05/07/2012

NACIONAL:Câmara aumenta verba de gabinete

 

O presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia (PT-RS) sacramentou, nesta quarta-feira (4), um aumento de 30% na verba utilizada pelos parlamentares para a contratação dos secretários parlamentares. O gasto com os assessores, que era limitado a R$ 60 mil, agora pode chegar a R$ 78 mil mensais. 

O reajuste, solicitado pelos deputados e aprovado pelo governo, vai representar um custo adicional de R$ 115 milhões aos cofres públicos.

A medida foi tomada através de ato da mesa diretora. As regras para a aplicação da verba, no entanto, continuam as mesmas, de acordo com a assessoria da Câmara. Os parlamentares podem contratar entre cinco e 25 secretários, distribuindo-os por 25 níveis salariais que variam entre R$ 622,00 e R$ 8.040. O aumento não modifica as faixas, permite apenas a promoção daqueles que ganham abaixo do teto de R$ 8 mil.

Os R$ 78 mil só podem ser empenhados nas contratações e não passam diretamente pela mão dos parlamentares. O aumento na verba para contratações representará um custo adicional de R$ 115 milhões aos cofres públicos

Fonte: Agência Câmara

Comentários:

Comentar | Comentários (0)

Nenhum comentário para esta notícia, seja o primeiro a postar!!