28/06/2018

Davi Moraes apresenta show “Tá em Casa” no Festival Hype

 

A segunda edição do Festival Hype promete ser inesquecível. Isso porque o guitarrista, cantor e compositor Davi Moraes apresenta no próximo dia 7 de julho, a partir das 20h, com entrada franca, o show “Tá em Casa”, um convite inédito e emocionante a entrar no tempo único e plural de Davi.

Apresentado pela primeira vez em Salvador, o disco de trabalho - considerado o mais pop na carreira do artista, traz uma parceria inédita com Adriana Calcanhotto, além das participações de Márcio Victor (Psirico), Maria Rita e Saulo Fernandes.

Jovem, porém com uma sólida e longa carreira pela frente, Davi Moraes confirma no show “Tá em Casa” sua relevância como artista solo, compositor e músico no sentido mais amplo. Para sua apresentação no Festival Hype, Davi recebe como convidado o cantor Pierre Onassis, cantor e compositor baiano reconhecido em todo mundo por sua multifacetada trajetória na música.

Festival Hype

Com shows e atividades para todas as idades, acontece nos próximos dias 7 e 8 de julho, das 11h às 22h, na Avenida Centenário, a segunda edição do Festival Hype.

Revelando talentos e ocupando praças e ruas da cidade, o Festival é uma realização da L&B Produções e conta com o patrocínio da Brahma Extra e Governo do Estado, através do Fazcultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, além do apoio do IRDEB - através da TVE e Rádio Educadora FM, e Prefeitura Municipal de Salvador.

Palco Sounds e Mercadão da Música | Inscrições Abertas até o dia 28 de julho

Em cada edição, uma curadoria artística assinada por Juliana Ribeiro, Duda Diamba e Morotó Slim, responsáveis pelo garimpo curatorial e revelação de novos talentos da musica local, selecionará 7 artistas para o Palco Sounds. Já o Mercadão da Música terá curadoria realizada pelos jornalistas Isa Lorena e Luciano Matos.

Pode se inscrever no Festival Hype qualquer artista, grupo, banda ou agente produtivo do ramo musical, nascidos ou residentes por pelo menos um ano na Bahia, e que atendam às exigências específicas a cada modalidade de inscrição descritas no regulamento do Festival, que pode ser acessada no www.festivalhype.com.br.

Para participar do Palco Sounds, o selecionado deve se inscrever com músicas autorais e/ou regravações com duração máxima de seis minutos e devidamente registradas nos órgãos competentes. Cada candidato pode inscrever até duas músicas. Caso seja selecionado, no dia da sua apresentação, o artista ou grupo terá um período de 45 minutos para apresentar o repertório escolhido e previamente validado pela equipe de curadoria.

Para participar do Mercadão da Música, os agentes produtivos da música, podem se inscrever com materiais que demonstrem a relação do produto/ serviço do candidato com o segmento musical, a fim de expor o seu trabalho em um espaço destinado à fomentar o empreendedorismo local.

SAIBA MAIS

Valorizando a cultura colaborativa e estimulando a representatividade artística e das ruas, o Festival Hype nasce da experiência vivida pelo Coreto Hype reconhecida por reunir o melhor  gastronomia, moda, música, arte e sustentabilidade desde 2016, contando com mais de 100 empreendedores criativos por edição e extensa programação artística e de lazer para crianças, jovens, adultos e idosos.

Trabalhando sempre com os eixos da economia criativa, música, kids, sustentabilidade e ocupação, a Feira Coreto Hype se consolidou como uma iniciativa transformadora, estimulando na população soteropolitana ao capitalismo consciente, a economia criativa e ao reconhecimento dos pequenos produtores, reforçando a atitude construtiva e o cooperativismo do grupo.

Programa Evolução Hip-Hop é transmitido ao vivo no Espaço Vale do Dendê

O programa Evolução Hip-Hop do próximo sábado (30), que vai ao “ar”, às 17h, na 107.5 Educadora FM, será transmitido ao vivo direto do Espaço de Inovação e Criatividade Vale do Dendê, localizado no 2º piso do Shopping da Bahia (Alameda Marta Rocha). A transmissão do programa terá entrada gratuita e contará com pocket show dos grupos de rap Opanijé, Família Tríplice e apresentação do Dj Branco.

Está ação irá proporcionar a participação direta dos ouvintes do Evolução Hip-Hop que terão a oportunidade de acompanhar de perto a transmissão do programa e interagir com os grupos de rap convidados. A iniciativa que é uma parceria da Holding Social Vale do Dendê com a CMA HIP-HOP - Comunicação, Militância e Atitude Hip-Hop, conta com o apoio da Rádio Educadora FM 107.5 e do Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia – IRDEB.

Evolução Hip-hop

É um programa musical com um conteúdo educativo, informativo e de entretenimento, está no ar há 10 anos, todos os sábados das 17h, às 18h, na Rádio Educadora FM 107.5, durante esse tempo vem contribuindo com o fomento, a difusão, o fortalecimento, o desenvolvimento e reafirmação da cultura hip-hop e das lutas dos movimentos sociais, dando voz e vês a grupos que historicamente foram colocados à margem da grande mídia convencional. O programa é uma produção da CMA HIP-HOP – Comunicação, Militância e Atitude Hip-Hop, tem o apoio da 107.5 Educadora FM, e o apoio financeiro do Governo da Bahia, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda, Fundação Cultural do Estado e Secretaria da Cultura da Bahia.

Espaço de Inovação e Criatividade #ValeDoDendê

Com calendário especial de atividades, a programação do Espaço de Inovação #ValeDoDendê conta com ações ligadas a economia criativa e gestão,cursos, workshops, palestras e encontros de networking profissional, oficinas destinadas a decifrar e popularizar as Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC), sempre ao lado do Instituto Mídia Étnica (IME), e como o apoio do Shopping da Bahia.

  • Serviço

Transmissão do Evolução Hip-Hop no Espaço Vale do Dendê

Pockt Show: Opanijé, Família Tríplice, Dj Branco

Quando: 07 de junho, das 17h, às 18h

Onde: Espaço de Inovação e Criatividade Vale do Dendê

Shopping da Bahia – 2º Piso – Alameda Marta Rocha (Saída do Metrô) com apresentação do Dj Branco

Entrada gratuita

Grafiteiros baianos irão participar de intercâmbio em Angola

As grafiteiras Ananda Santana e Annie Ganzala e o grafiteiro Éder Muniz vão participar de um intercâmbio artístico em Angola, nas províncias de Namibe e Huíla, no final do mês que vem. Os três artistas integram o projeto “África e Diáspora – Novas Conexões”, que propõe a realização de painéis de grafite nas paredes da Serra da Leba, maior mural a céu aberto do continente africano.

Com o apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia, a partir do da 1ª chamada do Edital Mobilidade Artística e Cultural 2018, os grafiteiros já garantiram as passagens aéreas, custos com hospedagem e alimentação. Mas eles ainda precisam de apoio para comprar cerca de 300 latas de tinta, que serão utilizadas na pintura dos murais. Na internet, uma campanha foi realizada para arrecadar recursos para o projeto. Em Luanda, os baianos irão se juntar a grafiteiros angolanos que também vão colaborar na criação dos painéis de grafite.

Todo o processo criativo será registrado por uma equipe formada por quatro cineastas de Salvador: Jamile Coelho, Cintia Maria, Renata Matos e Juca Badaró. Eles pretendem realizar um diário de viagem que será compartilhado nas redes sociais, através de registros fotográficos e audiovisuais das atividades do intercâmbio.

Museu de Arte Moderna da Bahia recebe lançamento do Catálogo Volpi

O Museu de Arte Moderna da Bahia lançará na quinta-feira, dia 28, às 19h, o Catálogo da exposição VOLPI! Na ocasião, haverá a apresentação da Camerata da Orquestra Sinfônica da Bahia – OSBA. O Catálogo tem patrocínio da galeria Almeida &Dale, Paulo Darzé Galeria de Arte e do Instituto Volpi de Arte Moderna.

‘VOLPI’

A mostra, intitulada Volpi, traça amplo panorama da carreira do pintor autodidata, levando ao público 33 obras - de paisagens rurais e urbanas dos anos 1940 até trabalhos das décadas de 1950, 60 e 70, nos quais predominam composições geométricas coloridas. Entre os destaques, a têmpera sobre tela Casas (1950), obra que integra a coleção do museu. A mostra está aberta ao público, de terça-feira a domingo, das 13h às 18h, até o dia 01 de Julho.

Sobre Volpi

Alfredo Volpi nasceu em 1896 na cidade de Lucca, na Itália, e mudou-se ainda criança para o Brasil. Com a família, instalou-se em São Paulo, no tradicional bairro do Cambuci, reduto paulistano da comunidade italiana. Na juventude, Volpi foi marceneiro e entalhador, até começar a atuar como pintor decorativo de casas da alta burguesia paulistana. O ofício lhe proporcionou dinheiro suficiente para que desse vazão a seus desejos artísticos e desenvolvesse um estilo próprio. Realizou a primeira exposição individual aos 47 anos de idade, no Salão de Maio e na 1ª Exposição da Família Artística Paulista, no ano de 1938 na cidade de São Paulo. Na década de 1950 evoluiu para o abstracionismo geométrico e, em 1953, recebeu o prêmio de melhor pintor nacional na segunda Bienal de São Paulo.

  • Serviço

Lançamento do catálogo Volpi

Quando: 28 de junho (quinta), às 19h

Onde: Museu de Arte Moderna da Bahia

Entrada gratuita

Parceria com empresa de telefonia assegura R$ 30 milhões para cultura

Mais R$ 30 milhões serão investidos na cultura baiana a partir de parceria renovada entre o Governo do Estado e a Oi Telefonia. A assinatura do termo de compromisso foi realizada nesta terça-feira (26), em reunião entre representantes do Governo do Estado e dirigentes da empresa, na Governadoria, em Salvador. Os recursos serão destinados aos projetos culturais em execução em 2018.

Segundo o governador Rui Costa, outra novidade discutida na reunião é o projeto de levar sinal de celular para os distritos dos municípios baianos. “Estão previstas 37 cidades e suas zonas rurais. Nós vamos anunciar em breve o cronograma de implantação, que deve durar 12 meses. No passado, a ansiedade era para a chegada da água e da energia. Hoje, nas cidades, as faixas e cartazes revelam essa ansiedade para a chegada do sinal de celular”, afirmou.

O governador informou que a reunião tratou também da contratação de uma plataforma de serviços na área de educação, a Oi Educa. “A empresa tem um projeto de serviços estruturado para as escolas, e nós estamos discutindo uma forma de utilizar essas ferramentas para melhorar o gerenciamento nas nossas escolas”, acrescentou.

Nos últimos 12 anos, a Oi investiu R$ 280 milhões na cultura baiana. Para o presidente da empresa, Eurico Teles, a Bahia faz os olhos dos investidores brilharem. “A Bahia é um estado estratégico para a Oi. Temos mais de cinco milhões de atendimentos no estado. No ano passado, ganhamos mais de 73 mil clientes de Oi TV e temos um investimento aqui de R$ 60 milhões neste trimestre. Também tivemos um recolhimento de R$ 441 milhões em impostos para o Estado. Tudo isso é resultado da parceria com o Governo do Estado, que vai durar muitos e muitos anos".

 

Fonte: Criativos Coletivos/SecultBa/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!