10/07/2018

Ilhéus: Circuito de Surf e Bodyboarding acontece no dia 15

 

O litoral de Ilhéus será sede de mais uma edição do Circuito South Session de Surf e Bodyboarding. O evento será realizado no próximo dia 15, domingo, no Km 03 da Praia do Sul, em frente ao condomínio Paraíso Tropical, na Rodovia Ilhéus–Olivença. Cerca de 60 competidores, de ambos os sexos, vão encarar as ondas do mar na zona sul da cidade em busca de melhores resultados no ranking baiano.

O circuito de surf será disputado nas categorias Iniciante, Open e Especial’. Já no bodyboarding, as categorias serão Iniciante e Open. O evento contará com a ação do projeto Informar para não Afogar, que se encontra em sua décima edição. O objetivo do projeto é conscientizar a população e turistas sobre os riscos de afogamento durante o banho de mar.

As atividades incluem palestras que abordam e alertam quanto aos índices de afogamentos e medidas de prevenção, além de ações práticas como primeiros socorros e técnicas de salvamento aquático. O projeto é promovido pelo corpo de salva-vidas da cidade da Prefeitura de ilhéus, vinculado à secretaria de Administração (Sead).

Para o salva vidas Domingos Madureira, idealizador da proposta, o projeto tem contribuído para a redução do índice de afogamentos no litoral do município, além de proporcionar maior aproximação do corpo de salva vidas com a comunidade. “Durante a execução do projeto, os banhistas são orientados sobre a definição e tipos de afogamento, mecanismo da lesão, técnicas de suporte básico de vida em afogamento, resgate no mar com prancha de surf, além de medidas de prevenção”, acrescentou.

BUERAREMA: CASA DE CULTURA JONAS E PILAR DIVULGA PROGRAMAÇÃO PARA O MÊS DE JULHO

A programação do mês de julho da Casa de Cultura Jonas e Pilar está repleta de novidades. As atividades do Projeto de Ações Continuadas que começaram no início deste ano, vem oferecendo para a comunidade bueraremense um leque de atrações, oficinas e eventos culturais, além de grande apoio à cultura popular local.

As oficinas de capoeira e teatro Infanto-Juvenil, a Contação de História continuam na pauta deste mês, bem como o Cineclube, que além das exibições habituais, traz mostra do Filme Livre, no dia 10 e 17, sempre às terças-feiras, às 18:30h.

E tem mais novidade para o mês de julho, com a ”Instalação Artística”, EXPERIENCIA DO SENSÍVEL: Qual a sensação de estar vivo? Quantas vezes se morre em uma vida? Para viver basta estar vivo? Por Alex Montalvão, Iara Almeida, Ligia Callaz, José Lucas Rosário e Tracy Santos.

E ainda tem, Mostra de Teatro “Pequenos Atos”. Consiste na apresentação de textos curtos, realizados pelos alunos da Oficina de Teatro Infanto-Juvenil como prática de palco.

As ações fazem parte da programação do projeto Casa de Cultura Jonas e Pilar, vencedor do Edital de Apoio a Ações Continuadas de Instituições Culturais 2017/2020, realizado pelo Instituto Macuco Jequitibá, que tem o apoio financeiro do Governo do Estado através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia e apoio institucional da Prefeitura de Buerarema.

  • CONFIRAM A PROGRAMAÇÃO:

– Contação de História:

Dias 06, 13, 20 e 27

Gratuito. A Contação de Histórias acontece no período de março a dezembro de 2018, sempre as sextas-feiras, às 15:30h.

– Cineclube:

Dias 03, 10, 17, 24 e 3, às18:30h.

 Mostra do “Filme Livre” (10 e 17)

DIA 10

Sessão “Curtas Livres” com os filmes:

– HISTORIOGRAFIA (Amanda Pó, 4min, 2017, SP) *este filme é mudo

– TRAVESSIA (Safira Moreira, 5min, 2017, RJ)

– CORPOSTYLEDANCEMACHINE (Ulisses Arthur, 7min, 2017, BA) *premiado

– A PAZ AINDA VIRÁ NESTA VIDA (Isabella Geoffroy, Nícolas Bezerra, 6min, 2017, RJ) *menção honrosa

–A RETIRADA PARA UM CORAÇÃO BRUTO (Marco Antônio Pereira, 15min, 2017, MG) *menção honrosa

– TALAATAY NDER (Chantal Durpoix, 20min, 2016, BA) *premiado

Classificação indicativa: 14 anos

DIA 17

Sessão Longa Livre:

FERNANDO (Igor Angelkorte, Julia Ariani, Paula Vilela, 71min, 2017, RJ)

Sinopse: O filme revela a vida de um professor-artista com 74 anos no Brasil hoje. Fernando é provocado a interpretar a própria vida, mesclando realidade e ficção. Diante de um grave problema de saúde, ele segue uma rotina preenchida de projetos e desejos na arte. ” Classificação indicativa: LIVRE

– Instalação Artística

Dias 12, 13 e 14, das 09h às 20h

 EXPERIENCIA DO SENSÍVEL: Qual a sensação de estar vivo? Quantas vezes se morre em uma vida? Para viver basta estar vivo?

Por Alex Montalvão, Iara Almeida, Ligia Callaz, José Lucas Rosário e Tracy Santos.

Instalação que faz parte do ateliê Corpos Tempos Espaços, supervisão da prof. Evani Tavares da UFSB Campus Jorge Amado.

– Mostra de Teatro Pequenos Atos

Dias 21 e 28¸ às 19h

 Serão apresentados textos curtos pelos alunos da Oficina de Teatro como prática de palco.

Oficina de Teatro Infanto-Juvenil

Dias 05, 12, 19, 26, das 18h às 20h

A Oficina de teatro para jovens com idade mínima de 12 anos, começou dia 05 de abril e segue até 16 de agosto.

Oficina de Capoeira

Dias 07,14, 21 e 28, de julho, das 14:00 às 17:00.

Dias 01,08,15,22 e 29 das 08h às 11h

A oficina de Capoeira tem o objetivo de vivenciar o jogo de capoeira e seus estilos. Discutir/refletir sobre os rituais/regras da roda de capoeira e vivenciá-la.

Falta de equipamentos compromete combate a dengue em Itabuna

De um lado, números mostram bairros em Itabuna já com índices de infestação do mosquito Aedes aeypti bem acima do aceitável; de outro, agentes de combate a endemias sentem falta de renovar Equipamentos de Proteção Individual (EPI) que lhes permitam ir a campo. Ou seja, precisam de botas, máscaras e itens afins para entrar em terrenos baldios e subir em tanques, por exemplo.

Muitos desses equipamentos foram adquiridos na gestão anterior e, devido ao período de uso, se encontram em más condições – alguns, aliás, já nem existem. A queixa chega até o SINDACS-ACE (Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate a Endemias), que chama a atenção: algumas áreas da cidade são mais vulneráveis e requerem seja ainda mais intenso o trabalho de combate.

Vale lembrar que a população de bairros como Maria Pinheiro, Pedro Jerônimo e tantos outros fica até 15 dias sem abastecimento de água. Por isso, acaba utilizando reservatórios inadequados, o que favorece a proliferação do mosquito causador de dengue, zika e chikungunya.

Prefeitura de Alcobaça adquiriu cinco novos consultórios odontológicos

Com essa nova aquisição, os antigos equipamentos serão substituídos pelos novos, garantindo pleno funcionamento de 12 (doze), distribuídos nas nove Estratégia de Saúde da Família (ESFs) e outros três no Centro de Especialidades Odontológicas (CEO).

Com a abertura de duas novas unidades, previstas para este semestre, os alcobacenses vão contar, ao todo, com catorze 14 (catorze) consultórios, equipados para os atendimentos de 14 dentistas e 14 auxiliares de consultório dentário.

Os tratamentos dentários são, em geral, considerados caros e fora do alcance financeiro da grande maioria da população. Equipar as unidades básicas de saúde é a maneira de incluir toda essa gente no grupo de pessoas com proteção bucal, rompendo a política pública do passado de extrair os dentes e substituir por próteses dentárias, as chamadas dentaduras.

Para o prefeito Léo Brito, “a atual gestão reformulou completamente a atenção básica em saúde bucal, elevando a qualidade dos atendimentos aos alcobacenses”, afirmou.

Ilhéus: Sítio São Paulo é o primeiro ´loteamento fechado´ a obter regime jurídico

O condomínio denominado Sítio São Paulo, localizado à margem da praia do Sul, no Bairro Francisco, foi o primeiro de Ilhéus a obter o regime jurídico de “loteamento fechado”, pelo prazo de 15 anos. O Decreto nº 087, assinado nesta sexta-feira, 6 de julho, pelo prefeito em exercício, José Nazal Soub, e pelo secretário de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável, Alisson Mendonça, concede, através da Associação dos Proprietários e Moradores do Sítio São Paulo, o regime jurídico de loteamento fechado ao condomínio residencial Sítio São Paulo.

O Decreto foi baseado na Lei Municipal 3.745, de 9 de outubro de 2015, que estabeleceu a possibilidade de o Município conceder o regime jurídico de loteamento fechado às entidades que assim requererem. Nesse caso, a solicitação foi feita pela Associação dos Proprietários e Moradores do Sítio São Paulo mediante processo administrativo.

Em contrapartida à medida, salvo as determinações contidas na lei, o Município pediu a doação de uma área para futura construção de equipamento público, o que se materializou numa área de 2.671,71m2, localizada na Rua do Acupipe, no bairro Teotônio Vilela. A doação feita pela Associação foi devidamente registrada no Cartório de Registro de Imóveis do 1º Ofício.

Conforme o Decreto, a Associação dos Proprietários e Moradores do Sítio São Paulo passa a ser responsável, como concessionária, pela gestão do loteamento, a partir de 1º de agosto de 2018, devendo assumir diversas obrigações. Dentre elas, os serviços de manutenção e conservação de áreas verdes e árvores públicas, das vias públicas de circulação, calçamento, sinalização de trânsito e sistema de drenagem de águas pluviais; coleta e remoção de lixo domiciliar (o qual deverá ser depositado em local apropriado para recolhimento pela coleta pública); limpeza das vias públicas e sistema de escoamento de águas pluviais; prevenção e combate a sinistros, incêndio e pânico, além da manutenção e conservação da rede de iluminação pública.

Diante da medida, o Município de Ilhéus realizará inspeções quinquenais ordinárias no loteamento, a fim de verificar o fiel cumprimento das obrigações assumidas pela concessionária. Se houver motivo justificado, o Município poderá realizar inspeções extraordinárias no condomínio.

 

Fonte: Jornal Bahia Online/PSB/Diário Bahia/O Sollo/Municipios Baianos

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!