursos, os estudantes que tiverem 75% de frequência receberão certificados de participação de 18 horas.

Robson Oliveira, 18 anos, e Bruna Lisboa, 18, alunos do Colégio Estadual Rafael Spinola Neto, estão aproveitando as férias para adquirir novos conhecimentos. "Me inscrevi para os cursos Dance e Clique e estou gostando muito, porque aprendemos sobre danças e culturas de outros países”, afirma Robson. Já Bruna, que está fazendo os cursos Dance e Jogos Teatrais, ficou surpresa "com o conteúdo, pois já fiz curso de teatro e este aqui é mais dinâmico, porque explora mais os conhecimentos da área do teatro”.

Segundo a diretora do Centro Juvenil de Vitória da Conquista, Alice Irigoyen, esta é a primeira vez que a unidade oferece cursos elaborados exclusivamente para o período de férias. “São cursos inéditos, diferentes dos que são ofertados durante o ano letivo. Neles, os estudantes participarão de atividades lúdicas e dinâmicas envolvendo a aprendizagem, que desenvolvem a concentração, o trabalho em equipe, a liderança, a comunicação e a integração, pois um momento propício para fazer novos amigos”, explica.

Caetité: Barragem Comunitária beneficia pequenos produtores

A Prefeitura de Caetité, através das secretarias municipais de Desenvolvimento Econômico e Serviços Públicos, realizou a construção de uma Barragem, com extensão de 5m e meio, na comunidade de Barreiro. A ação foi concretizada com a parceria com a Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR) e a secretaria de Desenvolvimento Rural.

Essa importante obra foi feita para o consumo animal e irrigação de hortaliças e irá beneficiar além da comunidade Barreiro, as comunidades de Contendas, Gameleira, Tamanduá, Umbaubeira e Lagoa da Pedra.

“A construção dessa barragem foi muito benéfica pra toda região. Passamos muita dificuldade quando ficamos sem ela e hoje só temos que comemorar. Quero agradecer ao prefeito Aldo Gondim, por ter feito uma parceria tão importante como essa, e ter transformado em realidade um compromisso firmado por ele”, comemorou Marlúcia Pereira, moradora de Barreiros.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Rosival Almeida, há um projeto para implantação de alevinos na barragem, para estimular a piscicultura e fortalecer a agricultura familiar. “A construção de barragens como essa é mais uma medida que minimiza os efeitos da seca, propiciando o aumento da reserva hídrica”, explica Rosival.

Brumado: após reunião, município é escolhido para receber a Policlínica Regional

Em reunião realizada na manhã desta quarta-feira (10), na sede da Prefeitura de Brumado, com a participação de 16 prefeitos que integram o Consórcio Regional de Saúde, ficou definido que a Policlínica Regional será construída na Capital do Minério.

Embora houvesse a resistência de alguns gestores quanto a construção da unidade em Brumado, não havendo um consenso entre os prefeitos.

Foi realizada um uma votação entre os gestores, com isso Brumado obteve 13 votos e Livramento de Nossa Senhora 3 votos. Então ficou definido que a implantação será na Capital do Minério.

O resultado da reunião foi comunicado ao governador Rui Costa (PT) e a expectativa é que o chefe do Executivo Estadual esteja em Brumado no próximo mês para autorizar o início das obras.

Participaram da reunião os prefeitos: Lêda Matias Silveira (Aracatu), João Machado Ribeiro (Barra da Estiva), Eduardo Lima Vasconcelos (Brumado), Uelinton Valdir Palmeira Souza (Contendas do Sincorá), Roberval de Cássio Meira (Dom Basílio), Érico Cardoso de Azevedo (Érico Cardoso), Gilmar Rocha (Guajeru), Haroldo Aguiar (Ibicoara), Adalberto Luz (Ituaçu), Éder Jakes Souza Aguiar (Jussiape), José Ricardo Assunção Ribeiro (Livramento de Nossa Senhora), Terezinha Baleeiro Alves Santos (Malhada de Pedras), Gilberto Martins Brito (Paramirim), Cristiano Cardoso de Azevedo (Rio de Contas), Gilvanio Antônio dos Santos (Rio do Pires) e Jorge Teixeira da Rocha (Tanhaçu).

Temer sanciona com vetos programa de renegociação de dívidas rurais

O presidente Michel Temer sancionou, com vetos, a lei que institui o Programa de Regularização Tributária Rural. O programa permite a renegociação das dívidas de produtores rurais e será publicado no Diário Oficial de amanhã (10).

Após ouvir os Ministérios do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão e da Fazenda, Temer vetou 24 dispositivos do texto enviado pelo Congresso Nacional. Dentre os vetos está o aumento de 25% para 100% de desconto das multas e encargos sobre os débitos acumulados com o Funrural.

O presidente argumentou que este e outros vetos se deram porque trechos do projeto de lei (PL) estavam em desacordo com o ajuste fiscal proposto pelo governo. “Os dispositivos representam sobrelevação de custo fiscal imputado ao Tesouro Nacional, sem previsão na Lei Orçamentária para recepção do impacto, e indo de encontro ao esforço fiscal empreendido no país”, justificou Temer ao presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE).

Ainda durante a votação do PL no Senado, houve divergências acerca do texto, elaborado após perda de vigência de uma medida provisória com o mesmo tema. Segundo o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), o governo trabalhou contra a proposta de equilíbrio fiscal. Já a senadora Simone Tebet (PMDB-MS) defendeu o projeto e negou que se estivesse fazendo uma renúncia fiscal.

 

Fonte: Ascom Educação/Bahia Já/Agora Sudoeste/Agencia Brasil/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!