13/04/2018

Porto de Galinhas: o que você não pode deixar de fazer?

 

Porto de Galinhas, em Pernambuco, é o destino dos sonhos de muitos brasileiros que buscam relaxar e recarregar as energias em meio às piscinas naturais e ao cenário paradisíaco da região. Essa praia faz parte do município Ipojuca e oferece 12km de um litoral singular, com o melhor que o Brasil pode proporcionar.

Neste post, reunimos algumas informações para ajudá-lo a se programar e aproveitar ao máximo uma viagem para esse ponto turístico encantador. Confira a seguir!

Como chegar em Porto de Galinhas?

Essa praia fica a cerca de 45km do Aeroporto Internacional de Recife. De carro, o trajeto pode ser feito em pouco mais de 40 minutos pela via BR-101.

Alguns hotéis e pousadas da região oferecem transfer gratuito de Recife até Porto de Galinhas. Verifique se o estabelecimento que você escolheu disponibiliza esse serviço.

Uma terceira opção é pegar um ônibus que sai do aeroporto ou da rodoviária de Recife e chega até a praia. Não há terminal rodoviário na região e, por isso, você deve conversar com o motorista para descobrir qual ponto é o mais próximo do lugar onde vai ficar.

Onde se hospedar em Porto de Galinhas?

Depois de ser eleita a melhor praia do Brasil por 10 anos consecutivos, Porto de Galinhas se tornou uma verdadeira estância turística. Além disso, o local está preparado para receber visitantes brasileiros ou estrangeiros com conforto e comodidade.

É possível encontrar resorts e hotéis com preços e estilos para públicos variados em qualquer ponto da cidade. Alguns são all-inclusive, ou seja, incluem bebidas e refeições no pacote de diárias e, no quesito de luxo e conforto, não ficam atrás dos grandes estabelecimentos do Caribe.

Se você prefere simplicidade, mas não abre mão de conforto, a região oferece pousadas familiares aconchegantes, que vão complementar sua experiência durante a viagem.

O que não deixar de fazer em uma viagem para Porto de Galinhas?

Famosa por suas praias incríveis, essa região oferece passeios e vistas singulares para todo tipo de turista. Descubra a seguir alguns dos melhores lugares para conhecer por lá.

Piscinas Naturais

Para garantir que você vai conseguir ver esses pontos turísticos durante sua estadia, é preciso ficar de olho na Tábua de Marés.

As piscinas naturais se formam nas marés baixas, que acontecem durante 2 semanas por mês. Por isso, prefira fazer sua viagem para Porto de Galinhas em períodos de Lua Cheia e de Lua Nova.

Se optar por explorá-las a pé e nadando, é preciso seguir algumas regras. Por exemplo, utilizar um calçado adequado (já que existem muitos ouriços-do-mar na região) e respeitar os limites demarcados para evitar um impacto ambiental. É interessante levar snorkel para ver melhor os recifes e os peixes coloridos que moram nesses locais.

Outra alternativa para quem quer explorar as piscinas naturais, sem andar por elas, é fazer um passeio de barco. Os jangadeiros sabem os melhores pontos para ver essas belezas e fazem breves paradas durante o caminho, para que você consiga tirar fotos lindas.

Uma delas tem o formato do mapa do Brasil, e é imperdível para qualquer pessoa que visita Porto de Galinhas.

  • Praias

Praia de Muro Alto

Esse é um dos lugares mais afastados do centro de Porto de Galinhas e, por isso, costuma ser menos cheio e disputado.

A Praia de Muro Alto tem esse nome por causa da peculiar formação de recifes e corais, que criam um paredão no mar e bloqueiam o movimento da água, dando origem a uma enorme piscina natural.

O seu mar calmo e tranquilo é ideal para quem tem filhos pequenos, que ainda não sabem nadar, e para pessoas que gostam de praticar stand-up paddle.

Maracaípe

Maracaípe — ou “Maraca”, para os íntimos — é o paraíso dos surfistas que visitam Porto de Galinhas. Durante o ano, essa praia é a sede de muitos eventos nacionais e internacionais de surfe. O mar agitado e de água morna, especialmente entre março e julho, convida o público a se aventurar pelas ondas.

Se você ainda não sabe surfar, mas gostaria de aprender, algumas escolas que ficam nessa região oferecem pacotes de aulas para inciantes e turistas.

Pontal de Maracaípe

Se você está em Maracaípe, é uma excelente ideia caminhar em direção ao sul, até o pontal. Isso vai tornar sua viagem inesquecível!

Nesse local, o mar se encontra com as águas do Rio Maracaípe. É delicioso nadar ali e ver a beleza natural e singular da convergência da água doce com a salgada. Essa região é famosa por ser berçário natural de cavalos-marinhos.

Praia do Cupe

Se você é aquela pessoa que adora nadar com snorkel e observar peixes e animais aquáticos, não deixe de visitar a Praia do Cupe durante a sua estadia em Porto de Galinhas.

As águas calmas e límpidas permitem ver o fundo do mar e a fauna marinha com muita facilidade.

  • Passeios

Vá de buggy

Uma boa forma de aproveitar sua viagem para Porto de Galinhas é explorar as praias da região em um passeio de buggy.

Diferentemente do que ocorre em outras cidades litorâneas, lá esse pequeno veículo não corre por dunas ou pela areia. No entanto, é um meio de transporte divertido, que vai permitir que você explore esse paraíso de ponta a ponta.

Combine com o motorista quais praias gostaria de conhecer e ele te levará até elas. É legal optar por visitar costas que estejam mais distantes do centro, assim você pode curtir à vontade, sem precisar se preocupar com estacionamento.

  • Relaxe no Centro

Depois de se aventurar por novas praias, nadar nas piscinas naturais e andar de buggy, nada melhor do que sentar para tomar uma cerveja gelada e ouvir música ao vivo, não é mesmo?

O centro de Porto de Galinhas tem ares de interior, mas oferece bares e restaurantes que vão animar o turista que deseja relaxar e se acomodar em uma mesa para ver outras pessoas.

É uma delícia passear por essa região durante a tarde e no fim do dia, sentindo no rosto a brisa que sopra do mar.

  • Ande de jangada

Passear de jangada é uma boa pedida! Seja para observar as piscinas naturais que estão mais ao fundo ou para vê-las por uma nova perspectiva. Também é uma ótima opção para quem deseja explorar o manguezal de uma forma que não cause impacto ambiental.

Aproveite esse diferencial de Porto de Galinhas e tente passear de barco pelo menos uma vez durante a sua viagem! Você não vai se arrepender e ainda vai conseguir ver a vila e a cidade do ponto de vista de um morador local.

  • Visite os manguezais

É no ponto de encontro entre o Rio Maracaí e o mar que se formam os incríveis manguezais que têm quase 60km de extensão.

Por ali, dá para ver cavalos-marinhos e outros animais, como ostras, caranguejos e siris, que são típicos desse ecossistema.

É proibido entrar no mangue com embarcações a motor, por isso, utilize caiaque ou alugue uma jangada para fazer seu passeio. Os jangadeiros conhecem bem a região e sabem os pontos onde é possível encontrar animais lindos e tirar fotos fantásticas. Então, aproveite o percurso e registre toda a beleza do lugar!

  • Conheça o Projeto Hippocampus

O Projeto Hippocampus é um laboratório e centro de visitantes que busca a preservação dos cavalos-marinhos. O objetivo é conseguir isso por meio da disseminação de informações sobre a vida marinha.

A sede local fica na região central de Porto de Galinhas e é possível aprender bastante sobre esse animal por lá.

O aquário do centro de exibição mostra algumas espécies bem diferentes e fascinantes de cavalos-marinhos. É um passeio imperdível para quem vai visitar a região com crianças.

  • Restaurantes

Porto de Galinhas é um destino que oferece o melhor da culinária pernambucana, além de muitas outras opções para os turistas. Com o objetivo de ajudá-lo a escolher bons restaurantes, reunimos algumas sugestões interessantes.

Beijupirá

O restaurante Beijupirá foi fundado em 1991 e conta com pratos nordestinos que combinam frutos do mar e ervas da região.

No cardápio, os pratos que começam com “Beiju” são criações originais dos chefs e cozinheiros do estabelecimento e são singulares: só podem ser encontrados em Porto de Galinhas.

Peixe na Telha

Esse restaurante é famoso por servir o prato que dá nome a ele. Aproveite para se deliciar com os peixes e frutos do mar servidos ali!

O Peixe na Telha tem mesas ao ar livre em um terraço que permite que você coma enquanto observa uma vista inesquecível do mar e da praia. Uma boa pedida é visitar o restaurante perto do horário do pôr do sol, assim você vai poder contemplar o fim do dia de camarote.

O lugar oferece serviço de praia com consumação mínima, para quem quer apreciar uma ótima refeição enquanto fica com os pés na areia.

Barcaxeira

O Barcaxeira é uma excelente opção para quem quer tomar alguns drinks e relaxar depois de um dia cheio de aventuras e atividades.

Se for visitar o estabelecimento, não deixe de experimentar a macaxeira gratinada deles, é imperdível!

  • O que visitar perto de Porto de Galinhas?

Já explorou toda a região e agora quer saber quais outras belezas existem por lá? O litoral pernambucano oferece paisagens tão fascinantes que você vai querer voltar mais vezes só para poder explorar tudo.

Praia dos Carneiros

Fica a cerca de 50km de Porto de Galinhas e, embora a distância possa assustar, o visual e os elementos incríveis da região fazem valer a pena. Em 2014, ela ficou em 12° lugar no ranking do TripAdvisor, que lista as 25 melhores praias do mundo.

A Praia dos Carneiros ainda não foi completamente descobertas pelos turistas. Por esse motivo, ela costuma ser mais vazia do que outras que ficam na mesma área.

Para quem quer um gostinho de aventura durante a viagem, uma opção é alugar um barco ou catamarã e fazer o trajeto pela água, o que deixa a visita ainda mais espetacular. Os barqueiros que estão habituados a fazer esse percurso param em bancos de areia, em algumas piscinas naturais deliciosas (que poucos conhecem) e ainda te mostram lugares legais para tomar um banho de lama e ficar com a pele lisinha.

O mar azul-esverdeado, a areia branca e macia e os coqueiros típicos de litoral vão deixá-lo impressionado e absolutamente encantado com a beleza intocada do local.

Outro ponto fascinante da Praia dos Carneiros é a Capela de São Benedito, erguida no final do século XVIII sobre as areias e bem de frente para o mar.

Ilha de Santo Aleixo

Pouco conhecida e completamente fora do eixo turístico de Porto de Galinhas, a Ilha de Santo Aleixo é um pequeno paraíso isolado, ideal para quem quer fazer uma viagem com um toque exótico único.

Para chegar até lá, é preciso dirigir 40 minutos até a cidade de Barra do Sirinhaém, ao sul da praia. Nesse ponto, você pode contratar um barqueiro e fazer um trajeto de cerca de 15 minutos, que permite um tour exclusivo pelo local.

Essa é uma ilha vulcânica que se estende por 36 hectares. Não há nenhum hotel ou resort nas proximidades e boa parte dos turistas ainda não a conhece. Por isso, a região fica vazia na maioria das vezes. Ainda assim, é possível encontrar algumas barraquinhas de comida, e a ilha tem uma boa infraestrutura para receber visitantes.

Chegando lá, você pode mergulhar nas águas cristalinas, descansar na areia branca e fazer pequenas trilhas pelas pedras vulcânicas e vegetação nativa local.

Quem sabe mergulhar com equipamento e tem as certificações de mergulho pode se aventurar em alguns navios naufragados que estão localizados próximos à Ilha de Santo Aleixo. Para chegar até lá, basta conversar com as agências de turismo que ficam em Barra do Sirinhaém.

Gostou de conhecer as belezas e particularidades dessa praia pernambucana maravilhosa? Já está marcando a próxima viagem para Porto de Galinhas? Então compartilhe este post com seus amigos nas redes sociais! Eles também merecem descobrir mais sobre esse recanto natural. Quem sabe um deles fique animado para que vocês façam uma viagem em grupo?

 

Fonte: VoeAzul/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!