12/05/2018

Ilhéus: Setur articula requalificação da Vila Gastronômica

 

Com aprovação da Caixa Econômica Federal, o projeto de requalificação da Vila Gastronômica do Banco da Vitória, em Ilhéus, deve ser licitado pelo Governo do Estado ainda neste semestre. A informação foi dada pelo subsecretário estadual do Turismo, Benedito Braga, ao prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre de Sousa, nesta sexta-feira (11), na sede da Setur, em Salvador.

Segundo Benedito Braga, a requalificação turística vai valorizar a região da BA-415, que liga Ilhéus e Itabuna, utilizada por quem viaja pela Costa do Cacau. “Estamos empenhados para o início das obras o quanto antes. As melhorias também devem incentivar empresários a modernizarem seus estabelecimentos no complexo gastronômico”, explicou.

O projeto, financiado com recursos de emendas parlamentares da senadora Lídice da Mata, prevê urbanização, pavimentação (incluindo acessibilidade com pista tátil) e construção de estacionamentos, além de projetos de sinalização e iluminação, dentre outros. O investimento é de cerca de R$ 850 mil, liberados pelo Ministério do Turismo e Caixa Econômica Federal, e o projeto executivo das intervenções foi fornecido pela Prefeitura Municipal de Ilhéus.

A licitação e fiscalização dos serviços serão de responsabilidade da Superintendência de Infraestrutura e Transportes da Bahia (SIT), vinculada à Secretaria de Infraestrutura de Transporte, Energia e Comunicação (Seinfra).

Para o prefeito Mário Alexandre de Sousa, a requalificação do entorno da Vila Gastronômica será de grande importância para o turismo de Ilhéus. “As obras vão modernizar a infraestrutura de acesso ao equipamento, importante para a economia turística de Ilhéus, melhorando a acessibilidade e segurança para moradores e visitantes que aproveitam as praias e atrativos da região”, disse.

HCC ainda não instalou leitos psiquiátricos

Inaugurado pelo Governo da Bahia em dezembro de 2017, o Hospital Regional Costa do Cacau ainda não instalou os leitos para o acolhimento de pessoas com transtornos mentais.

Conforme o planejamento do governo estadual, a unidade vai ter dezesseis leitos psiquiátricos para atender os pacientes de Ilhéus e de toda a região Sul da Bahia.

Contudo, ainda não há uma data prevista para o início do funcionamento do serviço.

O hospital recebe os recursos para o custeio do atendimento às pessoas com transtorno mental. Mesmo sem os leitos psiquiátricos, esses pacientes são atendidos.

Ainda assim, o serviço de saúde é prestado sem as condições especificadas na Portaria 148/2012, do Ministério da Saúde.

Os leitos psiquiátricos em hospitais desempenham importante papel na retaguarda da Rede de Atenção Psicossocial. Eles são preparados para o acolhimento de pacientes em surto, em períodos de internação de até 72 horas, com o apoio de uma equipe multidisciplinar de saúde.

Itabuna: Vereadores denunciam ‘uso de combustível’ em veículos fantasmas

Os vereadores de oposição ao prefeito de Itabuna, Fernando Gomes (sem partido), investigam um possível desvio de recursos públicos por meio do uso de combustíveis pela administração da cidade.

Em entrevista ao jornalista Oziel Aragão, do Contudo, a vereadora Charliane Sousa (PTB) afirma que, ao lado do colega Manoel Junior (PV), investiga que “amigos e familiares” do gestor municipal utilizam o tíquete de abastecimento oficial em posto cadastrado para colocar gasolina em veículos particulares.

De acordo com a edil, os tíquetes são emitidos nos cadastros de veículos que estão fora de circulação, alguns “sem pneus e até amontoados”. Charliane ponderou, ainda, sobre as dificuldades em apurar as prestações de conta de Fernando Gomes.

Segundo ela, a prefeitura não atende aos requerimentos dos vereadores e sequer tem direcionado ao Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) os dados comprobatórios. “Para ter acesso às informações que a gente precisa é preciso utilizar outros meios”, concluiu.

Hospital Manoel Novaes de Itabuna será beneficiado com R$ 500 mil

A Santa Casa de Misericórdia de Itabuna será beneficiada com R$ 500 mil de emenda parlamentar de autoria do senador licenciado e atual secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro.

Os recursos serão destinados à aquisição de equipamentos para o Hospital Manoel Novaes (que é mantido pela Santa Casa), a exemplo de focos cirúrgicos de teto, aparelho de anestesia e monitores multiparâmetros.

A unidade de Saúde é referência regional nas áreas de Ginecologia, Obstetrícia, Neonatologia de alto risco e Pediatria Cirúrgica. Em julho de 2017, foi inaugurada sua UTI pediátrica, a primeira do Sul da Bahia, que atende crianças com mais de 30 dias de vida até jovens de 16 anos.

Em ofício encaminhado a Walter Pinheiro, a Santa Casa de Misericórdia de Itabuna agradece a indicação. “Este recurso beneficiará a população de Itabuna e de mais 121 municípios pactuados pelo Sistema Único de Saúde, com abrangência não inferior a três milhões de habitantes”, registra o provedor Eric Ettinger.

A citada emenda parlamentar foi apresentada quando o seu autor reassumiu o mandato de senador em 17 de outubro de 2017 para reassumir a pasta da Educação dois dias depois.

Município de Arataca recebe a Caravana da Justiça Social

A Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), mais uma vez, amplia suas ações nos territórios de identidade, através da Caravana da Justiça Social e chega ao município de Arataca, sul baiano, com emissão de RG, CPF, Carteira de Trabalho, Certidão de Nascimento, atendimentos do Procon, emissão de Passe Livre, atendimento em saúde, Programa Bolsa Família, entre outros. A ação acontece na próxima terça-feira (15), das 9h às 15h, no Instituto Municipal de Educação de Arataca (IMEA), no bairro Vila Eglantina.

A SJDHDS, enquanto principal articuladora de ações de promoção, proteção e educação aos direitos humanos, assistência e inclusão social do governo da Bahia, tem buscado ampliar as suas ações nos territórios de identidade. “No ano passado atendemos a nove territórios de identidade. Mais de 16 mil pessoas beneficiadas nas áreas de assistência social, jurídica, direitos humanos, cidadania, acessibilidade, protagonismo juvenil, saúde, documentação civil básica, entre outros, num grande mutirão de serviços públicos para a cidadania”, esclareceu Maria Fernanda, coordenadora de Promoção, Cidadania e Direitos Humanos (CPCDH).

Também presente na Caravana estará a Superintendência de Assistência Social (SAS), com o mutirão de serviços focados nos profissionais do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) da região, são capacitações e orientações, atendendo ao pacto de aprimoramento da gestão da rede. Além disso, também acontece os “Diálogos com a Juventude”, que busca ampliar a discussão sobre políticas públicas, participação social e democrática com os jovens da rede pública de ensino. A iniciativa é da Coordenação de Políticas para Juventude (Cojuve).

As Caravanas compõem um esforço de articulação política das Superintendências de Apoio e Defesa aos Direitos Humanos (SUDH), SAS, Pessoa com Deficiência (SUDEF) e Superintendência de Inclusão e Segurança Alimentar (SISA). Além da equipe da SJDHDS, também conta com parceria articulada com as prefeituras dos municípios que integram os respectivos territórios de identidade; da UNICEF; Ministério Público; Tribunal de Justiça do Estado; Defensoria Pública; Conselhos de Direitos da Criança e do Adolescente; Associação e Fórum de Conselheiros e Ex-conselheiros Tutelares; e secretarias estaduais, a exemplo da SSP, SAEB, SDR, SEPLAN, SEC e SESAB.

ITABUNA: COMISSÃO DIVULGARÁ INTERLEGIS EM MAIS DE 20 CIDADES

Mais de 20 cidades grapiúnas serão visitadas, até o início de junho, pela comissão do Legislativo itabunense instituída para organizar o Interlegis. A divulgação in loco, iniciada esta semana por Almadina, Itajuípe, Coaraci, percorrerá, inclusive, microrregiões vizinhas – Vitória da Conquista (Ibicuí, Iguaí e Poções) e Itapetinga (Itororó e Itapetinga).

“As cidades mais distantes de Itabuna, contactaremos por correio eletrônico e telefone”, explica o diretor administrativo da Casa, Erick Santos. Nas visitas, além de material institucional do Interlegis, são repassadas informações sobre inscrição, oficinas e palestras. A comissão possui dez funcionários (efetivos e comissionados) além da vereadora Charliane Sousa (PTB).

No Interlegis, entre 11 e 14 de junho, serão ministradas, gratuitamente, oficinas sobre Portal Modelo e Sistema de Apoio ao Processo Legislativo, voltadas para servidores. Segundo o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM/BA), as 41 câmaras municipais grapiúnas possuem 853 funcionários. Em 15/06, haverá palestras do Interlegis com presença da senadora Lídice da Mata (PSB/BA).

Cabrália realiza campanha de combate ao abuso e exploração sexual infantil

Em alusão ao Maio Laranja, período de campanha nacional de combate ao abuso e exploração sexual de criança e adolescente, o município de Santa Cruz Cabrália realiza uma série de palestras nas escolas e, no dia 18/05/18, será realizada uma blitz, além de uma caminhada em distrito Coroa Vermelha. O objetivo é promover a conscientização acerca da importância do tema.

A data é alusiva ao Dia Nacional de Combate e remete ao ano de 1973, quando, no dia 18 de maio, um crime bárbaro chocou o Brasil. Na ocasião, seu desfecho escandaloso seria um símbolo de toda a violência que se comete contra as crianças. A capixaba Araceli Cabrera Sanches, com apenas oito anos, foi sequestrada, drogada, espancada, estuprada e morta por membros de uma tradicional família daquele estado.

Por sua barbaridade, o caso ganhou espaço na mídia e, mesmo com o trágico aparecimento do seu corpo, desfigurado por ácido, em uma das mais movimentadas ruas de Vitória, capital do estado, poucos foram capazes de denunciar o ocorrido. O silêncio da sociedade acabaria por decretar a impunidade dos poderosos criminosos.

A campanha tem como símbolo, uma flor, como lembrança dos desenhos da primeira infância, além de associar à fragilidade de uma flor com a de uma criança e a data foi instituída em 1998, quando cerca de 80 entidades públicas e privadas reuniram-se na Bahia para o primeiro encontro Ecpat no Brasil. A rede Ecpat trabalha na eliminação da exploração sexual de crianças e adolescentes, dentro de quatro dimensões: prostituição, pornografia, tráfico e turismo para fins de exploração sexual.

 

Fonte: Ascom Setur/RBN/Bahia.ba/A Tarde/Ascom SJDHDS/PSB/Jornal do Sol/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!