03/02/2018

Bahia: Inema divulga balneabilidade das praias no fim de semana

 

A Rede Amostral de Monitoramento da balneabilidade no estado atualmente é composta por 133 pontos, distribuídos em toda a costa baiana. As amostras de água para analises da balneabilidade são coletadas sistematicamente semanalmente, no período da manhã em locais com maior concentração de banhista.

De acordo com a resolução Conama a praia é considerada imprópria quando mais de 20% das amostras coletadas em cinco semanas consecutivas, apresentar resultado superior a 1.000 coliformes fecais ou 800 Escherichia coli, ou quando, na última coleta, o resultado for superior a 2500 coliformes termotolerantes ou 2000 Escherichia coli ou 400 enterococos por 100 mL de água.

No período em que o tempo estiver chuvoso, as praias podem ser contaminadas por arraste de detritos diversos, carregados das ruas através das galerias pluviais, podendo causar doenças. Além disso, é desaconselhável, ainda em dias de sol, o banho próximo à saída de esgotos, desembocadura dos rios urbanos, córregos e canais de drenagem.

  • Confira os resultados emitidos em 02/02/2018

Salvador

Praias impróprias: Periperi (na saída de acesso à praia após travessia da via férrea), Penha (situada em frente à barraca do Valença), Bogari (em frente ao Colégio da PM – antigo Colégio João Florêncio Gomes), Canta Galo (atrás das antigas instalações da FIB, Rua Agrário Menezes), Armação (em frente ao Hotel Alah Mar e a Rua João Mendes da Costa), Boca do Rio (em frente ao posto Salva Vidas), Patamares (em frente ao posto Salva Vidas Patamares, próximo ao Coliseu do Forró e ao Caranguejo de Sergipe).

Baía de Todos os Santos

Praias impróprias: Madre de Deus (em frente a igreja) e Cabuçu (em frente às barracas).

Costa dos Coqueiros

Praias impróprias: Não há irregularidades nas praias.

Costa do Dendê

Praias impróprias: Não há irregularidades nas praias.

Costa do Cacau

Praias impróprias: Marciano (próximo ao Bar Litrão), Malhado (próximo à escultura da sereia), Sul (em frente as barracas, acesso Km 0, em direção ao Aeroporto de Ilhéus) e Opaba (próximo à barraca Brilho do Luau).

Costa do Descobrimento

Praias impróprias: Não há irregularidades nas praias.

Costa das Baleias

Praias impróprias: Não há irregularidades nas praias.

Primeiro final de semana de Fevereiro com chuvas em todo o Estado

O mês de fevereiro inicia com previsão de chuvas, provenientes da atuação de uma Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS), que é a principal responsável por deixar o céu encoberto e chuvoso em, praticamente, toda a Bahia.

Tal condição é mais evidente nas regiões Oeste, São Francisco, Norte, Chapada Diamantina, Sudoeste e Sul, onde essas chuvas deverão ocorrer com maior intensidade, podendo também vir acompanhadas de trovoadas. Já no Recôncavo e Nordeste baiano, também há previsão de chuvas, porém de fraca intensidade e em áreas isoladas.

Mesmo com essa previsão de chuvas em todo o Estado, as temperaturas continuarão elevadas, com máximas oscilando entre 33°C e 37°C na faixa centro-norte e oeste. Para a faixa leste, as máximas deverão atingir os 36°C.

Para a cidade de Salvador e região metropolitana, onde as temperaturas deverão oscilar entre mínima de 23°C e máxima de 34°C, a previsão é de céu parcialmente nublado com chuvas fracas e isoladas.

Maré

Entre os dias 02/02 (sexta-feira) e 04/02/18 (domingo), a maré deverá atingir sua altura máxima no período entre às 05h00min e às 07h00min e entre às 17h00min e às 19h00min, com valores variando de 1,9 a 3,0 metros. Já as alturas mínimas deverão ser registradas no período entre às 11h00min e às 13h00min e entre as 23h00min e às 01h00min (dia seguinte), com valores variando de 0,1 a 0,9 metro.

Índice de Radiação Ultravioleta (IUV)

Uma das características do verão é o aumento na incidência de radiação solar e, consequentemente, na elevação dos Índices de Radiação Ultravioleta (IUVs) no estado da Bahia. Esta condição pode ser observada no período entre os dias 02/02 (sexta-feira) e 04/02/18 (domingo), quando os IUVs deverão variar de 12 a 14. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), estes Índices estão classificados na categoria “Extrema”, o que requer cuidados quanto à exposição prolongada à radiação solar, a exemplo do uso de protetor/filtro solar, chapéus, bonés, óculos escuros e roupas leves, principalmente nos horários entre as 10 e as 16 horas. Esses cuidados são essenciais, pois poderão minimizar danos à saúde, já que nesse intervalo de tempo os efeitos nocivos dos raios solares são maiores.

Empresa baiana ganha cenário nacional ao fornecer internet para Campus Party

Uma empresa baiana tem conquistado os holofotes para si ao oferecer internet segura e de altíssima velocidade no maior evento de tecnologia e cultura nerd da América Latina. Trata-se da Use Telecom, empresa sediada na Bahia, que foi contratada por cinco anos pelo Instituto Campus Party para fornecer o serviço de internet em todas as edições espalhadas pelo Brasil, inclusive a nacional que acontece em São Paulo até o dia 4 de fevereiro.

A Use Telecom iniciou sua consolidação no mercado durante a Copa do Mundo no Brasil, quando atendeu às demandas das seleções Alemã e Suíça. Para André Costa, CEO da Use Telecom, o evento é uma ótima oportunidade de associação da empresa com inovação e superação. “Estamos aqui para consolidar a nossa marca e a partir daí, em março, faremos o lançamento do nosso produto de banda larga para pequenas e médias empresas”, conta.

Para o secretário estadual da Ciência, Tecnologia e Inovação, Vivaldo Mendonça, que acompanha de perto a realização da 11ª edição nacional da Campus Party, é importante perceber o quanto a tecnologia e a capacidade de gestão da Bahia conquistam outros espaços no país. “A Use demonstrou alta capacidade na Campus Bahia e ela já atuou e forneceu seu serviço nas Campus de Pato Branco e Belo Horizonte, conquistando o espaço de assumir a Campus nacional”, detalha.

Os 40 Gb de internet, colocados à disposição, na 11ª Campus Party, equivalem ao abastecimento de toda uma cidade de médio porte. O secretário da Secti acredita que o espaço conquistado pela empresa baiana na agenda nacional, em um ambiente de alta análise crítica e com alta demanda tecnológica, “nos honra e credencia a Use Telecom a assumir qualquer desafio, em qualquer situação, no contexto da telecomunicação e da tecnologia de conexão de pessoas, dados e informações”.

SEMA e INEMA realizam reunião com representantes de comunidades quilombolas

A Secretaria Estadual do Meio Ambiente (SEMA) em conjunto com o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (INEMA) realizaram na manhã desta terça-feira (30) uma reunião com representantes de comunidades quilombolas, visando elucidar questões referentes à elaboração da minuta do edital de chamada pública para povos e comunidades tradicionais para cadastramento no Cadastro Estadual Florestal de Imóveis Rurais (CEFIR).

A reunião, que contou com a presença do Secretário do Meio Ambiente, Geraldo Reis, teve como objetivo discutir o formato para a realização chamada pública, sendo colocados em pauta os pontos criados para realização desse cadastramento e abrindo espaço para que os representantes das comunidades quilombolas pudessem opinar e acrescentar pontos que acharam necessários para que o processo seja feito de forma correta e vantajosa para todas as partes.

Esse foi um dos vários encontros pretendidos pela SEMA e INEMA, com a participação da SEPROMI e SDR, com representantes de comunidades tradicionais, que, na Bahia, além dos quilombolas, envolve mais nove segmentos.

Agricultores de Jequié recebem certificados do Cadastro Ambiental Rural

Por meio da Secretaria do Meio Ambiente (Sema) e o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), o Governo do Estado entregou 887 certificados do Cadastro Ambiental Rural (CAR), na manhã desta segunda-feira, no município de Jequié. A cerimônia foi realizada no novo posto do SAC, inaugurado hoje, e contou com a presença do governador Rui Costa e outras autoridades estaduais e municipais.

Com a regularização ambiental das suas terras, os pequenos proprietários rurais como Pedro Braga Silva e Eliene de Jesus Santos (foto), que receberam os seus certificados, de forma simbólica, pelas mãos do governador Rui Costa, estarão aptos a solicitar concessão de crédito agrícola a instituições financeiras. Além disso, o cadastro beneficia a gestão ambiental no estado, dando ao governo um controle maior sobre as reservas legais e áreas de preservação das propriedades rurais

Ainda no município de Jequié, Rui Costa inaugurou o módulo do Departamento de Polícia Técnica (DPT), o Escritório Regional do Programa Primeiro Emprego, e assinou ordens de serviço para implantação do sistema de saneamento básico do povoado de Queimadas e para a construção da nova sede do Colégio da Polícia Militar.

Cadastro Ambiental Rural

No âmbito do Estado da Bahia, o governo vem ampliando o CAR, por meio do Cadastro Estadual Florestal de Imóveis Rurais (Cefir), incluindo mais informações para auxiliar a fiscalização e regularização ambiental em território baiano. A complementação do cadastro ambiental realizado pelo Cefir é realizado pela Sema e o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), em parceria com prefeituras e sindicatos.

O CAR é uma ferramenta pilar da política de regularização ambiental no Brasil, e foi instituído como registro público eletrônico de âmbito nacional, obrigatório para todos os imóveis rurais, a fim de integrar as informações ambientais das propriedades e posses rurais, com o objetivo de compor uma base de dados para controle, monitoramento, planejamento ambiental e econômico e combate ao desmatamento.

 

Fonte: Ascom Inema/Ascom Secti/Ascom Sema/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!