10/05/2018

Alagoinhas: NATA realiza oficina e seleção para atrizes negras

 

Até o dia 19 de maio, o Núcleo Afro-brasileiro de Teatro de Alagoinhas (NATA) estará com inscrições abertas para a Oficina para ATRIZES NEGRAS, com condução da diretora Fernanda Júlia Onisajé e participação do elenco, produção e colaboradores artísticos do NATA. As inscritas devem ter entre 20 e 35 anos. Esta atividade poderá ou não selecionar DUAS atrizes para o espetáculo OXUM. A oficina ocorrerá nos dias 22 e 24 de maio, das 19h às 22h, e no dia 26, das 08h às 12h. As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas através do site www.natateatro.com.br/oficinasoroafrosalvador

A oficina objetiva potencializar e instrumentalizar as artistas quanto ao trabalho do ator/atriz no processo poético do NATA, as especificidades no que tange a preparação corporal e os dispositivos de atuação. Será um espaço de imersão, de inspiração, de nutrição para criação artística negra, sendo o candomblé utilizado como material de formação e criação cênica.

A oficina e seleção faz parte do projeto OROAFROBUMERANGUE, iniciada em 2017, com dois anos de atividades de manutenção, formação, criação, difusão e interatividade cênica que desembocarão no processo de concepção, montagem e apresentação do novo espetáculo do NATA: Oxum. O projeto conta com o apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura da Secretaria da Fazenda, da Fundação Cultural do Estado e Secretaria de Cultura da Bahia, aprovado no Edital de Apoio a Grupos e Coletivos Culturais.

Festival de Sanfoneiros do Litoral Norte e Agreste Baiano tem final em Alagoinhas

O encerramento do III Festival de Sanfoneiros do Litoral Norte e Agreste Baiano acontece neste sábado (12), no Centro de Cultura Alagoinhas, município do nordeste baiano, com o apoio do Governo do Estado, por meio do Fundo de Cultura da Bahia e do Núcleo Territorial de Educação (NTE 18) da Secretaria da Educação do Estado.

A programação conta com diversas atrações partir das 8h, entre elas, a II Feira Territorial da Agricultura Familiar, exposições com organizações diversas, a I Missa Territorial do Vaqueiro. Tem ainda o Concurso entre Sanfoneiros e duplas de dança de forró que estão na final, com a presença dos cantores de Adelmário Coelho, Del Feliz, Targino Gondim, Alcymar Monteiro, Fabricio da Xotemania, Julio Cezar, Birão do Acordeon, além de shows com os sanfoneiros vencedores, Targino Gondim e outros convidados.

O festival, que busca o fortalecimento das políticas e práticas culturais musicais nordestinas, teve início em fevereiro deste ano, e atendeu sanfoneiros das 20 cidades do Território do Litoral Norte e Agreste Baiano, de outras cidades de diversos territórios baianos e de vários estados brasileiros.

A participação foi por meio de seleção prévia de materiais (audiovisuais) enviados pelos sanfoneiros e de grupos de danças, objetivando uma pré-seleção em três categorias - mirim, sanfonas de 8 baixos e sanfonas acima de 8 baixos; e para grupo/dupla de dança de forró. Em seguida os pré-selecionados participaram de quatro audições para a escolha dos candidatos nas três categorias de sanfoneiros e grupos de dança para a final. Serão premiados os três primeiros classificados em cada categoria.

O projeto contemplou também duas oficinas - a musical, para sanfoneiros iniciantes, e sobre manutenção preventiva e conserto de sanfona. Também houve um minicurso de gestão para carreira artística. Confira a programação no site da Secretaria de Cultura do Estado (Secult).

Santo Amaro: 'Procura-se' ex-prefeito após Justiça decretar prisão por 2 vezes

O paradeiro do ex-prefeito de Santo Amaro, no Recôncavo, Ricardo Machado, é algo que ninguém consegue localizar. Desde que teve a prisão decretada pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), Machado segue fora do mapa.

A última sentença do TJ-BA, da quinta-feira (3), restabeleceu a prisão do político através da Primeira Turma da Segunda Câmara Criminal, que deferiu a medida por unanimidade.

Antes, no começo de abril, Ricardo Machado já tinha desobedecido à Justiça que tinha decretado a prisão dele. Conforme o Ministério Público do Estado (MP-BA), o ex-prefeito é acusado de integrar um esquema que teria desviado em torno de R$ 24 milhões entre 2013 e 2015. O caso veio à tona com a Operação Adsumus, do mesmo MP-BA.

ASSOCIAÇÃO COMERCIAL DA BAHIA DEFENDE VENDA PARCIAL DA REFINARIA LANDULPHO ALVES

No último mês, a Petrobrás anunciou que visa reduzir sua participação no mercado de refino de petróleo, incluindo a venda de parte da Refinaria Landulpho Alves (RLAM), localizada em São Francisco do Conde, na Região Metropolitana de Salvador. Em cinco anos, a Refinaria, que é responsável por 99,32% do refino de petróleo na Bahia e a segunda maior refinaria do país, teve uma redução de 30% em sua produção, segundo relatório elaborado pela empreiteira, o que foi decisivo para a venda.

No entanto, apesar do pedido de cautela feito em manifestação pública pela Federação das Indústrias da Bahia (Fieb), o presidente da Associação Comercial da Bahia (ACB), Adary Oliveira, conversou com o Bahia Econômica, e se mostrou otimista com a iniciativa da Petrobrás. Segundo Oliveira, a venda de 60% da refinaria e todo seu sistema logístico é “favorável” à economia baiana, pois “a nova gestora fica com o controle da empresa, sem a Petrobras deixar de ter parte nela. Grandes empresas nacionais fazem isso”.

Em contrapartida, Adary aponta que tal movimentação econômica só seria viável caso a nova empresas assumisse determinados compromissos com a refinaria, responsável, atualmente, por cerca de 30% da economia do estado.

“A posição é, sim, favorável desde que, quem assumir, se comprometa com novos investimentos tecnológicos, de modernização; exploração de petróleo e gás. Tanto no mar como na terra também. E a preocupação com a qualidade do produto, a fim de torná-lo mais competitivo”, disse.

Segundo Oliveira, a Landulpho Alves produzia cerca de 150 mil barris de petróleo por mês. Atualmente são 30 mil, o que coloca a Bahia em 5° lugar no que se refere à produção. Para o presidente da ACB, um dos motivos da queda no desenvolvimento do produto tem a ver com a diminuição do ritmo de pesquisas e da falta de investimentos nos campos maduros – quando o nível de bombeamento do petróleo já não é mais tão intenso numa área de colheita. “Outra empresa assumindo, desde que comprometida, essa colocação pode subir”, acredita Oliveira.

Amargosa: Rui inaugura obras e autoriza novos serviços

Nesta quinta-feira (10), às 9h, o governador Rui Costa participa, em Amargosa, no centro sul baiano, de um conjunto de ações que beneficiam o município. O primeiro compromisso do governador na cidade é a inauguração do trecho de acesso à Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB) à Rodovia BA-120. Em seguida, Rui inaugura e faz uma visita às instalações do Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep), na Rua Altamiro Sampaio, no centro, composto por prédio administrativo, guarita e unidades das polícias Militar e Civil.

Após o ato, Rui segue para a Praça Lourival Monte, em frente à Prefeitura, onde assina ordem de serviço para início das obras de pavimentação da Rodovia BA-026, no trecho entre o entroncamento da BR-101, em Santo Antonio de Jesus a Amargosa. Também serão autorizadas obras de implantação de Sistema Integrado de Abastecimento de Água nas localidades de Alto Seco, Alto Seco I e Assapeixe e Sistema Simplificado de Abastecimento de Água na localidade de Itachama, no Distrito Jorge Sales. Também será autorizado o início das obras de reforma e manutenção do Colégio Estadual Pedro Calmon.

Rui autoriza, ainda, o lançamento do edital de licitação para reforma do Ginásio Poliesportivo Roberto Sampaio Peixoto e requalificação do mercado municipal da cidade. Na oportunidade, o governador faz, também, entrega de equipamentos hospitalares para o Hospital Municipal de Amargosa e uma ambulância destinada ao município. Os equipamentos compreendem um Arco Cirúrgico e aparelho de Raio-X, carro de Anestesia e Kit Sala de Parto, além de um monitor multiparamétrico. Aos agricultores da região, serão entregues 866 certificados do Cadastro Ambiental Rural (CAR).

Rui ainda anuncia a licitação para pavimentação de vias do Conjunto Habitacional Cidade Jardim, do Programa Minha Casa Minha Vida. A solenidade terá, ainda, a entrega de Título de Cidadão Amargosense ao governador Rui Costa por iniciativa da Câmara Municipal da cidade.

Baixo Sul: Comunidade quilombola fica perto de ter posse de área de 653 hectares

Um território quilombola entre Ituberá e Nilo Peçanha, no Baixo Sul baiano, venceu mais uma etapa para se tornar oficial. Um decreto da presidência da República, publicado nesta quarta-feira (9), confirma a comunidade quilombola Lagoa Santa de interesse social.

Ao todo, são 653 hectares. Com o decreto, começa a fase de desapropriação da área, última etapa para que os quilombolas sejam declarados oficialmente como proprietários das terras.

Conforme o decreto, o Incra [Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária] fica autorizado a promover e executar a desapropriação, onde os atuais donos das terras recebem o pagamento pela venda dos terrenos.

 

Fonte: Secom Bahia/BN/Bahia Econõmica/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!