03/02/2018

Feira: Vestibular da Uefs começa no próximo domingo

 

Nos dias 4 e 5 de fevereiro (domingo e segunda-feira) serão aplicadas as provas do Vestibular 2018.1 da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs). Desta vez, 8.151 candidatos vão disputar as 921 vagas que estão sendo oferecidas entre as 25 opções de graduação da Universidade. Os cursos mais concorridos são: Direito (37,22), Odontologia (36,23) e Psicologia (23,36).

As avaliações serão aplicadas em seis locais da cidade: campus da Uefs, Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC), Colégio Luis Eduardo Magalhães (Modelo), Colégio Polivalente, Colégio João Durval Carneiro, e Colégio Agostinho Fróes da Mota. Os cartões de convocação, com o local de prova dos candidatos, já estão disponíveis no Site da Vunesp.

De acordo com o Edital do Prosel 2018.1, terão suas provas anuladas os candidatos que portarem ou usarem, no local de aplicação das avaliações, calculadora, agenda eletrônica, relógio, telefone celular, baterias, fone de ouvido, ou equipamentos similares, dentre outros motivos.

As provas serão aplicadas em horário local. Os portões de acesso aos locais de prova serão abertos às 7h15 e fechados às 7h50, ou seja, 10 minutos antes do horário previsto para o início das avaliações (8h). Após o fechamento dos portões, será vedado o acesso de candidatos, não se levando em conta o motivo do atraso.

A Coordenação do Vestibular informa que, durante o período de provas, estará proibida a entrada de veículos de candidatos e acompanhantes no campus da Uefs. Os candidatos deverão comparecer ao local de prova munidos de documento de identidade original com foto, lápis preto, caneta esferográfica preta ou azul de corpo transparente e borracha macia.

Prefeito em exercício de Feira é recebido por Temer e faz várias reivindicações ao presidente

É boa a expectativa, para o prefeito em exercício Colbert Martins Filho, em relação a resultados concretos de sua audiência com o presidente da República, Michel Temer, realizada nesta quinta-feira, 1, no Palácio do Planalto. Amigo pessoal do presidente desde os tempos em que os dois foram colegas deputados federais, Colbert diz que tratou com ele sobre vários assuntos de interesse da população de Feira de Santana.

Um dos temas da audiência foi a duplicação do trecho do Anel de Contorno entre o Clube de Campo Cajueiro e a Cidade Nova. O prefeito em exercício pediu ao presidente que determine ao DNIT dar uma atenção especial a esta reivindicação dos feirenses.

A duplicação de trechos das rodovias BR 101 e 116 norte, fortemente vinculadas a Feira de Santana, foi mais um assunto em pauta na audiência de Colbert com Temer. “Sabemos que são obras em andamento, mas nesse contato reforçamos junto ao presidente a necessidade de acelerar os trabalhos”.

São ações federais que já vem sendo tratadas, há algum tempo, pelo Governo Municipal. O prefeito José Ronaldo esteve em Brasília algumas vezes, no ano passado, inclusive ao lado do próprio Colbert, visitando ministros e o presidente, para reivindicar esses investimentos.

Temer se mostrou sensível a projeto de recuperação de lagoas

Mais um assunto da pauta desta viagem de Colbert Filho a Brasília é o projeto de delimitação e urbanização, em execução, pela Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente. “Este é mais um tema posto na prioridade do Governo. Estamos investindo neste trabalho, mas sabemos que para dar mais alguns passos adiante será necessário contar com o apoio federal”, afirma o prefeito em exercício.

Atualmente, sete lagoas estão sendo alvo de melhorias. De início, a proposta é delimitar seu espaço, para evitar a ocupação indevida. Para tal, estão sendo implantadas pista de cooper e ciclovias, nos arredores desses mananciais. O presidente Temer prometeu tratar do assunto com o ministro do Meio Ambiente.

Uma obra de esgotamento sanitário no distrito Bonfim de Feira também esteve na agenda de Colbert Filho, para apresentação ao presidente da República. “Deixamos Brasília muito otimistas de que teremos respostas em breve para estas demandas”, afirma.

Esforço para retomar projeto social Segundo Tempo, no município

Retomar a execução do projeto Segundo Tempo em Feira de Santana. Este é mais um objetivo da administração municipal, levado ao presidente da República, Michel Temer, durante audiência, pelo prefeito em exercício Colbert Martins Filho. Participou da conversa o secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Edson Borges, que também esteve em Brasília. Ambos acreditam que, muito em breve, se terá boas novidades para os feirenses, sobre o tema.

Feira de Santana já foi um dos principais celeiros nacionais do Segundo Tempo. Mas há alguns anos o projeto não mais contempla o município. “Nossa meta é trazer de volta aqueles vários programas sociais através do esporte, importantíssimos, em especial para as crianças e adolescentes, uma vez que participam de atividades educativas e de formação que ajudam, e muito, a encaminha-los para o bem”, diz o secretário.

Casa do Trabalhador de Feira abre inscrições para cursos técnicos à distância

A Casa do Trabalhador, dando início à sua programação anual, abrirá inscrições, a partir do dia 19, para os cursos à distância oferecidos pelo  Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), com vistas a ampliar a oferta de cursos e qualificação profissional, bem como fomentar as políticas de inclusão social e produtiva.

A iniciativa é do Ministério da Educação (MEC) em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), e se estende até 16 de março. Serão oferecidas vagas em cursos de Formação Inicial Continuada (FIC), através de Ensino à Distância (EAD) por instituições privadas de ensino.

O público-alvo são famílias consideradas de baixa renda, mais especificamente as inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal e beneficiárias do Programa Bolsa Família.

De acordo com o secretário do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico (SETDEC), Antônio Carlos Borges Júnior, “os esforços estão concentrados em incluir os candidatos com este perfil nas vagas ofertadas”.

Como Fazer

Para visualizar os cursos ofertados, o candidato não deve selecionar os campos “município” e “UF” no Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica (Sistec). O interlocutor realizará apenas a pré-matrícula. A validação e confirmação da matrícula deverão ser feitas pelo próprio aluno.

Após a pré-matrícula, o Sistec emitirá uma “Carta de Encaminhamento” com o endereço eletrônico para acesso à plataforma EAD por meio da internet, além de outras informações como número de protocolo e prazos. A matrícula será validada no endereço eletrônico fornecido na Cartam no período de 26 de março a 14 de abril. As aulas terão início a partir de 26 de março.

O interessado poderá fazer sua inscrição por meio do Portal Progredir, no endereço www.mds.gov.br/progredir. Ao concluir o cadastro, será possível fazer a pré-matrícula no curso escolhido, clicando na ferramenta Qualificação.

Banco de Leite do Hospital da Mulher necessita de doações

Atualmente com apenas 60 litros por mês, o Banco de Leite Humano (BLH) do Hospital Inácia Pinto dos Santos, o Hospital da Mulher, está precisando aumentar o estoque para suprir às necessidades de consumo das crianças internadas. A pouca demanda é decorrente do período festivo, fazendo com que o reabastecimento caia em torno de 40%, já que a quantidade ideal é de 100 litros por mês.

Os 11 bebês que estão internados na UTI, UCI (berçário) e no Método Canguru do Hospital contam somente com 2 litros por dia, uma quantidade abaixo do esperado (acima de 4 litros).

Para doar basta procurar o Banco de Leite das 7 às 19hs, de segunda a sexta-feira, e aos sábados, das 7 às 13hs. Ainda, as pessoas interessadas podem obter mais informação através do telefone (75) 3602-7156.

Coleta em dezembro foi menos da metade do leite distribuído

De acordo com a enfermeira da assistência do BLH/HIPS, Patrícia Silva [foto], no mês de dezembro foram distribuídos 93 litros de leite para os recém-nascidos prematuros e coletados apenas 40 litros.

“Esse baixo estoque é característico da época como o Natal, Réveillon e Carnaval, período em que as doadoras estão viajando. A doação é um ato voluntário. É importante lembrar que a mãe doe o excedente”.

O abastecimento do estoque é realizado por mulheres que vão até o banco de leite do hospital ou optam pelo serviço de rota (coleta domiciliar). Para a doação através do serviço de rota, feito em parceira com a equipe do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia, a voluntária é orientada como realizar a ordenha, o armazenamento e, em seguida, o leite ser coletado.

Unidade é referência na região, observa Gilberte Lucas

A presidente da Fundação Hospitalar de Feira de Santana, Gilberte Lucas [foto], destaca a importância do serviço para a assistência das mães e bebês da região e a necessidade de reposição do estoque do BLH.

“É uma unidade de referência do aleitamento materno reconhecido pelo órgão ministerial. Então temos todos os critérios que são exigidos pelo Ministério da Saúde. Desse reconhecimento é que foi feita a ampliação e reforma do BLH com todos os equipamentos necessários para dar essa qualidade na assistência”.

Gestantes de outras cidades representam 37 por cento do atendimento no Hospital da Mulher

O Hospital Inácia Pinto dos Santos - Hospital da Mulher - maior maternidade pública do interior da Bahia, vinculada a Prefeitura de Feira de Santana, comemora 26 anos de existência prestando um serviço não apenas a este município, mas a dezenas de outros da macro-região. De acordo com Gilberte Lucas, diretora-presidente da Fundação Hospitalar de Feira de Santana, mantenedora da unidade, nada menos que aproximadamente 37% das gestantes ali assistidas são oriundas de outros municípios do estado.

“Não serve só a Feira de Santana, serve a muitas mães e crianças de vários municípios aqui em volta. É um hospital de grande qualidade, tem se aperfeiçoado, tem evidenciado cada vez mais perspectivas de cuidar bem tanto das mães quanto das crianças”, disse o prefeito em exercício Colbert Martins Filho, presente a evento comemorativo realizado na quarta-feira (31), data de fundação do equipamento.

As estatísticas revelam que mulheres que acorrem ao hospital vem de cidades como Santo Estevão, Serrinha, São Gonçalo dos Campos, Conceição da Feira, Santa Bárbara, entre outras. “Por isso cresceu e continua crescendo muito. É um dos melhores hospitais do país”, observa Colbert. Ele lembrou, durante discurso, da inauguração da unidade, durante a gestão de seu pai, o então prefeito Colbert Martins.

Na quarta-feira (31), data comemorativa de sua fundação, o Hospital da Mulher viveu um dia especial, com várias atividades. Além do prefeito em exercício, estiveram presentes, entre outras autoridades, a secretária municipal de Saúde, Denise Mascarenhas, o secretário de Meio Ambiente, Sérgio Barradas Carneiro, o diretor do Centro Municipal de Diagnóstico por Imagem (CMDI), Raimundo Melo, os vereadores João Bililiu, Marcos Lima, Ewerton Carneiro (Tom) e Ron do Povo.

Presidente elogia trabalho dos funcionários

“Fico feliz quando vejo crianças que nasceram aqui, há 26 anos, hoje atuando como enfermeiras, trabalhando pela instituição. Cada vez mais temos que lutar pelo sucesso, pelo trabalho que vocês [funcionários] fazem em contrapartida e reconhecimento do trabalho humanizado”, pontuou a presidente da Fundação Hospitalar de Feira de Santana (FHFS), Gilberte Lucas.

Obras em curso no laboratório, enfermaria e ambulatório

Várias obras estão em andamento no Hospital da Mulher. São investimentos que vão tornar a unidade ainda mais estruturada. Estão em curso trabalhos de reforma do laboratório, que aumentará a capacidade de atendimento, a reforma da enfermaria D e a ampliação do ambulatório.

 

Fonte: Ascom UEFS/Sexom PMFS/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!