13/01/2018

Ranking dos gastos da cota parlamentar por representantes baianos

 

Se existe uma excrescência, esta pode ser considerada a benesse dada aos parlamentares brasileiros em relação ao uso (mal) do dinheiro público feito por diversos ralos criados por eles mesmos. Entre estas imoralidades uma tem se sobressaído. É a tal da cota parlamentar, onde o político gatam por conta de uma tal atividade parlamentar, como se não já fosse remunerado para exercer o mandato.  É como se você fosse um trabalhador e, para exercer sua atividade, além do salário ainda recebesse uma polpuda cota financeira.

E os políticos baianos não fizeram por menos, meteram a mão e foram fundo.

  •  Vejamos:

Deputados baianos gastam R$ 15 mi de cota parlamentar em 2017

Em 2017, os 39 deputados federais baianos em exercício gastaram mais de R$ 15 milhões da cota para o exercício da atividade parlamentar (Ceap), recurso pago mensalmente, destinado a custear gastos exclusivamente vinculados ao exercício dos cargos.

O valor foi divulgado pela Operação Política Supervisionada (Ops), uma ferramenta colaborativa online que fiscaliza os gastos de recursos públicos.

No ano passado, Bebeto (PSB) encabeçou o ranking dos que mais 'ostentaram', utilizando um total de R$ 467,6 mil da cota.

Mário Negromonte (PP) aparece em segundo lugar, utilizando o valor de R$ 466,3 mil, bem próximo ao terceiro posto, Benito Gama (PTB), que usou R$ 465,7 mil totais do recurso.

Já o quarto e o quinto lugar são de Afonso Florence (PT), que precisou de R$ 464,6 mil, e José Carlos Aleluia (DEM), que gastou R$ 460,1 mil da Ceap.

Em contramão aos R$ 2,3 milhões despendidos por esses cinco deputados, a lista dos cinco parlamentares que menos gastaram em 2017 conta com um total de R$ 1,5 milhões de recursos do Ceap.

Félix Mendonça Júnior (PDT), foi o deputado em exercício mais 'mão-fechada' da Câmara dos Deputados no ano passado, utilizando R$ 291 mil.

João Gualberto (PSDB) surge logo em seguida, gastando R$ 292,5 mil, junto com José Rocha (PR), que usou R$ 292,7 mil.

Já Jutahy Júnior (PSDB) precisou de R$ 315,8 mil em recursos, valor próximo ao quinto colocado da lista, Lucio Vieira Lima (PMDB) que utilizou R$ 318,6 mil da Ceap no ano passado.

Senadores baianos gastam R$ 763,1 mil de Cota Parlamentar; veja quem gastou menos

Os três senadores baianos em exercício, Roberto Muniz (PP), Lídice da Mata (PSB) e Otto Alencar (PSD) gastaram juntos R$ 763,1 mil da cota para exercício da atividade parlamentar no Senado (Ceaps) em 2017.

O recurso pode ser utilizado pelos senadores exclusivamente para atividades do cargo.

Utilizando recursos de R$ 276,7 mil, Roberto Muniz é o senador baiano que mais gastou em 2017 - o progressista é suplente de Walter Pinheiro (sem partido), licenciado para ser Secretário Estadual de Educação.

Os maiores gastos de Muniz incluem o aluguel de um imóvel para escritório político, o pagamento da agência de viagens FlyTour e a despesa com serviços de transportes.

Segunda no pódio, Lídice da Mata gastou um total de R$ 271,9 mil. Os maiores beneficiários dos recursos do Ceaps da senadora foram as empresas de linhas aéreas Gol e Tam, a empresa de turismo L M e o microposto do Rio Vermelho, com o abastecimento de veículos.

O 'mão de vaca' do time, Otto Alencar gastou R$ 214,5 mil e teve como maiores fornecedores a empresa LM Transportes interestaduais, a ESR Comércio de Combustíveis, as empresas de linhas aéreas Oceanair e Latam.

Para ver a lista completa e saber exatamente como esses gastos foram feitos, acesse o site https://ops.net.br.

Benito Gama aluga carro em empresa ligada a Cristiane Brasil, sua colega de partido

A empresa Barros & Serra Serviços Executivos, locadora de veículos contratada pela deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ), está no nome da tia da chefe de gabinete da parlamentar petebista. Essa empresa faturou R$ 863,1 mil ao apresentar notas fiscais a dez parlamentares desde fevereiro de 2015, início da atual legislatura. Entre os deputados que alugam carros com a companhia está o baiano Benito Gama, que integra o mesmo partido de Cristiane.

De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, a chefe de gabinete de Cristiane Brasil chegou a solicitar R$ 29,1 mil à Câmara dos Deputados para ressarcir despesas com o aluguel de um carro. A reportagem do jornal paulista constatou que a empresa declara funcionar no endereço em que, na prática, existe um escritório de contabilidade em Sobradinho, cidade-satélite de Brasília. No local, não há garagem, placa de identificação, balcão de atendimento, oficina ou algum outro sinal de locadora.

Segundo a publicação, o deputado petebista baiano já pediu o reembolso de R$ 133 mil. Foram 33 notas apresentadas no valor de R$ 3,8 mil cada. Além de Benito Gama, alugam com a empresa ligada à deputada os colegas parlamentares Luiz Carlos Ramos (Podemos-RJ), Fausto Pinato (PP-SP), Paulo Feijó (PR-RJ), Paulo Maluf (PP-SP), Danilo Forte (DEM-CE), Tadeu Alencar (PSB-PE) e Wadson Ribeiro (PCdoB-MG).

Procurado pelo jornal, Benito Gama afirmou que os serviços contratados foram efetivamente realizados.

Debandada de quadros do MDB é ‘especulação’, acredita presidente

Presidente estadual do MDB, o deputado Pedro Tavares não acredita no esvaziamento da legenda com a proximidade do pleito eleitoral de 2018. Recentemente, quadros da sigla deixaram a permanência no partido em aberto. A seção baiana do MDB, antes comandada por Geddel Vieira Lima, foi sacudida com a descoberta do bunker de R$ 51 milhões em um prédio na Graça.

“Isso aí é muita especulação. Não conversei com ninguém sobre isso. Tenho tido grandes conversas e estou estimulado a continuar o trabalho, fortalecendo o partido”, garantiu, ao Metro1.

O parlamentar se esquivou ainda sobre a perspectiva de votação de Lúcio Vieira Lima, deputado federal e irmão de Geddel, que foi o candidato mais votado em 2014 para a Câmara dos Deputados na Bahia.

“O deputado Lúcio tem feito o seu trabalho e temos outras candidaturas que podem ter grande potência, não só para federal, como estadual. O que importá é que o partido está organizado e pronto”, disse.

 

Fonte: BN/BNews/Metro 1/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!