09/05/2018

Senhor do Bonfim, capital do forró, já em clima de festa

 

No último sábado (5), no Colégio Casinha Feliz, o prefeito Carlos Brasileiro anunciou oficialmente os Festejos Juninos de Senhor do Bonfim. Numa noite regada a muito forró, comida típicas e bebidas, foi anunciada as atrações musicais que se apresentarão de 21 a 24 de junho, na Capital Baiana do Forró.

O secretário de Cultura, Rodrigo Wanderely, o popular "Pezão" abriu o evento fazendo uma abordagem sobre o sucesso da festa em 2017. Ano passado, Senhor do Bonfim recebeu cinco títulos de destaque, apontados por meio de pesquisa realizada pelo Jornal Correio."No último São João fomos destaque como melhor escolha popular, visibilidade e programação cultural.  A Festa do Sfrega levou como melhor grade musical e melhor festa privada. Este ano com certeza vamos superar as expectativas", afirmou "Pezão".

O coordenador do evento, Helder Amorim, apresentou para o público a estrutura do evento e algumas mudanças que acontecerão. A mudança do Espaço Assis para a Praça Nova e a cobertura de todos os ambientes para comercialização de bebidas e alimentos pelos ambulantes no Parque da Cidade, serão algumas das inovações."A receptividade foi muito boa, as pessoas estão elogiando bastante a programação. Tenho certeza que vamos realizar uma festa muita bonita, vamos fazer o melhor São João do Brasil", disse Helder.

O anúncio oficial da grade musical ficou por conta do prefeito Carlos Brasileiro. Brasileiro falou sobre a manutenção da tradição com os cantores Flávio José, Nando Cordel, Adelmário Coelho, entre outros nomes tradicionais, e ainda sobre a necessidade de mesclar com os sucessos que agradam o público jovem.

A nova revelação do sertanejo universitário no Brasil, Paula Matos e, o cantor Wallas Arrais, considerado a sensação do forró estilizado na atualidade, além de Tayrone e Desejo de Menina, formam confirmados na grade de programação."Mesmo com algumas inovações, temos muita certeza que este ano vamos fazer um São João melhor do que o ano passado", destacou  Brasileiro.

Mais de mil pessoas participaram do lançamento do São João, entre os participantes, dezenas de empresários locais que manifestaram interesse em apoiar o evento. "A intenção do governo é captar recursos por meio de comercialização de cotas de patrocínio - não apenas das grandes marcas, mas também abrir espaço para o comércio local", salientou o secretário de Finanças e Planejamento, Benito Brasileiro. A festa foi animada pelo forrozeiroReinaldo do Acordeom  e os Irmãos do Forró.

  • Confira a programação da Capital Baiana do Forró no Circuito Gonzagão (Parque da Cidade):

Dia 21 de junho (quinta-feira)

Apresentações Culturais

Forró Xaveco

Dorgival Dantas

Cicinho de Assis

Gabriel Diniz

Dia 22 de junho (sexta-feira)

Apresentações Culturais

Renan Mendes

Jorge de Altinho

Paula Matos

Wallas Arais

Dia 23 de junho (sábado)

Apresentações Culturais

Nivaldo do Acordeom

Flávio Leandro

Desejo de Menina

Tayrone

Dia 24 de junho (domingo)

Apresentações Culturais

Adelmário Coelho

Forró Pega Leve

Flávio José

Alvorada Tradicional

As apresentações estão programadas para começar a partir das 22 horas, no Espaço Gonzagão. A programação junina de Senhor do Bonfim  ainda conta com inúmeras atrações: Forró na Feira, Forró Grito nos Bairros , Forró no Trem , entre outras.

Constesf realiza serviços de manutenção em trechos da BA 210 de Juazeiro a Sobradinho

Trechos da Rodovia BA 210, que liga Juazeiro a Sobradinho, estão recebendo serviços de manutenção através do Consócio Sustentável do Território do São Francisco (Constesf). Ao longo da estrada, estão sendo realizadas limpezas de drenos, tapa buraco, desobstrução de bueiros, roço, restauração de placas de sinalização e restauração e pintura de pontes.

As obras estão sendo executadas através de contrato assinado com a Secretaria de Infraestrutura do Estado da Bahia (Seinfra). Atualmente, o contrato está na fase de manutenção corretiva e preventiva, que ocorre de acordo com a necessidade de cada trecho, de forma continuada durante a vigência do contrato.

Segundo o Presidente do Constesf e Prefeito de Canudos, Genário Rabelo, um dos objetivos das obras é garantir melhor trafegabilidade e acesso de veículos e potencializando as atividades econômicas da nossa região, principalmente a agricultura.  “Os municípios do nosso território têm como principais atividades econômicas a agricultura e caprinocultura, por isso é necessário que nossas estradas estejam adequadas para o escoamento de toda a nossa produção, sem comprometer a qualidade dos produtos e animais. Esses serviços estão acontecendo não só na BA 210, mas em diversas estradas que também são importantes nesse processo de fortalecimento da economia”, explicou.

Áreas invalidadas da Codevasf são reintegradas após ação da PF

Polícia Federal (PF) com o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Polícia Militar (PM) e do Corpo de Bombeiros de Pernambuco, cumpriu dois mandados de reintegração de posse em áreas invadidas de propriedade da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf), em Petrolina, Pernambuco, na manhã desta terça-feira (8).

Segundo a PF, por determinação da 8ª Vara Federal de Petrolina, “em ações movidas pela CODEVASF, estão sendo desocupadas duas áreas que fazem parte do Projeto Público de Irrigação Pontal, o acampamento Dom Tomás, invadido desde 2014; e o acampamento Democracia, invadido desde 2016”.

Ainda de acordo com a polícia, os ocupantes “serão encaminhados para uma área provisória até que se promova o seu assentamento definitivo, conforme acordo celebrado entre as partes e ratificado pela Justiça Federal”.

Cerca de 130 policiais participaram da ação.

DEPUTADO REIVINDICA CEMITÉRIO PÚBLICO PARA OS ANIMAIS EM TODA A BAHIA

O deputado estadual Marcell Moraes apresentou na Assembleia Legislativa da Bahia o projeto (nº 20.995/2015), para a criação de um Cemitério Público para animais em toda a Bahia.

O intuito desse projeto é para mudar esta situação deparada quase todos os dias; corpos de animais jogados em lixos, terrenos, valas, entre outros locais inapropriados para depósito de restos mortais, que muitas vezes, acontece porque os bichos de estimação, quando morrem, geralmente são jogados em locais como estes e isso graças ao estado que não dispõe de um local apropriado para o sepultamento gratuito de animais.

“O descaso é muito grande. Atualmente, a maioria das famílias tem um animal de estimação em casa e esse número vem crescendo a cada dia. A falta de recursos e de locais adequados para a destinação dos restos mortais dos seus animais faz com que as pessoas descartem em locais inapropriados e muitas vezes de forma inadequada, afetando também a saúde humana”, explica Marcell.

Justiça Federal dá 10 dias para moradores deixarem área indígena, em Serra Talhada

Por decisão da 38ª Vara da Justiça Federal de Serra Talhada haverá saída definitiva de ocupantes não indígenas da Terra Indígena Pankararu, localizada entre os municípios de Petrolândia, Tacaratu e Jatobá, no sertão de Pernambuco. As principais comunidades atingidas são de Caldeirão, de Caxiado e de Bem Querer. A decisão é do último dia 8 de março e a Polícia Federal está nas localidades, notificando as famílias para que desocupem o espaço.

Na sentença, o juiz Felipe Mota Pimentel de Oliveira afirma que “a questão se arrasta por décadas, sem que haja a efetiva desocupação”. Portanto, “a desintrusão das terras pelos não índios é medida que se impõe, sem mais delongas”.

O Incra reservou 93 lotes para o Reassentamento Abreu e Lima, destinado a estas famílias. Conforme o órgão federal, os posseiros negaram em se transferir para o local, inclusive atrasando o cadastro das famílias que só ocorreu por determinação judicial. No total, a área possui 18.500 hectares – a TI Pankararu possui 8.100 – e fica no município de Tacaratu.

Sobre a indenização, posseiros alegam que a proposta indenizatória é irrisória para a alternativa de se reconstruir uma nova vida em outro lugar (citam valores de R$5mil para indenização) e que um novo local não foi apresentado para o devido assentamento das 302 famílias atingidas pela ordem de reintegração.

A situação está tensa na localidade de Bem Querer, onde a Polícia Federal buscou um acordo nesta segunda, dia 07, com os moradores locais, que estão reunidos em frente a Igreja Católica. Como o Juiz da 38ª Vara da Justiça Federal de Serra Talhada indicou que caso a sentença não seja cumprida, a Polícia Federal vai ter que pagar uma multa diária, a situação se agravou e muitos problemas poderão acontecer, em virtude da não aceitação por parte dos posseiros da saída em definitivo do lugar.

 

Fonte: Ascom PMSB/BNews/PA4/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!