17/04/2018

Lauro: 4ª Mostra de Filmes Educa 7 Minutos é lançada

 

A Prefeitura de Lauro de Freitas lançou a 4ª Mostra de Filmes Educa 7 Minutos, que levará aos expectadores histórias fictícias e reais, além de documentários inéditos, contados por estudantes da rede municipal e representantes de instituições de ensino e de territórios de cultura e esporte. Os filmes inscritos serão avaliados seguindo os critérios da qualidade técnica e da experimentação da linguagem audiovisual, com premiação dividida em categorias. O projeto, lançado nesta semana, no Cine Teatro, é desenvolvido pela Secretaria Municipal de Educação (SEMED), em parceria com a Secretaria de Educação da Bahia.

O secretário municipal da Educação, Paulo Gabriel Nacif, explicou que a iniciativa visa estimular, fomentar e divulgar produções cinematográficas de curta duração (no máximo sete minutos), para promover a integração entre os estudantes. “Poderão participar grupos de jovens formados de cinco a dez integrantes, a partir de 12 anos, residentes em Lauro de Freitas, matriculados na rede municipal ou estadual de ensino em qualquer segmento”, informou.

Durante o lançamento da mostra, a Companhia de Teatro de Lauro de Freitas apresentou a peça “Edu e Cação”, na qual dois alunos narram o cotidiano de uma escola onde os estudantes e funcionários tentam conter a depredação do patrimônio. O texto e a direção da montagem têm a assinatura de Tobé Veloso. Os alunos da Escola Barro Duro também fizeram uma apresentação artística para a plateia formada por mais de cem alunos de diferentes escolas de Lauro de Freitas, que também assistiram às palestras que explicaram a dinâmica do Educa7.

Categorias

O projeto Educa 7 está subdividido em cinco categorias: A (Cine Escola); B (Território de Cultura e Esportes); C (Institucional); D (Intermunicipal) e E (Mostrinha Educa Kids, este voltado para o público infanto-juvenil). “Nessa categoria não haverá competição, apenas a exibição dos curtas”, explicou a diretora do Núcleo de Educomunicação da SEMED, a Gabriella Santana.

As inscrições são gratuitas e seguem os critérios de escolha dos participantes nas categorias. Os interessados nas categorias A e B seguirão etapas até a finalização do processo que concluirá o cadastramento das equipes. A primeira fase para esse grupo de inscritos consta no envio da lista dos nomes de cada componente. Em seguida, os estudantes devem participar das oficinas. O idealizador do projeto, Alexandre Sena, alerta que somente as equipes que tiverem concluído os roteiros serão homologadas através do endereço eletrônico https://docs.google.com/forms/d/1TGkYrta9WFJA9Mwsyw2Bqa1jquzuA.

Para os estudantes que pretendem se inscrever nas categorias C, D e E, os registros podem ser feitos até dia 13 de novembro de 2018, através do preenchimento e envio de formulários disponíveis somente pela internet, clicando aqui. “Este ano, ampliamos a oferta de oficinas. A primeira será de roteiro, porque notamos, na edição passada, que a maior dificuldade dos estudantes era a criação da proposta de roteiro para o cinema”, disse Sena.

A finalização e exibição dos filmes estão programadas para acontecer nos dias 26, 27 e 28 de novembro, no Cine Teatro de Lauro de Freitas, com a premiação dos curtas nas categorias A e B, avaliados em melhor filme ficcional, melhor filme documentário, melhor atuação, melhor edição, melhor fotografia, melhor trilha sonora. Na categoria C e D, o vencedor será o melhor filme e na categoria E não haverá premiação.

Prefeitura de Camaçari é acusada de desocupação ilegal em área particular

A prefeitura de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador, está sendo acusada de ter realizado uma desocupação ilegal no Loteamento Chácara do Rio de Jauá. Ao BNews, uma moradora explicou que a gestão municipal alegou que a área ocupada era pública, mas, na verdade, se tratava de uma propriedade particular.

Um documento enviado à Polícia Militar pedindo acompanhamento na diligência realizada pela Secretaria do Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Sedur), no dia 5 de abril, seria para "retirada de ocupações irregulares de área pública". O documento foi assinado por Juliana Paes, então secretária da pasta.

Mas, ainda segundo a denunciante, dias após a desocupação, uma placa foi colocada no terreno com os dizeres: não entre, propriedade particular.

Com presença de ACM Neto, Zé Ronaldo lança pré-campanha em Camaçari dia 27

prefeito de Camaçari, Antônio Elinado (DEM) organiza um evento marcado para o dia 27 de abril, na cidade, com a presença do prefeito de Salvador ACM Neto e o pré-candidato ao governo do Estado, ex-prefeito de Feira de Santana, Zé Ronaldo (DEM).

 O ato político servirá para lançar o candidato do grupo, Zé Ronaldo ao governo do Estado. O evento será às 18h, no Espaço Bahamas e contará ainda com o deputado Paulo Azi, vice-prefeito José Tude, além dos vereadores e lideranças da base governista.

Na última sexta-feira (13), durante “Bate Papo com Lideranças”, na cidade, Elinaldo informou que será coordenador na Região Metropolitana da campanha de Zé Ronaldo. “Política para mim é grupo. Neto, Zé Ronaldo, Elinaldo e Tude é um palanque só”, ressaltou.

Inscrições abertas para a 4ª Rodada de Negócios VIVADANÇA

Desde a sua criação e concepção pela diretora, curadora e coreógrafa Cristina Castro, o VIVADANÇA Festival Internacional sempre teve a formação, o intercâmbio e o mercado para os artistas da Dança como parte estruturante de sua programação, promovendo um espaço de negócios com a participação de curadores, diretores e programadores de festivais e plataformas nacionais e internacionais, em que criadores e produtores têm a oportunidade de fazer contatos e apresentar seus projetos em Dança.

Nessa quarta edição da Rodada de Negócios VIVADANÇA participam Jaciel Neri, diretor do Moving Borders, CAMP_iN – Encuentro Escénico e responsável pela área de Artes Escénicas do Centro de las Artes de San Luis Potosí (México); Gabriela Garcia - coordenadora do Encuentro Internacional Manta por la Danza/programadora do Centro de Artes La Trinchera (Equador); João Fernandes - Diretor do MOVA-SE Festival de Dança (AM); Luis Alonso - Diretor do FILTE – Festival Latino Americano de Teatro da Bahia; Joanna Lesnierowska - Criadora e diretora do Centro de Desenvolvimento Coreográfico no Art Stations Foundation, Poznan (Polônia); Olga Cruz - Pesquisadora de Dança da Corporación Universitaria CENDA (Colômbia); Marcus Lobo - diretor do Festival Estudantil de Artes Cênicas – Festac (BA); Anderson Rodrigo (AbriU Dança na Bahia); Neto Machado - IC Encontro de Artes (BA). Formulário de inscrição no link.

A Rodada de Negócios acontece dia 22 de abril, das 14h às 17h, no Pátio do ICBA (Goethe-Institut Salvador). Programação completa em www.festivalvivadanca.com.br

O VIVADANÇA Festival Internacional tem apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia. É uma realização da Baobá Produções Artísticas.

Domingo no TCA celebra Mês da Dança com a UFBA e o BTCA

Abril é o Mês Internacional da Dança e do aniversário do Balé Teatro Castro Alves (BTCA). Por isso, o Teatro Castro Alves (TCA) preparou uma edição especial do Domingo no TCA para festejar todos os que produzem e apreciam esta linguagem artística. No domingo (22), a sessão que inicia às 11h, apresenta os espetáculos ‘Ziriguidum – Ideias Abertas para Tocar e Dançar’ e ‘Só Não Me Acorde Antes’, ambos do Grupo de Dança Contemporânea da Universidade Federal da Bahia (GDC/UFBA), com abertura das ‘Pílulas Dançadas’ do BTCA. Os ingressos custam R$ 1,00 (inteira) e R$ 0,50 (meia), vendidos apenas no dia do evento, a partir das 9h, com acesso imediato ao teatro.

As peças do GDC/UFBA mostram diferentes estilos para o público. “Ziriguidum”, com direção de Carmen Paternostro e coreografias de Bel Souza, Denny Neves e Marilza Oliveira em parceria com os intérpretes, busca enaltecer a cultura popular e carnavalesca e entender como a movimentação corporal se relaciona com as músicas de massa. A obra se baseia na dança afro e no frevo, além de ritmos do carnaval como o pagode e o axé. O espetáculo foi inspirado no trabalho do Núcleo de Percussão da UFBA, que fez toda a trilha sonora e toca ao vivo no palco.

Já o “Só Não Me Acorde Antes” é um espetáculo de improvisação, onde os bailarinos, dirigidos por Daniela Guimarães, interagem com a música, as projeções e instrumentos dispostos no cenário. Assim, eles compõem a dramaturgia, que lida com a indeterminação de tempo e de espaço. Todos os acordos se firmam em tempo real, a partir das pesquisas individuais de cada artista e de suas interações, gerando brechas, lacunas, silêncios, fissuras dentro da obra, para que esta possa ser habitada ao mesmo tempo em que se constrói.

PÍLULAS DANÇADAS – Para a abertura, o Domingo no TCA recebe a companhia pública de dança da Bahia, corpo artístico estável mantido pelo TCA, Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb) e Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA), criado em 1º de abril de 1981 e atualmente sob direção artística de Antrifo Sanches. Coordenado pelas bailarinas Mônica Nascimento, Adriana Bamberg e Solange Lucatelli, as “Pílulas Dançadas” reúnem células coreográficas – solos, duos, quartetos – desenvolvidas especialmente para o BTCA pela bailarina e coreógrafa mineira Morena Nascimento, que integrou a renomada companhia Tanztheater Wuppertal, fundada pela alemã Pina Bausch (1940-2009). O projeto tem como proposta ocupar e humanizar, por meio da arte, espaços de uso comum. O público será surpreendido com cenas nas rampas e escadas de acesso, corredores, foyer, assim como acontece ao longo do ano com sessões das “Pílulas” que acontecem em diversos centros comunitários, centros de saúde, casas de apoio, entre outros locais.

  • Serviço

DOMINGO NO TCA

Grupo de Dança Contemporânea da UFBA

“Ziriguidum – Ideias Abertas para Tocar e Dançar”, direção de Carmen Paternostro

“Só Não Me Acorde Antes”, direção de Daniela Guimarães

Participação especial: Núcleo de Percussão da UFBA

Abertura: “Pílulas Dançadas” do Balé Teatro Castro Alves (BTCA)

Onde: Sala Principal do Teatro Castro Alves

Quando: 22 de abril (domingo), 11h

Quanto*: R$ 1,00 (inteira) e R$ 0,50 (meia)

* Vendas somente no dia, a partir de 9h, com acesso imediato do público.

 

Fonte: A Tarde/BNews/SecultBa/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!